Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Nós e a vovó (na Disney) no Walmart

 mensagem postada em 17/02/2017 - 16:02:31hs
 
 

Aqui vão umas dicas específicas para o Walmart:

Quem nunca entrou lá, geralmente na primeira vez, e ficou perdido andando de um lado para outro que nem barata tonta sem saber muito o que fazer com tanta mercadoria e preços imbatíveis? A dica é: faça o Walmart por partes (isso vale para toda loja de departamento, siga os departamentos em ordem para não se perder e perder tempo).

Walmart que é Walmart é sempre igual. Tem duas portas, uma em cada canto: a da farmácia e a da mercearia. Se você escolher entrar pela da mercearia dali até o final do mercado serão produtos relacionados com a comida, em geral no fundão ficam as geladeiras dos iogurtes e sucos. Se você entrar pela porta da farmácia vai passar pelos produtos de higiene, parte de cama, mesa e banho, decoração, equipamento para camping, para carro etc. Os eletrônicos ficam no fundão da loja entre os brinquedos, material de escritório e artesanato e produtos de limpeza. O miolo da loja é a parte de roupas e acessórios. Em Orlando, geralmente, a parte de suvenir fica na frente das roupas perto dos caixas. Sempre que vou lá, faço toda a volta (ocasionalmente pulando algum corredor que não me interessar) e deixo o miolo das roupas por último. Assim você passa por toda a loja sem ficar se perdendo.

Aproveite a seção de suvenir do Walmart (tem muita coisa boa, de qualidade e barata). Principalmente as camisetas e outras peças de roupa dos personagens da Disney.
Tenha bom senso na hora de comprar os produtos. Ainda que muita coisa seja mais barata por lá, produtos que são acessíveis por aqui não valem a pena ser comprados por lá porque só irão ocupar espaço e limite de peso da sua bagagem no lugar de trazer produtos que não tenham aqui ou são realmente muuuuuito mais caros. Por exemplo, já vi gente se atracando com fardos de sabão em pó, ou comprando caixas e caixas de bolachas só porque estavam muito, mais muito baratas. Que tal deixar espaço para trazer produtos inusitados como saquinhos de lixo de banheiro perfumados (que inibem o odor) que nunca vi aqui no Brasil e dá para comprar bem baratinho por lá? (Aliás tem até na Dollar Tree) Margarina em spray para untar a forma? Espátulas de silicone? Saquinhos de tempero pronto para chilli que custam centavos? Desodorante de barra que não consigo achar aqui no Brasil, não mancha a roupa e não deixa tudo melecado? São tantos produtos que não tem aqui, que são super práticos, e baratos por lá...

Faça compras com o celular na mão: Entre nos sites de outras lojas e confira os preços em tempo real. Use a calculadora! Faça a conversão do dólar porque tem muito produto que custa praticamente o mesmo preço em reais aqui no Brasil ou sai mais barato por causa da cotação da moeda. Não se esqueça que o preço da etiqueta é sem imposto. O imposto varia muito pouco de produto para produto nos EUA, mas faz diferença no final da conta. Há variação de imposto de cidade para cidade, então se for viajar para outras bandas fique atento.

Nunca prestei atenção nos mercado de Orlando, mas em geral, das nove as onze (depende muito de cada loja) o pessoal da padaria deixa um carrinho alto cheio de produtos que sobraram e estão perto do prazo de validade, desde saco de pão, caixas de donuts, tortas e outras coisas gostosas com um baita descontão. Onde eu morava vivia pegando os saquinhos de cookies pela metade do preço. Imagine 3 cookies do tamanho da palma da mão por 98 centavos (metade do preço original)? Só que tem que ser rápido e esperto porque assim que o carrinho saía da padaria as coisas sumiam com uma velocidade meteórica. Teve uma vez que tive que desviar de duas senhoras brigando por causa de uma enorme caixa com 60 donuts por dez dolares afim de pescar alguns cookies remanescentes.Mas como disse nunca estive nesses horários nos Walmarts em Orlando, se alguém estiver por lá nesses horários e dar uma espiada pode dizer pra nós se lá eles fazem isso também.

