Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
EPCOT CENTER - 17/07/07 - PARTE 1

 mensagem postada em 15/08/2007 - 23:08:21hs
 
 

Hoje nosso dia seria todo dedicado ao EPCOT CENTER. Chegamos bem cedo no horário de abertura do parque as 9AM. Conseguimos parar bem próximo da bilheteria de entrada que nem precisou pegar o trenzinho. Fomos andando mesmo. Quando vc chega e dá de cara com a SPACESHIP EARTH começa a bater aquela emoção, “estou aqui mesmo?”. Já sabíamos que essa atração estaria fechada para reforma. Os meninos ficaram decepcionados, queriam saber o que tinha lá dentro, como era o negócio. Infelizamente não vai dar para saber e não vamos contar, fica para a próxima. Logo na entrada já puxamos a máquina e começamos a tirar várias fotos. Mapa na mão, começamos a procurar o SOARIN no THE LAND, uma das mais concorridas. Chegando lá já tinha 20 minutos de fila e não tivemos dúvida: Tira um Fastpass! Saiu para as 10:12am e liberado para tirar outro as 10:12am. Enquanto isso fomos conhecer o LIVING WITH THE LAND, o qual estava absolutamente sem fila. O passeio de barco é muito interessante e praticamente igual ao que vimos em 1988. Apreciamos a visão daqueles legumes e frutas gigantes, flores exóticas, tanques de peixes, etc. Quase nada mudou. Aproveitamos para conhecer também o the CIRCLE OF LIFE que fica no mesmo prédio. Trata-se de um filme sobre o meio-ambiente com os personagens do rei Leão, também sem fila e somente a espera para a próxima sessão.
Agora finalmente o SOARIN. As 10:12am em ponto entregamos o ticket ao cast member e ele não acreditou. Olhou no relógio para conferir e disse: go ahead guys! Uma pequena espera e chegou nossa vez. O simulador é muito interessante, fantástico, maravilhoso, simplesmente um luxo. Só indo para ver e sentir essa maravilhosa sensação. Valeu cada minuto da espera.
Ainda encantados pelo Soarin seguimos em direção ao TEST TRACK e tiramos outro Fastpass, dessa vez para as 1:15pm. A fila normal tinha espera de 60 minutos. Eram apenas 10:50am. A liberação de outro Fastpass somente para daqui a 2 horas. Enquanto isso, fomos ao MISSION SPACE. A fila para o More Intense marcava 120 minutos, um absurdo. Mas a fila do Less Intense apenas 30 minutos. Na entrada os cast members explicam com é cada tipo de viagem. Chegamos a um consenso e decidimos ir na fila mais curta. Entramos e em 15 minutos já estávamos no simulador. Nos divertimos com os comandos e gostamos bastante. Não tivemos nenhum tipo de mal estar.
A próxima da fila foi o UNIVERSE OF ENERGY. Uma apresentação sobre as fontes de energia e depois um passeio com carrinhos que passam por vários bonecos animatrônicos.
Seguimos para o HONEY, I SHRUNK THE AUDIENCE. Praticamente sem filas, somente a espera para entrar na sessão. Trata-se de um 3D sobre uma experiência onde ocorrem imprevistos. Demora uns 15 minutos. Achamos interessante, mas não chega aos pés do IT’S THOUGH TO BE A BUG do Animal Kingdon.
Já era 1:30pm e resolvermos voltar ao TEST TRACK para fazer uso do Fastpass. Já não havia mais Fastpass disponível, pois estavam esgotados para esse dia. Muito bom mesmo. Pena que a fila estava enorme e não dava para repetir. Até no Fastpass tinha uma espera. Tinha a opção de single rider, mas a espera também era grande. São 7 diferentes testes pelo qual o veículo passa. Muito bom. Na saída aqueles carros maravilhosos. Meninos e meninão babaram. Fotos pra cá, fotos pra lá, entre e sai dos carros, Uma loucura. Passando os carros tem um lojinha e aí me perdi de novo. Não saí de lá’sem uma camiseta do HUMMER.
Comecei a sentir alguém resmungando e quando olhei para baixo: Oi, sou seu estômago! Lembra-se de mim? Vc precisa me dar de comer, senão não vai agüentar até o Illuminations.
Fomos comer no ELECTRIC UMBRELLA. Comemos o de sempre. Pena que não tinha o buffet de saladas para completar o hamburger. Somente o refil de refrigerante. Atendido o pedido do estômago, seguimos para o JOURNEY INTO IMAGINATION WITH FIGMENT. Eram 3:30pm e não tinha fila alguma. Uma aventura pelo mundo da imaginação explorando os sentidos. Na saída encontramos o próprio e logo fomos tirar umas fotinhos com ele. Quando os meninos era menores brincavam com um de pelúcia que trouxemos da última vez.
Rumamos agora para o THE LIVING SEAS. Um passeio pela vida marinha. Fomos ao THE SEAS WITH NEMO & FRIENDS. A fila foi o tempo de entrar e ir andando, andando, andando, andando e andando até chegar a conchinha que nos leva a procurar o Nemo.
Demos uma passadinha pelo CLUB COOL e provamos os diferentes tipos de refrigerantes fabricados pela Coca-cola no mundo. Horrorosos para nosso gosto. Não gostamos de nenhum.
Findado o FUTURE WORLD, iniciamos o WORLD SHOWCASE.
Começamos pelo MÉXICO. Entramos e como não podia deixar de ser, fotos com sombreiros. Passeamos no barquinho, sem fila alguma.

Sabbag's family

 


 
 
Walt Disney queria ter certeza que os "negócios" do Parque nunca se intrometessem no "show". Então ele construiu aproximadamente 2,4 km (1,5 milha) de túneis de acesso "Utilidors" sob o parque Magic Kingdom.