Aeroporto - Segurança

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Fabiano Neves Romero

 mensagem postada em 17/10/2012 - 10:10:07hs
 
 

NÃO FAÇA ISSO DE JEITO NENHUM! Por experiência própria, no estacionamento do Florida Mall abriram nosso carro e levaram da mala: notebooks, playstation, e outras coisas! Nosso carro ficou parado na porta da M&M´S!

 


 
Manaus parte 2 /segurança Quem tiver relatos por favor quero todos!!!

 mensagem postada em 17/10/2012 - 09:10:28hs
 
 


Já recebi relatos de Manaus sobre as longas filas na volta da viagem de Miami com uma Polícia Federal muito "empenhada" a ponto de fazer passageiros perderem conexões e também alguns relatos de roubo/arrombamento de malas.

Como consegui por milhagem e observei que está muito concorrido para escolha de assentos, etc acho muito difícil mudar para o Rio ou mesmo um vôo direto...

Gostaria de sugestões e já sei que todos os eletrônicos que eu levar daqui (telefone, notebook, etc) terei que ter nota fiscal para comprovar que são daqui...é o fim da picada!

Gente eu realmente quero todos os relatos que vocês tiverem para me ajudar!

 


 
Fabiano Neves Romero

 mensagem postada em 14/09/2012 - 22:09:56hs
 
 

Eu não deixaria a mala no carro nem vazia!! Pq ja ficaria preocupada... Imagina vc com todas as suas compras. Pode até não acontecer nada, mas acho que vc ir fazer compras/passear no shopping preocupado e pensando o tempo todo nas malas não vai relaxar e aproveitar como deveria.

Não dá para o hotel quardar sua mala e vc ir buscar? Eu no ultimo dia vou fazer isso, mas só algumas lojinhas perto do hotel, bem light esse dia rs.

 


 
Roubo

 mensagem postada em 14/09/2012 - 22:09:53hs
 
 

O grande medo e você curtir 10 dias de viagens compras com todas as economias e no final das contas ser roubado aos 45 minutos do segundo tempo.
Por isso estou muito na dúvida, pois sei se deixar no estacionamento comum, corre-se o risco, porém ninguém tem certeza o quem tem lá dentro.
Se entregar as chaves ao manobristas terão acesso fácil as nossas coisas.
Nos vallets tem seguro contra roubo?
O dúvida cruel.
Tem seguro que cubra esse tipo de roubo.
Obrigados companheiros de viagem.

 


 
Aeroporto Miami

 mensagem postada em 14/09/2012 - 22:09:54hs
 
 

Voltamos ontem e foi td ok!!! A questão é que o aero é imenso e mata qq um de cansaço, puxando malas pesadas ( pagar pelos carrinhos é o fim!! rs rs)...hihihihi

Na hora de tirar os calçados, metais etc...a gente já viu de longe o povo tirando tudo e já fizemos logo isto. A mulher ficava aos berros lá mandando tirar tudo , mas nem ligamos. rs rs

 


 
Fabiano

 mensagem postada em 14/09/2012 - 22:09:12hs
 
 

Qdo chegamos em Orlando , fomos logo ao outlet e com as malas (já que chegamos antes da hora no hotel) ...deixamos o carro no "estacionamento pago".. Fiquei ainda preocupada, já que eles ficaram com a chave..mas foi o jeito. rs rs

 


 
Dúvida contra Roubo

 mensagem postada em 14/09/2012 - 22:09:25hs
 
 

Boa noite.
Tenho uma grande dúvida em relação as compras.
No último dia sairei do hotel e vou passear pelo shopping florida mal.
Estarei com todas as compras e malas no porta malas.
Como fazer para não correr risco de roubo?
Você acha melhor eu colocar o carro em um vallet?
Ou será que isso vai ser um risco ainda maior?
Qual a melhor forma de se proteger??
Muito obrigado por enquanto e no aguardo.

 


 
Beatriz

 mensagem postada em 06/09/2012 - 14:09:58hs
 
 

Olá... acabei de chegar de Orlando e tinha a mesma preocupação que a sua antes de ir. Chegando lá, nosso vôo foi recepcionado por um senhor que falava muito bem o português e era dono de uma simpatia e brincava com todos na fila. Ele quem nos orientava pra qual guichê passar. Já o agente que nos concedeu a entrada no país era sério e começou a falar e eu disse que não entendia e então ele mudou para o espanhol... um pouco rude, mas objetivo, fez algumas perguntas e só.
Se você for como eu que não domina a língua, tenha certeza que será uma divertida experiência com muitos micos a pagar... foi assim comigo. E valeu muito. Boa viagem.

 


 
Marcio e Adal

 mensagem postada em 23/01/2012 - 15:01:18hs
 
 

Essa questão do constrangimento é bem relativa. O que eu pude ver na minha viagem é que, uma vez vistoriado, você é muito bem-vindo; mas, antes disso, enquanto ainda perigo em potencial, eles não são tão gente fina. Acredito que, por isso mesmo, na ida eles te tratam bem, você é um turista que já foi vistoriado aqui (mesmo a vistoria daqui sendo patética frente a de lá) e está tudo OK. Porém na volta, você é alguém que quer entrar em um avião e ainda não foi vistoriado, sendo que tal processo é longo e desagradável, ainda mais porque requer tais "constrangimentos" e o tratamento não é a pão de Ló até para que dê vazão para todos os viajantes, daí eles acabam sendo meio grosseiros mesmo. Eu mesmo fiz todos os procedimentos existentes de raio-X (menos a salinha, ainda bem!) e vistoria. É ruim? É, mas melhor assim do que se deixassem rolar solto, expondo todo mundo a um risco real, pelo menos lá nos EUA. Não vejo como ponto negativo, e sim positivo; apesar de que sei que às vezes pode ser extremamente desagradável.

 


 
Obras no aeroporto de Miami

 mensagem postada em 23/01/2012 - 11:01:23hs
 
 

Quando cheguei em Miami, no dia 24 de dezembro de 2011, foi tudo muito bom e maravilhoso. Movimento tranquilo, ruas boas no entorno, razoavelmente bem sinalizado (não dá pra falar que a sinalização de lá é tão boa).
Na volta, dia 9 de janeiro, um inferno, um caos generalizado.
Quando cheguei às proximidades do aeroporto, vi que eles haviam iniciado obras em várias ruas. O acesso ficou precário, muito mal sinalizado, um verdadeiro caos.
Não sei quanto tempo duram as obras, mas quem for por Miami vai ter que reunir muita paciência para sair de lá sem problemas. Ficou caótico o trânsito no entorno. Pelo menos enquanto durarem as obras, quem puder evitar Miami, que evite.

E comigo aconteceu algo semelhante ao comentário abaixo, do Márcio. Na chegada, eles foram cordiais. No embarque de retorno ao Brasil, uns estúpidos. Abriram minha pasta de notebook (meu próprio, que tinha nota fiscal do Brasil), esparramaram tudo. Também foram bem agressivos ao pedir para tirarmos sapatos e blusas. Pelo jeito é a forma como eles tratam o povo em Miami.

Vale o alerta a quem for por Miami, cuidado com as obras.

 


 
 
Apesar dos 11 países que compõem o World Showcase ocuparem uma vasta área ainda existe espaço para mais 7 pavilhões.