Planejamento - Viajando com Criança

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Nanda

 mensagem postada em 08/09/2011 - 13:09:15hs
 
 

Eu sempre soube que somente crianças a partir de 2 anos tem direito à cota (pois elas já pagam passagem...), mas não posso te afirmar. Se quiser, pergunto na agência onde comprei minha passagem, e tento me informar quando eu embarcar...

 


 
Cota para bebes e crianças

 mensagem postada em 08/09/2011 - 13:09:50hs
 
 

Aproveitando aqui esse topico, que vem os pais e maes...rsrs...

Gostaria de saber se alguem sabe informar com precisao se crianças pequenas (abaixo de 2 anos) tem direito á cota de 500$ para compras.

Cada pessoa que eu pergunto me responde uma coisa diferente...entao nada melhor que eprguntar a quem ja viajou com bebe né?

Se alguem puder responder, ficarei grata!

 


 
Emanuel

 mensagem postada em 08/09/2011 - 09:09:10hs
 
 

Olá Emanuel, tudo bem?

Que bom que deu tudo certo na viagem.....Pretendo levar minha pequena com 1 ano e meio....
Como foi nos parques? Ele ser divertiu nos brinquedos ou teve medo em alguns? E nos 3D ele parava quieto?

Vcs levavam mamadeiras para os parques? Usaram os baby care centers?

Obrigada, abraço!

 


 
Viajando com bebê

 mensagem postada em 07/09/2011 - 16:09:44hs
 
 

Boa tarde pessoal, acabei de voltar de lá com meu filho de 1 ano e 7 meses (que é elétrico, muito espoleta) e gostaria de compartilhar minhas experiências com vocês.

Avião: ficamos 7 dias antes em Punta Cana e depois iríamos para Orlando. Fomos pela Copa, com vôo até o Panamá noturno e o outro trecho não. Punta Cana-Orlando: vôo diurno. Orlando-RJ: maior trecho norturno. Se puder escolher um vôo noturno, é a melhor coisa, pois a criança dormirá a maior parte do tempo, quando ele estava acordado não parava, queria ir até para o corredor, subia na poltrona e olhava para trás, "falava" com outros passageiros, ficava abaixando a janelinha lateral, etc. Sendo assim, nos vôos diurnos, nós tínhamos muito trabalho para entertê-lo.

Limitação de líquidos na bagagem de mão: achei que o pessoal do aeroporto, tanto na ida como na volta, é mais benevolente com o limite de líquidos quando se está com um bebê, levamos bem mais do que o permitido e em nenhum momento nos questionaram.

Alimentação: levei daqui várias papinhas da Nestle, bem como leito ninho, mucilon, Ades, geleia, todinho. Tudo passou sem problemas pela alfandêga americana. OBS.: declarei no formulário da alfandega que não trazia FOOD.

Alimentação dos EUA: compramos mais papinhas da Gerber, comidinhas prontas da Gerber, sucos da Gerber, papinhas doces (algumas organicas), Pediasure. Ele comeu tudo, não tendo problemas de adaptação. No entanto, uma coisa que nós fazíamos no ínicio (enquanto tínhamos as comidindas levadas daqui), era intercalar uma da Nestlé com outra de lá, sendo assim não ocorreu uma mudança drástica do sabor. Até a batata frita e o Big Mac do McDonalds ele estava traçando. OBS.: Fui ao Wal Mart da Kirkmam e encontrei pouca variedade, achei melhor comprar na Target perto do Millenia e na Toys R Us do Florida Mall.

Remédios: levei vários nas caixas fechadas, muitos duplicados em duas malas, por precaução. Nenhum tinha receita. Não houve nenhum problema.
Por recomendação da pediatra, demos, durante 15 dias antes e mantivemos durante a viagem, Kaloba e Vitamina C, para reforçar a imunidade.
Graças a Deus, o único que ele precisou foi o Tylenol e Nenê Dent, que usamos por que achamos que ele estava com dor de dente (durante a viagem, nasceram os 2 caninos de cima e os debaixo estão bem inchados).

Parques: como eu e minha esposa já conhecíamos os parques, optamos em fazer um ritmo mais lento (por causa do meu filho e da minha sogra), andando nos brinquedos que mais gostavamos (ou seja, montanha-russa) e alguns para minha sogra experimentar e retornando mais cedo. O único dia que voltamos mais tarde foi o do Busch Gardens. Meu filho curtiu mais os espaços infantis que tinhas água jorrando, no Universal Studios tem um grande, muito legal. Os parques aquáticos ele gostava bastante.

