Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais recente para a mais antiga
 
Índice  
 
 
Disneyland (parte 1)

 mensagem postada em 01/12/2014 - 22:12:53hs
 
 

Boa noite pessoal!

Inspirada pela colega Alessandra que mencionou sobre a Disney da Califórnia, resolvi postar minha experiência também! Assim vou treinando para meu relato da Disneyworld em janeiro e tentando diminuir ansiedade!

Infelizmente não me lembro mais de tooodos os detalhes, pois fomos em janeiro de 2013. Mas vou colocar os principais pontos e quem tiver dúvida e eu souber responder... às ordens!

Apesar do nome do meu relato, falarei das visitas aos parques da Universal e ao SixFlags também. Se acharem melhor, transfiro para o post da Califórnia.

Perfis dos viajantes: Casal, sendo eu 31 e ele 33 / Objetivo: compras, conhecer restaurantes das celebrities e parques / Já tínhamos visitado a unidade de Orlando em 2012 (detalhe importante que logo explico motivo)

Apenas como referência, nosso roteiro foi (falarei aqui sobre os dias de parques):

07/01 - LA
08/01 - LA
09/01 - LA
10/01 - Universal Studios
11/01 - Disneyland
12/01 - Disney California Adventure
13/01 - SixFlags

14/01 - LA-LV
15/01 - LV
16/01 - LV
17/01 - LV
18/01- LV
19/01 - LV

Alugamos nosso carro em LA pela OTO e deu tudo certo! Recomendo, o preço foi imbatível à época. Até o dia 10/01 ficamos em LA e depois mudamos para um hotel em Anaheim.

Bom, a Disneyland (para quem não conhece) não fica em Los Angeles, mas sim em uma cidade relativamente próxima chamada Anaheim. A viagem de LA até lá dura cerca de 1h (cerca de 50 km). Ao meu ver, não há necessidade de troca de hotel/cidade se os parques estiverem no meio do seu roteiro ou não tiver planejamento certinho por dia, mas tem que sair cedo devido ao trânsito em LA. No nosso caso, optamos pela mudança pela comodidade e pelo preço do hotel ser menor, além da economia do combustível. Nestes pontos fez diferença.

O hotel escolhi com base nos depoimentos do VPO (ou VPNI, não me lembro ao certo) e foi uma escolha mais do que acertada! Ficamos no Best Western Plus - Anaheim Inn. Simples, mas seguro, atendentes super educados e atenciosos, limpo todos os dias, estava novinho e pertíssimo dos parques. Na realidade, fica bem em frente à Disney e só “não dava” para ir à pé pois a entrada era bem mais longe, mas vários corajosos desbravavam os quarteirões.



O hotel não servia café da manhã, mas dentro do complexo tinha um Denny’s e recomendo muito para um brunch. Eles tem até uma parte do cardápio específica para isso. Os parques são pequenos comparados aos de Orlando e, especialmente se for fazer 1 por dia, dá tranquilamente para acordar mais tarde, tomar café/almoço lá pelas 11h no Denny’s, aproveitar o parque e ainda sair antes de fechar tendo visto tudo com muita calma! Pelo menos foi assim em janeiro 2013! rs

Ficamos 3 dias nesse hotel apenas e em todos eles optamos por um desses pratos:



Eles são grandes, mas eu gostava por conta do pão (vem com manteiga, gostinho de pão da chapa) e desses fiapinhos que acho que são de batata. Comia um pouco dos ovos, mas claro que “sobrava”. Entre aspas mesmo porque o que sobrava do meu, o Joca mandava ver. Então de repente pode ser suficiente para 2 pessoas que não comam muito.

***

Próximo relato: Universal Studios

 


 
04 - Busch Gardens (23/10)

 mensagem postada em 02/12/2014 - 11:12:37hs
 
 

Neste dia levantamos, tomamos café em casa e saímos rumo ao Busch Gardens. Chegamos lá por volta das 10h e nos dividimos em dois grupos: os corajosos e os cagões. Eu fui com o grupo dos corajosos na Cheeta Hunt (que eu amooo) e depois voltei pra ficar com os cagões, pois queria levar a Dora para ver os animais. Como o Busch Gardens é um grande zoológico, as crianças amaram! Gastamos parte do tempo no Sesame Street Safari of Fun e próximo do meio dia encontramos todos os personagens ali.

