Planejamento - Dicas

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Bagagem

 mensagem postada em 29/05/2007 - 14:05:39hs
 
 

Minha dica é para comprarem uma balança (de mão e muito simples) vendida em uma loja famosa de malas (tem em todos os Shoppings e Outlets) que custa U$ 9,90 para no próprio hotel se pesar a mala e não ultrapassar o peso.

Facilita muuuuito

Abs

Mabriso

 


 
Fim de Viagem

 mensagem postada em 29/05/2007 - 14:05:19hs
 
 

Amigos(as), muito cuidado para não incidir no meu erro. Não deixem para fazer as suas malas de volta para o Brasil no(s) último(s) dia(s)!!!

Dependendo do que você comprou na viagem, deverá retirar o produto da embalagem, para que o mesmo possa ser melhor acondicionado na mala, de maneira que esteja bem protegido e ocupe o menos espaço na sua mala.

Lembrem-se da quantidade de mala e de peso que cada pessoa tem direto a transportar sem ônus através da companhia aérea. E nestas horas lembrem-se também que uma maior quantidade de malas e bagagens poderá despertar a voracidade tributária da Polícia Federal, quando de sua passagem na alfândega.

Por isso, não deixem para a última hora esse que certamente é o segundo pior momento da viagem (o primeiro sempre é a viagem de avião!!!). É nessa hora que você se dá conta do quanto você extrapolou nas compras de tênis, sapatos, brinquedos, aparelhos eletrônicos, roupas e etc e tal.

E quando você sabe que tem que fazer o check out até às 11 da manhã do dia de seu embarque, é que as coisas ficam ficam críticas, o tempo fica cada vez mais escasso.

Por conta disso, acabei faltando com o meu criterioso e bem elaborado roteiro, pois não pude ir justamente ao Wet'n Wild por falta de tempo, já que eu o havia reservado para algumas horas do dia de minha volta. Talvez eu não devesse realmente ter alocado o Wet'n Wild para esse dia mesmo. Mas fazer o quê? Fica o aprendizado para uma próxima viagem.

Abraço a todos.

 


 
Tô contigo

 mensagem postada em 29/05/2007 - 13:05:34hs
 
 

Rodrigo Sales Bueno aqui abaixo deu uma dica que eu também recomendo: leve lanche aos parques. É uma baita economia tanto de dinheiro quanto de tempo. Tempo, coisa preciosa nos parques, principalmente quando se vai em alta temporada. Eu preparei meus lanches no hotel que tinha café da manhã. Colocava frutas e pães. Comia-os na própria fila dos brinquedos. Deu super certo.

 


 
Dica Boa

 mensagem postada em 29/05/2007 - 13:05:51hs
 
 

Programa imperdível para a noite. Reserve a noite (de preferência aquela que voce não foi a parque), para assistir aos jogos da NBA. É de arrepiar. O ginásio é muito legal e de fácil acesso. O ingresso mais em conta custa US$25 por pessoa e vai variar conforme a localização (todos c/lugar marcado). Fui no mais em conta e a localização é otima. Não estava muito cheio e pude me sentar mais próximo da quadra. Nos intervalos do jogo, eles tem um show na quadra e pessoas que ficam na arquibancada, entretendo o público. Vale cada centavo, tanto para quem curte como para os que não gostam do melhor basquete do mundo...

 


 
Dicas

 mensagem postada em 28/05/2007 - 18:05:05hs
 
 

Comida: Vitorios, Camilas, Olive Garden e Cicis, Ponderosa nem pensar, achei péssimo.
Compras: out let Premium, todas as marcas apreços convidativos, uma pechincha!!!
Tenis:compra de tenis no Florida Mall onde estão os modelos mais novos e lançamentos que vc não encontra no out let.
Hotel: Hamptom Inn South Universal
Parques: levar de casa água , refri e lanche , vc faz umabela economia além de não precisar comer fast food todo dia.Marque sempre o lugar que estacionou o carro, vi muita gente perdida , pois não sabia onde deixou o carro no estacionamento. Tente mesclar um parque longo com um mais curto no outro dia, exemplo MK em um dia e sea World no dia seguinte.

 


 
Parques Aquáticos

 mensagem postada em 25/05/2007 - 12:05:10hs
 
 

Se e quando possível, não deixem de visitar os Parques Aquáticos de Orlando. Durante a minha estada, reservamos (eu, minha mulher e minha filha de 5 anos) um dia inteiro para o Thyphoon Lagoon e para o Blizzard Beach, podendo lhes dizer que não me arrependo nem um pouquinho dessas escolhas.

Muito pelo contrário: a nossa ida foi inesquecível. Infelizmente eu não pude ir por razões motivos alheios à minha vontade ao Wet'n Wild, mas posso garantir que eu também iria adorá-lo. Mas caso haja uma próxima viagem, reservarei um dia especial para ele (além do Aquactica do Sea World, que certamente será lindo).