Entrada com as papinhas em potes de vidro nos parques: entramos em todos os parques com eles, com exceção do Aquática, o funcionário pediu para tirar e colocarmos num potinhos plásticos que ele fornecia. Achei muito ruim, pois assim tive que abrir a comida antes de ele comer, o que poderia gerar proliferação de micróbios.

Carrinho de bebê: meu filho não tem o hábito de andar em carrinho aqui, por isso, so compramos depois de chegar e pela Internet, sendo assim ficamos os primeiros dias sem. Achava que ele não ia ficar de jeito nenhum, mas não sei o que aconteceu, acho que foi o espírito Disney e o fato de ele ver outras crianças nos carrinhos, pois ele ficava comportadinho no carrinho. Sendo assim, valeu muito a pena, pois aliviava o peso e ainda dava para pendurar as mochilas. OBS.: Como era verão e esses carrinhos pequenos tem pouca proteção para o sol, compramos também um capa protetora que cobria quase todo o carrinho, garantindo assim menor exposição ao sol, valeu muito a pena.

Identificação: compramos a coleirinha e as fitinhas de identificação, pois como já disse, meu filho não pára. Chegamos a colocar a fita alguns dias, mas depois, como ele vivia sempre bem perto da gente ou no carrinho, não usamos, mas mesmo assim acho que é válido.

Bem, acho que é isso. Se alguém tiver alguma dúvida, pode ficar a vontade, pois também passei por essa angústia prévia. Abraços.

 


 
Renata Lourenço Rodrigues

 mensagem postada em 07/09/2011 - 15:09:42hs
 
 

Renata,

Não sei te dizer se há alguma restrição sobre a geléia, mas leite ninho vc pode despachar tranquilamente, se precisar levar um pouco com vc, leve a medida suficiente p/ o voo. Eu te aconselharia a levar a lata com o lacre original.

Um abraço e boa viagem!

Valeria

 


 
ALGUÉM POR FAVOR PODE ME AJUDAR????

 mensagem postada em 07/09/2011 - 14:09:31hs
 
 

OI Gente,

Como postei mais cedo,, viajo daqui a 3 dias e estou com dúvidas sobre o leite ninho fases (minha filha só bebe ester leite puro) e a geléia de mocotó.... alguém já levou? teve algum problema? Será que preciso declarar isso no formulário?

Bjks,

 


 
Levar Leite Ninho e geléia de mocotó

 mensagem postada em 07/09/2011 - 11:09:25hs
 
 

OI Gente, viajo daqui a 3 dias e estou com dúvidas sobre o leite ninho fases (minha filha só bebe ester leite puro) e a geléia de mocotó.... alguém já levou? teve algum problema? Será que preciso declarar isso no formulário?

Help me, Pleaseeee!


Bjs,

 


 
Power rangers..

 mensagem postada em 05/09/2011 - 20:09:06hs
 
 

Pois é Fernanda.. vi no site aqui uma foto , mas de 2009 .. como esteve um bom tempo sem passar na tv, achei mesmo q nao tivesse mais.. mas como hoje está passando na NICK (power rangers samurai) penso que possa ter!! sabe me dizer (ou alguém) em que site consigo ver se tem??
Obrigada!!!

 


 
Edmilson

 mensagem postada em 05/09/2011 - 14:09:29hs
 
 

Prezado amigo,

Suas ultimas palavras foram sábias....fiquei fora 5 dias , agora e quase infartei de saudades....

Na realidade quero ir em Novembro, ela estará com 5 meses neste mes. Todos dizem que pelo fato de só mamar no peito, facilita as coisas.

Estou com certo receio, mas acho que vou encarar....

 


 
Alexandre

 mensagem postada em 05/09/2011 - 07:09:34hs
 
 

Prezado Alexandre,

eu já vi aqui relatos de pessoas que levaram bebês com menos de 1 ano. Viajo dia 26 de setembro e levarei minha filhinha que nesse dia terá 10 meses de idade. Vamos despachar na mala uma lata de leite e de mucilon. Chegando lá, pensamos em comprar frutas para ela fazer os lanches. Quanto ás outras refeições ainda não sabemos como iremos fazer. Para completar, minha filhinha não gosta daquelas papinhas da nestlé!

Muitas gente falar que a gente poderia deixar nossa filhinha aqui para podermos aproveitar mais lá. Mas a verdade é que se nós deixássemos não aproveitaríamos nada. A saudade seria maior!

Quando você viaja?

Abraços!

 


 
 
A estátua de Walt Disney segurando a mão do Mickey (The Partners Statue - Magic Kingdom) foi criada por Blaine Gibson. O artista ao esculpir o rosto de Walt buscou representá-lo sorrindo observando as pessoas felizes desfrutando o parque.