Outra coisa importante: horário!!! Por ser 24h o povo todo sai dos parques e vai pro mercado...então depois da oito é um inferno fazer compras! Principalmente nas épocas de altíssima temporada! Dessa vez vi muita, mais muita gente falando espanhol pelos corredores, mas é aquele alvoroço, povo falando alto, gritando de um corredor para o outro, criançada correndo, fazendo bagunça e jogando as coisas no chão. Povo bagunçando todas as araras de roupas....Isso me deixa totalmente: envergonhada (do povo latino e de muitos brasileiros), e estressada por causa do ambiente. Assim sempre reservava tempo para ir bem cedinho ou depois do almoço que são horários de menor pico. Aliás se você quiser passar o dia fazendo compra, pode passar num desse mercados na hora do almoço e comer um pedaço de pizza ou outra comida que eles fazem e vendem pronta por lá para enganar o estômago. Não é a melhor pizza, mas dá para tapear o dente e economizar um dia de restaurante. Geralmente tem Subway também nos Walmarts.

Espero que as dicas possam ajudar. Boas compras!!!!!


Abraços da Mell

 


 
Nós e a vovó na Disney + Compras

 mensagem postada em 17/02/2017 - 16:02:16hs
 
 

Faça o seu cadastro em tooooooodas as possíveis lojas que você pensa em ir, e se duvidar até das que você nem imagina entrar. Em geral quando você faz seu cadastro pela primeira vez nas lojas você ganha um cupon de desconto para a primeira compra. Na primeira vez que fomos à Bed Bath and Beyond conseguimos 40% de desconto em qualquer coisa na primeira compra!!!! E como você fica cadastrado em geral as lojas vão mandando por email os cupons de desconto das datas mais recentes. Fique sempre de olho nos cupons da semana.

Aliás procure todos os cupons de compra disponíveis, uma vez fizemos as contas e economizamos quase 70% no total das compras...isso é muito dinheiro! Boa parte dos Shoppings de Outlets possuem um livreto que você pode pegar na administração. No Premium faça seu cadastro no site deles antes para pegar o livreto de graça, se não você tem que pagar por ele. A maior parte das lojas de departamento tem cupons nos sites, salve no celular e apresente no caixa. Um lugar que raramente pensamos em usar cupons é o próprio Walmart, mas já consegui uns cupons legais no setor de cama, mesa e banho e a conta fechou uma bagatela.

Verifique as datas comemorativas e os dias de descontos especiais. Nas datas comemorativas há vários descontos atrativos, não só nas datas mais famosas mas datas como Labor Day, Valentine's Day, Veterans Day e outras mais. Não sei se em todas as lojas mas a TJMaxx tem desconto para seniors nas segundas-feiras.( Não lembro bem, mas acho que se você tem mais de sessenta anos ganha 20% de desconto nas compras). Na Macy’s se você apresentar o passaporte estrangeiro ganha 20% de desconto não cumulativo, em determinados setores. Daí tem que ver se no dia vale mais a pena o desconto da loja, o desconto do cupon ou o desconto para estrangeiros. Boa parte das lojas não aceitam cupons cumulativos, você tem que escolher entre o desconto que a loja está fazendo no dia ou o desconto do cupon, mas na dúvida sempre apresente o cupon do caixa e pergunte se dá usar. Na maioria das vezes que eu comprava na Kohl's eles aceitavam, algumas vezes consegui na JCPenny (mas eles são um pouco mais rigorosos).

Sempre que possível conheça os locais de compras, se você vai numa loja mais afastada verifique sem não há outras lojas de interesse por perto. Geralmente as lojas se agrupam em centros comerciais então é uma boa para planejar o trajeto e aproveitar. Por exemplo, há uma determinada loja de interesse mais afastada e ao lado há uma Target: aproveite a viagem! Lojas mais afastadas, mesmo as de redes, possuem preços diferentes. Um exemplo foi na Walgreens: na farmácia perto do nosso hotel em Kissimmee (um pouco mais afastado de Orlando e tudo de bom) compramos balinhas de ursinho Haribo (marca super tradicional e antiga e uma das melhores...a de coca-cola é boa demais...fica a dica) dois pacotes por um dólar, já numa Walgreens em Orlando estava um dólar O pacote. Dollar Tree, uma loja que eu e todos os amantes de cacarecos amam de paixão, não vai ter diferença de preço mas a variedade de produtos é gritante entre as franquias.

 


 
Nós e a vovó na Disney - Compras

 mensagem postada em 17/02/2017 - 16:02:12hs
 
 

Oi gente, retomando os relatos...

Tínhamos saído mais cedo do AK e seguimos para uma tarde regada a compras no Walmart e Target. Que são tuuuuudo de bom, né....