Nos reunimos para almoçar no Zambia Smokehouse... Gostei bastante, apesar de quase não ter referências gastronômicas no Busch Gardens. Os pratos são gigantes e o cardápio é basicamente costelinha com molho barbecue ou frango assado. Também tem alguns sanduíches, sobremesas e frutas da estação.
A tarde assistimos o Iceploration, onde alguns integrantes do grupo aproveitaram para tirar uma soneca. No final do dia fomos embora... Resolvemos passar em um shopping em Tampa para ver se achávamos o maldito iPhone 6. Claro que não tinha, então fomos jantar na praça de alimentação (muito bonita por sinal). Comi uma comida chinesa maravilhosa, mas não lembro o nome do restaurante.


Meu irmão, meu sobrinho e minha cunhada com os personagens. Adivinha onde estava a Dora? Correu!!


Minha tia e minha cunhada


Vovó feliz da vida com a moça cor-de-rosa


Dora atracada com o osso da costelinha

 


 
H2O (15/set) 18 - O grande zoológico de adrenalina (parte1)

 mensagem postada em 02/12/2014 - 17:12:09hs
 
 

Segunda-feira, dia lastimável quando no Brasil, dia feliz quando em férias, e dia mais do que especial quando em Orlando. Porém, o destino era fora de Orlando, era dia do tão esperado Busch Gardens, em Tampa!
Acordamos cedo em nosso já tão tradicional ritual, tomamos banho e partimos rumo ao CSI: The Experience pois tínhamos feito reserva do ônibus que nos leva até o Busch Gardens, e este era o endereço mais perto de nosso hotel.

Caminhamos por menos de 10 minutos e já estávamos lá. Estranhamos ter tão pouca gente lá na frente, e demoramos a descobrir que o ônibus para ATRÁS e não na frente do CSI! rs
Fomos para trás e estava com bastante gente, mas em poucos minutos 2 grandes ônibus chegaram e entramos em um deles. Todos ficavam nos olhando, pois estávamos com a mesma camiseta regata, pois era a única regata que tínhamos achado/gostado/comprado e o calor estava demais, então fomos de par de vasos kkkkkk
Entramos no ônibus, pegamos um voucher para a volta com um simpático motorista, e tranquilamente sentamos, nos acomodamos e partimos em poucos minutos.
O trajeto é um pouco demorado, ainda mais se você for LOUCO por montanhas russas e adrenalina e ser sua primeira vez, como era nosso caso, foram 65 minutos de ansiedade e inquietação.

A primeira coisa que vimos de relance foi a Montu, sua imponência azulada nos deixou boquiabertos, principalmente eu que nunca tinha ido em uma Montanha Russa invertida. Chegamos no parque, descemos do ônibus, e começamos nossa saga tradicional: eu de um lado chocado emocionado agradecendo a Deus por finalmente estar ali, e Lucas chocado de lado a lado tirando mil e uma fotografias.





Antes de começar a falar das atrações de acordo com o roteiro que fizemos, gostaria de fazer um parênteses para falar do parque em si:

O parque nos surpreendeu muito, principalmente após eu ler diversos relatos aqui no VPO "falando mal" do mesmo. Não achei em momento algum o parque abandonado, mal cuidado, sujo, nada. Pelo contrário! Achei um parque sensacional, muito verde, muita natureza, muitas interações com animais (consegui ver mais animais aqui do que no AK por exemplo, o que pra mim foi uma surpresa negativa em relação ao AK e positiva em relação ao BG) e no geral o parque é muito gostoso, não só pelo fato de eu AMAR loucamente montanhas russas, e Lucas também, mas pelo fato de ser bem grandioso, bonito e com muita natureza e pontos excelentes para fotografia. É praticamente um imenso zoológico cercado de atrações.

Começamos pela Cheetah Hunt, a fila estava em 15 minutos, mas demorou um pouco mais, pois teve uma pequena parada técnica, e por ser a montanha russa mais nova e mais perto da entrada, acaba atraindo mais gente. Ficamos cerca de 25 minutos na fila, mas tudo tranquilo.
Front row, sentamos, travas de segurança, e eis a surpresa: eu jurava que essa MR seria bem sem graça, mas não! Ela é uma delícia! uma suavidade sensacional, um trajeto bem comprido e muito gostoso, com curvas suaves, subidas, descidas, e seus 3 lançamentos deixam tudo ainda mais divertido, principalmente com aquele barulho que faz, parece um rugido mesmo de animal, piramos! E claro, não posso deixar de citar a única inversão do percurso, que acontece sob uma linda paisagem com um lago, muito incrível!
Nota: 9,5 - pois poderia ter mais inversões e maior altura! rs





Seguimos pela área de observação Cheetah Run e conseguimos ver algumas cheetahs, porém a apresentação iria demorar a começar, e nosso lado "loucos por adrenalina" falou (bem) mais alto e corremos seguir roteiro.

