Enquete - Você tem receio de voar?

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Medo + Claustrofobia

 mensagem postada em 10/12/2013 - 17:12:26hs
 
 

Pessoal alguém poderia me indicar um remédio, de preferência ansiolitico, para eu tomar antes do voo?? Além do medo de voar, tenho claustrofobia. O que na minha opinião, é pior do que um simples medo de altura, turbulência, etc. Ainda mais viajando de economica, que é aquele aperto. Já viajei de avião antes, mas ultimamente minha claustrofobia tem ficado cada dia pior. Qualquer ambiente fechado ou lotado pra mim é sinônimo de pânico. Então queria tomar algum remédio que me apagasse mesmo. Algum que evite que eu tenha uma crise de pânico. O voo de volta ao Brasil será ainda pior pq será durante o dia. Alguém sabe me dizer se é perigoso? Os efeitos do remédio no avião são mais fortes? Quanto tempo antes do voo devo tomar o remedio? Já tentei dramim e outros calmantes que nao precisam de receita mas nao adianta nada. Até já marquei médico para que ele me oriente algum remédio, pq sei que vou precisar de receita. MAs se alguém puder me indicar algum eu agradeço.

 


 
Morro de medo

 mensagem postada em 30/09/2013 - 17:09:04hs
 
 

Morro de medo, mas fazer o q, tenho q voar. Antigamente tomava um vinho ou cerveja, e relaxava. Mas com os filhos fiquei mais paranoica, sei lá. Hj em dia faço terapia e tomo um ansiolítico antes do voo. fica td beleza. kkkkk coisas da idade eu acho mas vejo pelo lado positivo já que não me deixo abater e enfrento meus medos.

Quantos as crianças para diminuir o stress para todos dou dramin gotas ( com um gotinha a mais) quando entramos no voo e em uma hora ou duas eles pegam em um sono maravilhoso que se soma ao sono da noite. Fica tudo tranquilo... tenho um de 6 e um de 2 que são cheeeeeios de energia rsrsrsrs


 


 
Não..

 mensagem postada em 30/09/2013 - 16:09:21hs
 
 

Eu não tenho o menor medo de voar.
Avião pra mim é igual a ônibus: tão chato e entediante quanto.
Mas o que me deixa nervoso é a turbulência,mas não de medo,e sim porque eu fico muito enjoado.
Outra coisa que geralmente me enjoa é a aproximação final,pois o avião balança muito.
Fora isso,tudo tranquilo.
Fui em Abril/2013 e na ida só peguei turbulência chegando em Orlando...o voo foi super tranquilo.Na volta não tivemos problemas.

Mas voltando ao assunto principal: o medo de voar é muito comum e muitas pessoas( a grande maioria) têm.

 


 
Nanne

 mensagem postada em 17/01/2013 - 14:01:08hs
 
 

Em 2011 eu viajei em outubro e em 2012 fui em novembro. A turbulência foi bem chata, eu nunca tinha enfrentado antes. O pior é ficar sem saber o que está acontecendo, o avião subia e descia bruscamente e chacoalhava bastante. Meu marido viu que eu estava meio nervosa e tentava me tranquilizar dizendo que o avião estava passando em cima de alguns buracos e que tinha pedra na estrada...rs mas no final eu estava chorando pq estava mto enjoada e não podia levantar para pegar meu remédio que estava dentro do bagageiro. Um ó do borodogó. E quando a gente ficava uns 5 minutos sem sacodir, vinha um sacolejo dos bravos e eu enjoada...rs. Não desejo a ning.
Por causa do desvio da rota, chegamos em Orlando com 1 hora de atraso, ou seja, foram 9 horas de voo.


Bebel:

Quanto aos bebes de colo, claro que esses choram mesmo, não tem o que fazer, pois eles não sabem falar. Mas os maiorzinhos, nossa, totalmente sem condição de viajar tranquilamente desse jeito. rs rs rs

 


 
com criança pequena

 mensagem postada em 17/01/2013 - 14:01:01hs
 
 

Já voei 3 vezes com minha pequena, a primeira quando tinha 8 meses, a segunda com 1 ano e outra para Orlando ( saindo de Fortaleza) ano passado. Foi tranquilo. Detalhe que, na maioria dos vôos: noturno. No vôo do Rio para cá, depois de Orlando, tive, relamente que mantê-la entretida, mas fora isto, ok;
Estou pensando que vou voltar, desta vez por BSB e é diurno...vou ter que inventar novidades...

Tenho certo medo de voar... mas encaro.

 


 
Nanne Nascimento - Voando com Crianças

 mensagem postada em 17/01/2013 - 12:01:44hs
 
 

Nanne,

Depende do gosto de cada criança. Mas existem alguma opções:

1) Livros de estórias;
2) Livros para colorir e papéis para desenhar (leva um kit de lápis de cor barato e depois joga fora);
3) Comprar um Game, dos baratinhos os camelôs vendem;
4) Jogo de memória;
5) Mini-dominó;

Etc....

 


 
PATRICIA

 mensagem postada em 17/01/2013 - 11:01:03hs
 
 

*Comportamento das crianças (minha filha tem 7 anos)
KKKKKKKKKKKKKKKKK
Pra mim isso chama-se FALTA DE EDUCAÇÃO. Uma cça dessa merece ir ver Freddy Krueger kkk
Minha filha é super mega educada e tranquila. Minha preocupação é só mantê-la entretita para que passe rápido. rs

*Turbulencia:
45 minutos sacudindo é fogo na roupa viu. rs Viaja em que época d ano amiga? kkkkkk

 


 
Nanne

 mensagem postada em 17/01/2013 - 10:01:26hs
 
 

Respondendo suas dúvidas baseada nas minha experiência pessoal (esitve em Orlando 2x)

*Turbulencia (soube do voo infernal sobre uma tal ilha rs)
Em 2011, enfrentei uma turbulência BRAVA, 45 minutos sacudindo. Após o pequeno susto, o piloto nos informou que teve que desviar a rota pois havia uma tempestade tropical em cima do mar do caribe. Eu ñ fiquei com medo, mas fiquei MUITO enjoada, tive que tomar dramin, pois haviamos acabado de almoçar, imagina que desagradável..rs
já no ano passado não tivemos turbulência. Foi tudo bem tranquilo!

