Trabalhando na Disney – Parte 1

por 28 nov 2005Artigos


Um dos grandes sonhos de todos aqueles que admiram a Disney sempre foi poder trabalhar como membro do elenco (designação empregada a todos os funcionários da Disney), conhecer os seus bastidores, o seu alto padrão de atendimento, a filosofia da empresa. Enfim, ter a possibilidade de aprender mais sobre um dos mais bem sucedidos empreendimentos de todos os tempos.

Importante frisar que para trabalhar na Disney o candidato deve preencher alguns requisitos básicos, como por exemplo: possuir no mínimo 18 (dezoito) anos de idade, inglês fluente, estar cursando universidade, possibilidade de arcar com as despesas atinentes a passagem aérea de ida e volta, bem como seguro médico internacional e visto, disponibilidade de tempo para participar de palestras informativas, comparecer a entrevistas, dentre outros. Para maiores informações visite o site do Walt Disney World International Program.

Essa é a primeira matéria que passo a escrever sobre a experiência de trabalhar na Disney, pois acredito que assim como eu, existam muito interessados pelo assunto. Para que tais matérias sejam possíveis, conto a colaboração do amigo Guilherme Buso (20 anos, Santo André SP, estudante de jornalismo da Universidade Metodista) que estará contribuindo com os seus relatos pessoais sobre a experiência de ser um cast member, bem como com reportagens realizadas com outros funcionários.

Em dezembro desse ano, Guilherme Buso embarcou para Walt Disney World Resort Flórida e após passar por todo o treinamento ministrado pela empresa aos seus novos funcionários, passou a exercer as suas funções no parque Disney-MGM Studios, mais especificamente na atração Jim Henson´s Muppet*Vision 3-D (um espetáculo que conta com os personagens de Jim Henson, onde após assistir a um pré-show que dura aproximadamente 12 minutos os visitantes são conduzidos a um teatro com capacidade para 584 pessoas, onde assistem a um filme em 3D que mistura impressionantes efeitos visuais, sonoros, pirotécnicos, bonecos animatrônicos e muito mais).

Guilherme Buso gentilmente nos elencou algumas das suas atribuições desempenhadas na atração, vejamos:

1) Entrada – arrumar os carrinhos de bebê no estacionamento, dar boas-vindas e manter-se sempre atencioso para responder a eventuais dúvidas formuladas pelos visitantes.

2) Photocell – atentar para a contagem automática efetuada pelo dispositivo denominado Photocell, posto que a lotação máxima do teatro é de 584 (quinhentos e oitenta e quatro) pessoas.

3) Pré-show – informar aos convidados durante o pré-show que não é permitido no interior do teatro tirar fotos, filmar, levantar, dentre outras advertências.

4) Teatro – estar sempre atento para que o espetáculo transcorra normalmente, sem quaisquer problemas.

5) Saída – recolher os óculos 3D e organizá-los nos bastidores para que no final do dia possam ser transportados para a higienização.

Assim encerro essa primeira matéria, reafirmando que é a primeira de uma série que graças a ajuda do amigo Guilherme Buso estaremos incluindo aqui no site, procurando trazer um pouco dessa mágica experiência de trabalhar na Disney.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MacroBaby VIP
Booking.com


%d blogueiros gostam disto: