Orlando Tickets Online
 

Alfândega - Relatos

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais recente para a mais antiga
 

O objetivo do presente tópico é o de servir de espaço para que possamos postar - relatos - sobre as nossas experiências com a alfândega (exclusivamente). Peço que questionamentos sobre a "cota de isenção" sejam reservados para o seu tópico específico - Alfândega - Cota de Isenção.

leia essas informações
 
Índice  
Richard Oliveira
 
Membro
 
 
Abadia Dos Dourados - Mg
 
Inscrição: 23/05/2011
 
 
Erica Ramalho
postado por: Richard Oliveira

 mensagem postada em 16/02/2012 - 09:02:35hs
 

Olá Erica,

o seu relato sobre o caso da Cira foi para o tópico Recados, porque quando mencionou o "palavrão" com aqueles símbolos, você usou o simbolo de "A.r.r.o.b.a" o sistema aqui do VPO está programado para não permitir inserir e-mails em outros tópicos somente lá é permitido. (tem todo um motivo e é muito justo ser direcionado para lá).

Como nenhum sistema é perfeito, acabou interpretando que você postou um e-mail já que o simbolo "a.r.r.o.b.a" é usado para identificar endereços eletrônicos.

Achei muito interessante o que disse e acho que vale a pena postar neste tópico o que informou (tirando o simbolo de "a.r.r.o.b.a"), já que em dois ou três dias as mensagens no tópico Recado é apagada definitivamente.

Erica Ramalho
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 26/01/2012
 
 
Cira
postado por: Erica Ramalho

 mensagem postada em 16/02/2012 - 09:02:13hs
 

Cira,
Como sou advogada, e até por interesse proprio ja que estou com viagem marcada, procurei alguns julgados para ter uma ideia caso vc resolvesse entrar com uma ação contra a União.
Encontrei muito poucos julgados, ja que esta instrucao normativa 1.059 da receita federal é nova. No entanto, ja gera muitas discussoes entre os juristas e doutrina pois esta IN é muito vaga.

Um exemplo é a maquina fotografica: pode trazer uma como uso pessoal, mas a lei só fala que tem que ser uma maquina compativel com a viagem.
Para turistas, muitos policiais entendem que até semi profissional, nao mais que isso.

Tenho amigos da PF do RJ, entao resolvi perguntar a eles como esta sendo na prática. Eles me disseram isso mesmo: máquina ate semi profissional eles nao taxam. Foram bem diretos ao afirmar que este PF que pegou vc foi um #$#%# (enorme palavrão). rsrsrsrs

Tb me afirmaram que eles nao taxam roupas sem etiquetas. Isso porque a lei tambem nao é precisa,mas fala que roupa de uso pessoal nao é taxada. Adicionando aqui a informação de que roupas tem que ser adequado ao tipo de viajem. ex: se voltar de orlando com roupas de esquiar ou roupas de frio para viagem em pleno verão, eles taxam.

Quanto ao Notebook e ipod, isso nao tem jeito. Nao é uso pessoal.
Bom, o que interessa explicar é que o viajante é quem tem que fazer prova de que é de uso pessoal, por isso falam pra trazer maquina com fotos e fora da embalagem, roupas sem etiquetas e telefone celular funcionando.

Se sua maquina e suas roupas estavam nessas condicoes, eu te aconselho a procurar um advogado.

Tenha duas coisas em mente: no judiciario nada é certo. Acredito que suas chances de ganhar sao boas, mas tem cada decisao que ja vi nesta vida.... Já respirei fundo inumeras vezes, mas estou certa que nao saio desta vida sem uma prisao por desacato... kkkkk Outra coisa é que o judiciario é caro, advogado tambem é um custo..... mas advogado caro nao é sinonimo de advogado bom. Procure bem. E faça as contas antes de tomar esta decisao.

Outras informacoes que precise me mande email, te dou uma ajudinha. Muitas coisas nao posso postar aqui...

outra coisa que posso adicionar é para tomarem cuiado com quantidades. Não vi muitos relatos sobre isso aqui, mas qualquer objeto acima de 10 dolares só poderao ter 3 identicos. ex: uma amiga trouxe 4 porta retrados digitais. Ela nao foi parada, mas se fosse seria taxada como comercio. Isso significa que taxariam 60% em cima do total e mais 50% em cima do que passar de 500 dolares. Cuidado.

bjks

Andréa Márcia Gil Magnacca
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 20/09/2011
 
 
Ajudaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
postado por: Andréa Márcia Gil Magnacca

 mensagem postada em 16/02/2012 - 11:02:03hs
 

Estamos indo agora em abril........( eu, marido e dois filhos)
Estamos levando uma máquina fotográfica pequena, 1 notebook para meu marido trabalhar ( se é que ele vá conseguir ) rádio (nextel) e aparelhos de celular de uso nosso......a dúvida é:

Preciso fazer declaração desses bens na ida?????

E a volta,

Quero comprar 1 máquina fotográfica maior.....aparelhos de celular.....notebook ou tablet...video-game e outras coisas a mais, como devo proceder para não pagar??????
A dúvida é que vai somar os produtos da ida e volta, e agora?????