Com o meu roteiro em mãos, era hora de ir para a área do Egito, e passamos por diversas reservas e trilhas com diversos pontos de observações, diversos animais, muito legal! Conseguimos fotos ótimas! Não vou postar tudo aqui porque são muuuuitas, mas estou escolhendo algumas das que gosto mais, mesmo sendo difícil rs, esse parque nos rendeu muitas fotos lindas! O legal dele é que todo caminho entre as áreas temáticas, é repleto de pontos de observação de animais, paisagens, etc. Tudo muito bonito.






Paramos para um rápido sorvete. Lucas foi de M&Ms Ice Cream Cookie e eu de Twix! Adoramos os dois, mas me arrependi, o dele estava bem mais gostoso, ai acabamos dividimos os dois entre nós rs uma delícia o de cookies! Uma pena não ter no Brasil





Continua...

 


 
Res: H2O (15/set) 18 - O grande zoológico de adrenalina (parte1)

 mensagem postada em 02/12/2014 - 19:12:38hs
 
 

Thiago,
Tb acho o Busch Gardens um parque bem legal, mesmo pra quem não curte as montanhas russas. Minha tia, por exemplo, ficou maravilhada com as flores rs.

Agora, quero ver você votar: Montu ou Sheikra? hehe

 


 
Dia 10 - Parte 1 - Universal Novamente

 mensagem postada em 02/12/2014 - 22:12:09hs
 
 

Dia 10 - 17.09.2014 - quarta-feira
Complexo Universal Studios 2x3



Segundo dia seguido de Complexo Universal! Seguimos o mesmo esquema do dia anterior: acordamos cedo, tomamos café no hotel e pegamos o transfer até o complexo. Para não repetir o erro do dia anterior, saímos de casa só com uma das varinhas interativas - a menor, que caberia num dos armários. Assim, poderíamos brincar nas atrações e fazer feitiços na área de Hogsmead.

O foco de hoje eram três: Fazer a Harry Potter and The Escape from Gringotts, pegar o Hogwarts Express até o Islands of Adventure e aproveitar bastante esse parque. Logo, a primeira coisa que fizemos ao entrar no Universal Studios foi ir correndo até a atração de Gringotes para tentar pegar uma fila menor. Chegando lá, o tempo de espera marcava 20 minutos. Colocamos nossos pertences nos armários e corremos para a atração.

E, gente, tenho que desabafar: o tempo de espera nos enganou completamente! Passamos o dobro de tempo na fila. E que fila! A espera desse brinquedo é um show à parte. Nos passamos por várias áreas, tiramos foto, entramos num elevador, subimos escadas... Não vou falar mais para não dar 'spoiler', mas a fila é realmente incrível. A única reclamação é que o tempo de espera foi bem maior do que o divulgado.

E, quanto à atração: MUITO BOA! Mais uma das que conseguem misturar brilhantemente adrenalina com tema. O mais legal é que a gente realmente se sente dentro dos filmes, dentro de Gringotes, graças à fila, ao carrinho e ao modo como é a atração.



E meu veredito: saí de lá maravilhada com o brinquedo, mas não achei ele melhor que Harry Potter and The Forbidden Journey, a atração do castelo. Apesar de 'menos realista', a Forbidden Journey tem muito mais adrenalina - o que eu adoro! É quase uma montanha-russa, praticamente vira de cabeça pra baixo, vem um dementador na nossa cara, um dragão cospe fogo debaixo do nosso nariz, nós voamos de vassoura com o Harry... E, pra mim, quanto mais adrenalina melhor!

Saímos da atração, buscamos nossos pertences e fomos para outra atração extremamente aguardada por mim: o Expresso de Hogwarts!

E gente, aqui vai uma confissão de uma Pottermaníaca de coração: eu quase chorei dentro de King's Cross, a estação. É tudo lindo demais, fiel demais. O caminho até o trem é extremamente bem feito! Pra vocês terem uma noção, a gente atravessa a parede rumo à plataforma 9 3/4 - aos amigos Pottermanícos também, não esqueçam de ter uma máquina em mãos para filmar esse momento. É de derreter o coração.