Quero compartilhar aqui algumas dicas de compras, algumas que aprendi aqui mesmo nesse tópico (muito obrigada VPO!!!!) e algumas das experiências de quando morei lá.

Não adianta, para garimpar coisa boa é preciso tempo! Dá perfeitamente para passar o dia inteiro dentro dos supercenters e ainda passar muita coisa batida. Compra rápida, só quando precisamos de algum item de emergência! Mas quem é que não vai para Orlando ou Miami com um roteiro meio apertado tentando espremer todas as atrações possíveis no meio dos dias de compras? E ainda dá aquela frustração quando a gente está no meio do voo de volta e lembra de alguma coisa que esqueceu de comprar?

É por isso que aqui em casa a gente aderiu às listas de compras. Muitas vezes é difícil fazer uma lista de produtos que nem sabemos que existem ou que iremos desesperadamente precisar comprar, mas quando a gente já tem ideia do que queremos ou precisamos comprar é preciso organizar essas ideias.

E não é nos momentos mais impróprios que do nada pipoca na nossa cabeça “puxa preciso comprar isso, mas lá nos EUA é tão mais barato”? Por isso aqui em casa aderimos ao costume do caderninho. Sempre que alguém lembra de um novo item surgem alguns caderninhos para anotá-lo. Carregamos na bolsa, sempre à mão. Quando vai chegando perto da viagem eu ainda classifico os itens, por exemplo: Roupas, Acessórios, Eletro/eletrônicos, etc.

Tenho amigos que dizem que eu sou doida e tenho TOC, mas sabe depois da lista organizada é hora de pesquisar preço!!! Essa é a dica mais fundamental das compras com economia, ainda mais na onda econômica complicada em que estamos vivendo. Quando se tem os itens organizados fica muito mais fácil atacar a internet em busca dos preços, das ofertas e tudo o mais. Não tenha preguiça e entre nos sites de todas as lojas possíveis que vendam o produto desejado. Principalmente os mais caros. Por exemplo, a famosa batedeira da KitchenAid, vendida aqui por estratosféricos dois mil reais, pode sair por duzentos e vinte dólares, que convertidos ficam por menos da metade do preço brasileiro.

Um bom site de comparação é o Amazon (que na minha opinião deve ser usado com muito cuidado porque aquele troço vicia muuuuuuito, a gente tem que cuidar para não perder as estribeiras). Raramente achei preços mais baratos que no Amazon e como a Alessandra já destacou aqui, aproveite para se cadastrar no prime (que é o serviço de entrega expressa) e usar e abusar no período grátis (Lembre-se de desabilitar essa opção mais tarde caso não queira continuar pagando o serviço). Nós sempre compramos muuuuita coisa pelos sites e pedimos para entregar no hotel. Até hoje nunca tivemos problemas (nem acreditei que o pessoal do hotel não reclamou nem cobrou os oitenta e poucos volumes que eles receberam para nós da última vez). Com o prime a maioria dos produtos chega em até dois dias, então mesmo que você estiver no meio da sua viagem e ainda faltarem alguns dias para o retorno dá tempo de comprar uma ou outra coisa de última hora.

 


 
Res: Relato 6 - Universal Studios - 19.01.2017 - Parte 2

 mensagem postada em 17/02/2017 - 14:02:59hs
 
 

Nossa.... fiquei encantada com a festa do Harry....também quero uma festa assim...rsssss


Aqui fica a dica para os fans: As roupas e acessórios que eles vendem nas lojinhas dos parques são lindos, maravilhosos e super caros. Uma opção bem legal é comprar os brasões de Hogwarts e das casas de aplicar na roupa. São brasões bordados daqueles que você passa com ferro para aplicar/colar no tecido. Eu tenho um cachecol com o brasão da Corvinal e uma camiseta preta (100% algodão que eu comprei baratinho na promoção da Kohl's) com o brasão de Hogwarts. É legal porque você pode customizar a sua roupa e o brasão sai bem mais acessível que as camisetas e moletons... Dá também para colar em mochilas, bonés, jaquetas. Aí você fica com sua roupa e acessórios personalizados!

Acompanhando seus relatos....vamos que vamos.....

P.S. A fila do King Kong é bem complicada....fminha avó coitada ficou meio traumatizada com filas escuras depois dessa....rssss


Abraços da Mell

 


 
Meu tópico preferido

 mensagem postada em 16/02/2017 - 08:02:02hs
 
 

Bom dia!