Posso lhes assegurar, como freqüentador assíduo de primeira fila de todas as montanhas-russas da Flórida, que várias atrações destes parques aquáticos são muito mais radicais do que aquelas sensações sentidas nos outros Parques Temáticos. Motivo: nas montanhas-russas e outras atrações similares (simuladores, por exemplo), você está sempre bem preso aos assentos (cintos e coletes de todos os tipos), enquanto que nas atrações aquáticas você está solto, sob o efeito constante da gravidade.

Digo mais: a segunda "pior" (mais radical para mim) atração da Flórida (depois do avião de ida-e-volta de Orlando, por causa das turbulências. Aliás, um parênteses: como alguém se recusa a ir a uma montanha russa quando tem que enfrentar uma viagem de avião para chegar a Orlando, que é muito pior, pois você não está nem um pouquinho seguro nele. O que tem abaixo do avião? Quem garantirá que você chegará bem ao seu destino?!) é certamente o Summit Plummet, onde você cai de uma colina de 36 metros a 88km/h. É de dar medo, pois você consegue ver lá de cima, à sua frente, a bola do EPCOT, o chapéu do Mickey da MGM e a Torre do Terror, que com o devido trocadilho, traduz a sua viagem rumo ao solo. Excelente brinquedo, mas não quis ir de novo.

Mas esses parques não são compostos somente de atrações radicais: há muitas atrações tranquilas, bem como diversas áreas para relaxamento e diversão.

E para quem tem um criança junto a si na viagem, nada melhor do que vê-las se esbaldando nesses parques. Minha filha de 5 anos amou tudo (e olha que ela foi a quase todas as atrações, inclusive algumas que eu julguei um tanto radicais, como uma descida de frente em tubo através de um tapete), e quis repetir vários e vários brinquedos, além de ficar nas praias e piscinas dos complexos. Valeu muitíssimo a pena.

Digo mais: a nossa viagem, que foi magnífica, teve um incremento especial com a ida a esses parques. São excelentes para relaxar e para curtir os dias quentes de Orlando.

Então, aqui vai a minha dica: procure adquiri ingressos da Disney que contenham a opção de visitar gratuitamente os parques aquáticos da Disney (With Park Fun and More Options). E entre o Blizzard e o Thyphoon, prefira o Blizzard, que é um parque muito alegre, com cores vibrantes, mais e melhores opções de entretenimento (apesar de ter adorado o Thyphoon também).

Como eu não fui ao Wet'n Wild, e diante de tudo o que eu pesquisei, creio que este também seja um excelente parque. Mas certamente não tem algo que os outros tem de sobra: toda a magia da Disney, que consegue também passar para os seus parques aquáticos todo o clima exuberante que envolve os seus parques (lembro que ambos os parques também são temáticos).

Abraços.

 


 
Livro de descontos em Orlando

 mensagem postada em 24/05/2007 - 13:05:21hs
 
 

Comprei direto no site www.entertainment.com um livro cheio de cupons de desconto para lojas, comida e atrações em Orlando. No site tem opções de outras cidades alem de orlando, paguei US$9,99 pelo livro e mais US$5,00 pelo frete, chegou em 1 semana. Junto com o livro veio um cartão para decontos nas lojas e outro de ligações telefonicas. Bem legal o livro, recomendo.

 


 
talk-about

 mensagem postada em 22/05/2007 - 12:05:01hs
 
 

Ainda no assunto sugerido, é excelente o uso de Nextel. Para quem tem, não deixe de usar para falar com o Brasil. Você opta em pagar R$2,50 por dia e uso ilimitado ou 30 reais por mês para uso ilimitado tbm...´

funciona perfeitamente...

Abraços,

Augusto Reis

 


 
Comprem talk-about

 mensagem postada em 22/05/2007 - 11:05:28hs
 
 

Para quem vai a Orlando com turma grande, o interessante é comprar um talk-about. Foi muito útil quando viajei. Compramos no Wal-mart logo que chegamos. Usávamos todos os dias nos parques, cada casal ficava com um, no horário do almoço nos encontrávamos e na saída do parque nos comunicávamos para marcar um ponto de encontro. É também muito útil nos shoppings.

 


 
Olá pessoal!

 mensagem postada em 15/05/2007 - 16:05:36hs
 
 

Para tratar de sugestão de livros e guias eu gostaria de sugerir que o tópico "Livros e Guias" (link).

Realmente o livro "The Unofficial Guide to Walt Disney World" (2007) escrito por Bob Sehlinger é muito bom.

Um forte abraço a todos,
Luiz Carlos ºoº

 


 
 
Você Sabia Que ... O número do prédio do corpo de bombeiros da Main Street U.S.A é “71” em homenagem a inauguração do Magic Kingdom que se deu em 01 de outubro de 1971.