A viagem de trem também é linda demais! Não conseguia parar de sorrir enquanto estava lá dentro... Um vídeo do trajeto é exibido na janela. E, uma coisa que tornou tudo mais mágico foi o fato de a gente ter feito a viagem do jeito certo: pegamos o trem da estação de Londres, com destino a Hogsmead e a Hogwarts.

Chegamos na estação de Hogsmead, já no Islands of Adventure, e aproveitamos para tirar fotos com o condutor do trem =)



Em seguida, vimos que a fila para o Dragon Challenge estava de apenas 5 minutos e fomos correndo fazer o brinquedo. Não resistimos e ficamos um tempo a mais na fila para podermos ir na primeira fileira. Eu adoro essa montanha-russa, especialmente por ser daquelas que tem o trilho em cima - eu falei que adoro adrenalina, né? O Rômulo que ficou levemente apavorado nessa montanha-russa, ahaha.

Pegamos nossas coisas no armário e resolvemos entrar na fila da montanha-russa novamente, mas apenas para tirar fotos.





Continua!

 


 
Res: H2O (15/set) 18 - O grande zoológico de adrenalina (parte1)

 mensagem postada em 02/12/2014 - 23:12:01hs
 
 

Thiago, te enteeendo! Adoro o Busch Gardens e definitivamente não é só pelas montanhas russas! Sua descrição de ser um zoológico cercado por atrações definiu completamente!

E eu também ADORO a Cheetah Hunt, é uma das melhores montanhas russas dos parques! E o engraçado é que a altura mínima para ela é bem pequena, meu irmão de 7 anos foi nela... E ela é uma delícia.

Abraços!

 


 
Dia 10 - Parte 2 - Universal Novamente

 mensagem postada em 02/12/2014 - 23:12:00hs
 
 

Próximo brinquedo: The Forbidden Journey! Uma das melhores atrações de Orlando, na minha opinião! A gente voa, rodopia, sacoleja, vira de cabeça pra baixo... Ou quase! =P
Ao saírmos, o Romulo (que visitava Orlando pela primeira vez, pra quem não sabe) confirmou ter a mesma opinião que a minha: preferia aquele brinquedo à Gringotts.



Exploramos um pouco a loja na saída da atração, onde gastamos alguns obamas, em seguida fomos explorar a área e fazer feitiços.

Como já passava da hora do almoço, decidimos almoçar no Três Vassouras - o que foi uma das decisões mais acertadas da viagem! Além de não estar lotado, as comidas estavam DELICIOSAS. Eu pedi peixei empanado, e fui ao céu e voltei com aquele prato - muito bom poder comer um peixinho e fugir daquela overdose de hambúrguer! Ainda mais para uma caboclinha do Amazonas, feito eu, acostumada a comer peixe toda semana!



O prato do Romulo era uma torta (Pie) de alguma coisa com salada - não lembro de mais detalhes, mas a cara estava ótima e o gosto também, segundo ele. E de bebida, fomos de limonada. O engraçado é que nós, em pleno restaurante bruxo, perguntamos se havia Coca-cola :P

Depois de explorar a área de Harry Potter, fomos passear e brincar no restante do Islands of Adventure. E gente: o parque estava muito vazio. Diferente do Universal, que visitamos no dia anterior e estava bem cheio, graças aos brinquedos novos. As atrações do Islands estavam tão vazias que nós não pegamos fila em quase nenhuma - só precisávamos percorrer o caminho até chegar na entrada da atração.

Uma das coisas que eu mais gosto no Islands são as atrações que molham - são simplesmente divertidíssimas! O lado ruim é que é necessário pagar $4 para poder usar os cofres dessas atrações. Mas não iamos deixar de brincar por isso - afinal, estamos na chuva, vamos nos molhar!

Fizemos o Jurassic Park River Adventure. Como uma foto vale mais que mil palavras, aqui vai. Canto superior direito:



Na área do Toon Lagoon, fizemos a Rip Saw Falls, um dos meus brinquedos favoritos do parque - uma Splash Mountain mais radical!! Começamos o brinquedo levemente em pânico, eu pensando "Ai meu deus!! Porque eu não trouxe a capa de chuva?"- SIM, nós havíamos trazido as nossas capas, mas decidimos ir nas atrações que molham sem elas... Só pelo prazer da aventura!