Vim dizer que sou viciada nesse tópico, todo dia acesso para ver se tem algum relato novo..
Adoro as histórias contadas aqui e o jeito de cada um escrever...
Domingo estamos embarcando pela 3 vez para Orlando , cada ida foi especial..
Dessa vez tbm será, pois vamos com um casal de amigos e seus filhos que nunca foram para a Disney, na verdade nunca foram para os EUA..
E tbm por que minha filha mais nova vai enxergar de verdade a Disney... O ano passado descobrimos que ela nasceu com
Uma miopia degenerativa , ela usa um óculos de um grau bem forte agora. Como não sabíamos disso em 2015 ela viu a Disney meio distorcida.... vai ser emocionante vê-la redescobrir aquele lugar...
Mandarei relatos de lá....
Enquanto isso continuem escrevendo...

Abraços


P.S Sheyla fiquei maravilhada com a festa que você fez, imagino as crianças como não devem ter amado...

 


 
Muito Legal!!

 mensagem postada em 15/02/2017 - 21:02:27hs
 
 

Gente, muito bom esse tópico tão movimentado. Aleguedes, Sheyla, Vitoria, Mell !!! Estou amando todos os relatos. Ajuda a matar um pouco da saudade. Não parem!! Por favor Estou tentando convencer meu marido de irmos novamente. Torçam por mim
Sheyla, também estou impressionada com a festa do Harry Potter. É muito trabalhoso, mas muito gratificante ver o sorriso dos pequenos, né...
Bja para todas!!
Renata

 


 
Amo esse tópico!!

 mensagem postada em 15/02/2017 - 19:02:32hs
 
 

Gente, como eu amo esse tópico!
Tb tô adorando seus videos, Vitória! Não pare, por favor! Sei que dá o maior trabalho!

Sheyla!! Me convida pra próxima festinha do Harry Potter!!! hahahaha AMEI!!! Sério! Que criatividade!! E tô super me identificando com os seus relatos! Tb sou leiga em Star Wars e Transformers mas acho tudo o máximo! kkkkkk

Continuem meninas!!!

 


 
Res: Relato 6 - Universal Studios - 19.01.2017 - Parte 2

 mensagem postada em 13/02/2017 - 18:02:07hs
 
 

Olá Sheila

Estou adorando os seus relatos, mas na verdade resolvi entrar para comentar sobre a festa que você organizou.
Incrível! Meus parabéns! tenho certeza que as crianças nunca vão esquecer.

Abs,
Maria Teresa

 


 
Res: Voltei! Busch Gardens e Outlet Premium International Dr

 mensagem postada em 13/02/2017 - 11:02:41hs
 
 

Que delícia ler isso logo na segunda feira, Sheyla!!
Obrigada!!

O próximo vídeo vai ser do mesmo parque que seu último relato, Universal Studios.
Fica de olho, vou postar esse fim de semana!

 


 
Relato 6 - Universal Studios - 19.01.2017 - Parte 2

 mensagem postada em 13/02/2017 - 08:02:56hs
 
 

Na entrada, as crianças ganharam capas (feitas pela minha sogra) e varinhas (comprei num site de SP, super em conta!). Fizemos um desenho de tijolos em EVA e colamos nas portas de vidro do salão. Ao abrimos as portas, as crianças atravessaram a “parede”. Nas pilatras, colocamos os quadros que movem (filmamos os atores, meu colega editou e colocamos em ipads pendurados em fitas dupla face) e, no banheiro feminino, tinha a Murta que Geme. Gravamos o som e coloquei em uma caixinha bluetooth. A caixinha ficou num potinho coberto de tule e velas que comprei num site chinês. As crianças achavam que aquilo era enfeite e não faziam ideia de onde vinha a voz. Muito legal! Para dividir pelas casas, a diretora de Hogwarts chamou cada criança pelo nome e entregou uma gravata com as cores da casa (fiz com feltro). Separados, eles partiram para a competição do Torneio Tribruxo. Eram 4 estações e todas as casas deveriam passar por elas e ganhar pontos. Tinha estação com quiz sobre os filmes, estação de quadribol, de poções mágicas (colocamos várias receitas de poções! Aspirina é tudo para fazer borbulhas! #ficaadica) e jde ogo da memória gigante com os animais que aparecem nos filmes.