*Comportamento das crianças (minha filha tem 7 anos)
Essa é uma parte delicada. Eu fico mto nervosa quando vejo uma criança desrespeitar os pais, pois eu nunca desrespeitei os meus, eles sempre me disseram que se eu fizesse escandalo em público, que eles fariam um escandalo bem pior, então eu sempre obedeci a tudo o que me era ordenado.
Em 2011 foi tudo tranquilo, apesar do vôo estar LOTADO. Já em 2012, o voo estava VAZIO, mas teve uma pirralha de uns 4 anos sentada na poltrona na minha frente que foi berrando de SP até Orlando. Ela dava tapas na mãe, chorava sem derramar uma lágrima, chingava o pai...olha, um show de horrores. E a mãe, uma banana, dizia: "filha, ñ chora, vc ñ quer ver o mickey"? E a menina gritava, esperneava...olha, eu perdi a calma. Queria cochilar um pouco e a garota a plenos pulmões, BERRANDO. Veio gente do avião inteiro ver o que estava acontecendo, uma vergonha. E o pai nem abria a boca.
Na volta, eu resolvi que não ia passar por esse perrengue de novo, caso tivesse que aturar a gritaria do filho dos outros, eu comprei um fone beats by dr dre, ele abafa até o barulho da turbina do avião. E dito e feito. Na volta, teve um menino de uns 5 anos que tb ficou fazendo malcriação com a mãe. Gritando e xingando a mesma, e até as aeromoças que tentavam ajudá-la. Só que era voo noturno, e mtas pessoas queriam dormir e o moleque lá desrespeitando não só a mãe, como todos no avião.

Eu ñ tenho filhos mas eu entendo que é uma viagem longa, cansativa até mesmo para os adultos. Saindo de SP, são 8 horas de voo até Orlando, no meu caso, as 2 x foram voos diretos. Eu tb estou cansada. Eu tb estou com sono. Mas eu não berro no avião por causa disso. Os pais tem que ter mais controle sobre os filhos. Que negócio é esse de uma criança dar tapa na mãe? E berrar com a tripulação? Tá doido... eu nem sou tão velha assim, mas quando eu era pequena, tinha disciplina, respeito, educação...onde será que ficaram esses conceitos??

Bom, mas eu tb vi mtas crianças um pouco maiores (de 7 a 10 anos) bem quietinhas, jogando no ipad, ou assistindo a filmes.

*Alimentação a bordo
Eu sou mto chata com comida. A do avião, até que não é RUIM. Se vc estiver com mta fome, vai acabar comendo.

*Comissarios (perfil e se falam português)
Voo somente com a TAM, e todos falam portugues, são muito educados e prestativos.

*Poltronas

Bom...isso é o de sempre né!? Classe economica não tem mto a dizer. Para mim, ñ é tão torturante, pq tenho 1,66 de altura, mas meu marido que tem 1,90, sofre MUITO.
Os aviões que eu voei pela TAM, eram novos, tudo limpinho e em perfeitas condições.

 


 
Fabio

 mensagem postada em 17/01/2013 - 10:01:32hs
 
 



Turbulência: kkkkk Q ótimo! Tomara mesmo q seja tudo conversa.

Comportamento das Crianças: Nem refiro-me a abuso, barulho...falo mesmo do q podemos fazer p viagem nao ficar tao chata p eles. Não queria levar o DS dela p trazer uma versão mais nova. O DVD portatil tb nao queria levar rs

Remédio: È exatamente o q penso atualmente Fábio rs

 


 
Nanne

 mensagem postada em 16/01/2013 - 17:01:22hs
 
 

Vamos lá:

Turbulência: Já voei para NY, MIA, ATL, ORL, CLT, WAS, LAX, tanto de dia quanto de noite. Nunca ouvi falar nesta tal "ilha" e a tal "turbulência" eu nunca senti. Todas as turbulências foram normais e passavam em poucos segundos.

Comportamento das Crianças: bem, isso é muito relativo! Mas nunca presenciei nenhuma situação que incomodasse de verdade. Na minha opinião, criança incomoda menos que determinados adultos.

Alimentação a bordo: A mesma porcaria de sempre. A comida da ida até que vai, mas a da volta, só por Deus! Salvo se você viajar de executiva ou primeira classe.

Comissários: Os da AA até que são legais, e sempre tem um que remenda o português.

Poltronas: Se não for de primeira classe ou executiva, não tem como fugir do padrão extra minúsculo.

Só uma recomendação. É um pensamento meu, então vale para mim. Cada um faz o que lhe convém, porém, eu jamias, em hipótese alguma, tomaria qualquer coisa que me apagasse....principalmente viajando com crianças. Mas cada um é cada um. Talvez você já tenha ouvido isso, mas não custa repetir...O perigo de voar é o caminho que você faz da sua casa até o aeroporto.

 


 
 
A estátua de Walt Disney segurando a mão do Mickey (The Partners Statue - Magic Kingdom) foi criada por Blaine Gibson. O artista ao esculpir o rosto de Walt buscou representá-lo sorrindo observando as pessoas felizes desfrutando o parque.