Também fizemos a Corredeira do Popeye/, que, por ser uma corredeira, é divertidíssima. Nós fomos junto com uma família de americanos nesse brinquedo e, apesar de não nos conhecermos, passamos o brinquedo todo apontando uns para os outros e rindo do quanto havíamos ficado encharcados. No final, nós saímos do bote, mas como a atração estava sem filas, a família resolveu dar mais uma volta no brinquedo. Ainda encontramos eles mais tarde, andando pelo parque, completamente molhados... E felizes! É a coisa mais comum ver gente molhada pela área do Toon Lagoon

Definitivamente nem eu nem o Romulo nos arrependemos, apesar do pânico inicial, de termos ficados absolutamente ENCHARCADOS por conta desses três brinquedos. Detalhe que que eu estava com uma bermuda jeans que não secou até o final do dia. Mas não me importei tanto - a diversão compensou demais. Nós passamos o resto do dia passeando pelo parque, molhados, blusa pingando, cabelo escorrendo - não teve People Dryer que deu jeito. Nós inclusive deixamos de ir no Doctor Doom's Fearfall (as torres que despencam) porque na parte interna da atração estava um GELO e nós estávamos molhados. Mas confesso que nem senti falta - já tinha ido nessa atração antes e tinha achado bem sem graça. Melhor foi ter ido nas atrações que molham! hihi

Na área da Marvel, fizemos a Montanha russa do Hulk - a minha montanha-russa favorita de Orlando! A bicha é tão pesada que eu sempre saio zonza do brinquedo - tonta, de verdade. O Romulo adorou também! Fizemos também o Simulador do Homem-aranha, que é imperdível.



De resto, não tiramos muitas fotos, porque estávamos molhados e voltaríamos ali no dia seguinte. Aproveitamos para brincar muito, salvar as fotos no StarCard e comer muita pipoca, usando o Mug da Universal que eu compro em toda viagem. Foi um dos dias mais divertidos da viagem.

Às sete da noite, pegamos o transfer novamente para o hotel. No dia seguinte, voltaríamos novamente ao Complexo Universal, pela terceira e última vez!

 


 
Res: RELATO 04 (11/11) - NEM O FERIADO ATRAPALHA A MAGIA

 mensagem postada em 02/12/2014 - 23:12:06hs
 
 

Cris, quando eu falo "FP da Space" estou me referindo ao FP em papel que eles nos deram lá porque ficamos na fila e o brinquedo fechou. Esse FP podia ser usado na própria Space e em outros brinquedos, descritos no próprio papel (se não me engano era Thunder, Splash, Piratas, e mais uns dois).

Bjs!




Decidimos, então, que íamos rodar o parque e fazer os brinquedos de acordo com as filas e com o FP. Fomos para a Frontierland e usamos o FP da Space na Big Thunder. Esse brinquedo é incrível, né? Adoro! Apesar de super antigo, simples, é uma delíciaaaaaaaaaaa! Depois, eu tinha FP para tirar foto com as princesas! #vergonhadodia

(mensagem de Juliana Isidoro)


Oi Juliana! Tudo bem?

Me diz uma coisa, pode pegar FP de um brinquedo e trocar por outro? É isso mesmo?
Fui faz algum tempo (em 2012) e me lembrava de o FP ser só para um brinquedo, mas de repente mudou.

Obrigada!
Cris
(mensagem de Cris&Joca)


 


 
Res: Dia 10 - Parte 2 - Universal Novamente

 mensagem postada em 02/12/2014 - 23:12:31hs
 
 

Elena! Que bom que você voltou!

Também gostei mais do simulador do
Harry no Island do que o brinquedo novo!!! Foi unanimidade no meu grupo, aliás!!!

Ah, vendo sua diversão nos brinquedos de água me dá uma pena de não ter ido. Mas nos dois dias que estivemos lá estava MUITO frio! Não ia rolar...

Em breve faço meu relato do Universal/Island!

Beijos!

 


 
Res: Dia 10 - Parte 2 - Universal Novamente

 mensagem postada em 03/12/2014 - 00:12:07hs
 
 

Olá Elena, muito legal seu relato e fotos... Fiquei com dúvidas:

- estas fotos nas atrações você comprou individual ou foi um pacote tipo memory maker? Qual valor?

- o que é a mug que você se refere? O que está incluido? Onde compra e qual valor?

Obrigada!!

Rê ºoº

 


 
 
Cinderella Castle foi inaugurado concomitantemente com o Magic Kingdom em 01 de outubro de 1971, após 18 (dezoito) meses despendidos para sua construção, foi concebido para resistir até mesmo a furacões, graças a sua estrutura interna de aço, fundação de concreto e parte externa em fibra de vidro.