No final da competição, todos foram para o salão (com velas penduradas no teto – as velinhas chinesas!) e, na hora de anunciar a casa vitoriosa, veio um estrondo. Ligamos a máquina de fumaça e um dos professores apareceu como o fugitivo de Askhaban e saiu correndo....Nessa hora, um vídeo começou a passar: o avô dos aniversariantes havia sido sequestrado pelo bruxo fugitivo! (filmamos meu pai amarrado e meu colega colocou um fundo de masmorra no vídeo. Muito bacana!). Para descobrir onde estava o avô, as crianças precisariam descobrir alguns mistérios. Colocamos frases que levavam ao paradeiro do avô em balões que estavam pendurados no teto. Fizemos criptografia da frase que completava a informação. Para ter mais dicas, as crianças precisavam encher um balde com água para que a capsula que continha a mensagem emergisse, etc....todas as casas tiveram que trabalhar juntas.

Quando descobriram o paradeiro, foram para o local com suas varinhas, pois precisavam lançar o feitiço correto para paralisar o bruxo. Gente! Tinha criança tão ansiosa nessa hora...eles entraram na história literalmente. Fizeram o feitiço, paralizaram o bruxo e salvaram o avô da Duda e do Marcello. Muito bom! Isso tudo durou umas 2h30...depois, a comemoração foi a festa em si. Brincaram, comeram, gritaram. Fecha parêntese (enooorme! Descupem! Me empolguei...).

Vamos voltar para o Beco Diagonal?

Então, depois dos feitiços, fomos para Gringots Bank (que ride legal!!) e ficamos por ali vendo os detalhes, a perfeição do lugar.

Era hora do Fear Factory Live e nunca tínhamos ido. Logo no início eles chamam algumas crianças para ajudar. Adivinha quem foi chamada? Isso! Duda! Adivinha quem ficou arrasado? Isso! Marcello! É um show baseado num programa de TV em que os competidores são colocados em situações adversas para competir entre si. Numa das atividades, os competidores estavam pendurados e deviam jogar bolinhas num pote. A função da Duda era jogar um jato de água neles para dificultar o processo. Ela adorou. No final, tem um cara comendo bichos esquisitos...bem asqueroso. Tirando essa parte final, gostamos bastantes.

Fomos, então, para Kings Cross para pegar o Hogwarts Express. Que viagem perfeita!!!

Já no IOA, percebemos que o parque estava lotado. Impossível andar pela área do Harry Potter. Passamos pelo King Kong e estava 30 minutos. Entramos para conhecer.

A fila é bem, bem, bem escura. Não se vê quase nada e é bem fechada (me deu agonia!). No meio do caminho tem uma surpresa! Do nada, vem um canibal, monstro, sei lá o que em cima de você. DO NADA!!! Muito susto. Muito grito. Vejam o vídeo da Vitória. Pelos gritos delas dá pra ter noção do momento terror e pânico que se vive por lá!

O brinquedo é perfeito. É a evolução dos simuladores. Tem tela pra cima, pra baixo, pro lado e o macacão ainda passa pelo teto do nosso caminhão. Fantástico!

Seguimos para a Marvel e levei o Marcello para experimentar a Hulk nova. Adoramos. Fomos duas vezes de single rider, mas nos colocaram juntos. Duda amarelou. Marido passou.

Aí, você pergunta: mas, você não estava com febre? SIM!! E continuei, pois a garganta estragou de vez. Comecei a ficar rouca no meio do dia e muita febre e dor. Aí, abri o antibiótico que havia levado do Brasil e tomei o primeiro. Foi acertadíssimo, pois já estava com faringite. Foram 10 dias de antibióticos (consultei no Brasil 3 dias depois e ainda tinha resquícios da faringite). Se não tivesse começado logo, teria viajado muito mal. Não que eu tenha viajado bem...

Saímos do parque e fomos jantar no Red Lobster perto do Hotel. Muito bom. Saindo de lá, fomos para o hotel. Banho e cama. E tosse e febre. Afe!

Abraços,

Sheyla

 


 
 
Geralmente a Disney emprega a técnica conhecida como "perspectiva forçada" para fazer com que os edifícios pareçam maiores do que são realmente. Contudo, no pavilhão americano (Epcot), ocorreu o inverso, o prédio de 05 andares aparenta ter apenas 02, com o objetivo de manter o estilo da época colonial.