Obrigada

Beijinhos,

Roberval Taylor
 
Membro destaque
 
 
 
Inscrição: 13/01/2012
 
 
Andrea
postado por: Roberval Taylor

 mensagem postada em 16/02/2012 - 11:02:00hs
 

Cada pessoa tem direito a trazer uma máquina fotografica (uso pessoal), 1 relogio. Se vc tem certeza que vai comprar uma máquina fotografica lá, não levaria uma daqui. Não existe mais aquela declaração de saída de equipamentos do país, assim voce so comprova que estes bens estavam no país antes da viagem se tiver a nota fiscal dos mesmos. Quanto a quota, é de US$ 500 por pessoa, não cumulativa. Assim se vc trouxer I Pad ou Lap Top acima desse valor, deverá pagar imposto de 50% do que passar da quota, não podendo somar por exemplo sua quota com de seu esposo para o mesmo bem OK ? Boa viagem.

Jordana Goncalves de Oliveira
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 07/02/2012
 
 
Andrea
postado por: Jordana Goncalves de Oliveira

 mensagem postada em 16/02/2012 - 11:02:17hs
 

Oi Andrea!

Não sou uma expert nesse assunto, pois quando voltei de Londres em 2010 as coisas estavam diferentes.

De qualquer maneira, minha sugestão é a seguinte: Vocês estão em 4 pessoas correto? Se você considerar que cada um tem direito a sua cota, o melhor é quando vocês voltarem dividirem as compras levando em consideração os itens que estão isentos e o que vocês compraram. Desta forma acho que você minimiza o risco do valor a ser pago de imposto. Até pq ninguém merece se taxado quando não deveria.

É claro que se alguma coisa que você comprou, que não está inclusa na cota de isenção, ultrapassar os $500 aí você tem que pensar se vai correr o risco ou não.


Obs: Não sei qual a idade dos seus filhos e como funciona a questão para cota quando se é mais novo.

Natasha Escames
 
Membro
 
 
Sao Paulo - Sp
 
Inscrição: 30/11/2011
 
 
Andrea
postado por: Natasha Escames

 mensagem postada em 16/02/2012 - 11:02:21hs
 

É recomendável que você não leve esses seus pertences do Brasil se você tem certeza que vai fazer compra dos mesmos por la.
Você pode voltar de lá com 1 celular, 1 camera e 1 relógio de pulso sem que esses entrem na quota.
Eu vou em Agosto e eu irei absolutamente sem nada, só com 2 trocas de roupas, vou chegar la e fazer algumas compras nos 2 primeiros dias de camera, roupas etc...
Porque assim tudo o que eu trouxer não vai entrar na quota, e mesmo porque tudo o que eu vou comprar é pra mim e mais presentes pra quem não foi rsrsrs não quero revender nada então não vale a pena eu passar da quota, lógico que deve ser de pirar e dar vontade de trazer tudooooo rsrsrs por isso é melhor não levar nada e aproveitar toda sua quota, e espaço da mala.

Andréa Márcia Gil Magnacca
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 20/09/2011
 
 
Natasha / Jordana / Roberval
postado por: Andréa Márcia Gil Magnacca

 mensagem postada em 16/02/2012 - 13:02:02hs
 

Obrigada amigos Vepeoenses,

Foi muito útil a opinião de vocês.........sendo assim, vou levar o mínimo do mínimo, 1 telefone celular/rádio e o notebook que são imprescindível.......( Meu marido é autônomo e ele precisa trabalhar por lá, só não sei se ele vai conseguir) rs
Vou providenciar as Notas Fiscais para levar então Roberval......

Somos 3 adultos e 1 criança....todos com a mesma cota de U$ 500,00, acho e espero que não passe da cota de cada um....e isso mesmo Jordana vou distribuir muito bem nas malas de cada um na volta........roupas/eletrônicos

Pretendo ir com as malas bem vazias....praticamente uma dentro da outra, Natasha rsrsrs

beijinhos,

Roberta Poletto
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 16/06/2010
 
 
ANDREA
postado por: Roberta Poletto

 mensagem postada em 16/02/2012 - 13:02:53hs
 

Oi tudo bem com você? Vi que vc também anda preocupada quanto a alfandega de Manaus, vamos trocar idéias e se souber de alguma novidade te aviso.
Vamos eu, meu marido e filho de 8 anos dia 19/04 e voltamos dia 03/05 por Manaus. Até pensei em tentar trocar a volta mas não sei se é necessário.
Bjos e conversamos

Roberval Taylor
 
Membro destaque
 
 
 
Inscrição: 13/01/2012
 
 
Andréa
postado por: Roberval Taylor

 mensagem postada em 16/02/2012 - 14:02:11hs
 

Andrea,
não esquece de pedir para desbloquear o Nextel, quando estiver próximo de sua viagem, se não vcs não vão conseguir utilizar nem o rádio nem o celular dele lá OK ?
Se não me engano, tem uma taxa de R$ 29,00 por mes para isso !!
Abraços e boa viagem.

Andréa Márcia Gil Magnacca
 
Membro
 
 
 
Inscrição: 20/09/2011
 
 
Roberta Poletto !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
postado por: Andréa Márcia Gil Magnacca

 mensagem postada em 16/02/2012 - 14:02:35hs
 

Eu falo o mesmo Roberta, se eu souber de alguma coisa a mais sobre alfândega em Manaus, eu te falo......que é preocupante, isso é......snif
Vou tentar trocar a volta sem pagar multa, vou conversar com minha agente......mas se não der, paciência, seja o que Deus quiser........rs
Vou me hospedar no Rosen Inn e você?????
Beijinhos

 
Você sabia que em 1971 o ingresso do Magic Kingdom custava apenas US$ 3.50 para adultos, US$ 2.50 para menores com idade entre 12 e 17 anos; e, US$ 1.00 para menores com idade entre 03 e 11 anos. Diferentemente do sistema atual, com esse ingresso os visitantes tinham direito a brincar em apenas duas atrações e se quisessem participar de outras tinham que adquirir outros ingressos.