Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
TYPHOON LAGOON E DISNEY QUEST - 23/07/07

 mensagem postada em 01/09/2007 - 20:09:30hs
 
 

Gente tá chegando o fim dos relatos! Só fiquei 19 dias. Segue mais um deles.

Hoje acordamos cedo e fomos para o TYPHOON LAGOON. O dia prometia. Logo cedo já estava bem quente. A entrada do TYPHOON estava bem mais tranqüila que a do BLIZZARD, também era uma segunda-feira. Tiramos algumas fotos na entrada e fomos pegar um locker. É o mesmo preço do BLIZZARD. Vc paga $12 no locker large e lhe devolvem $5 quando retornar a chave. Tudo guardado, bronzeador passado, seguimos em direção ao CRUSH’N’GUSHER. Uma montanha russa aquática que é uma delicia, pena que a fila para pegar as bóias e para subir no brinquedo estavam bem grandes. No final da descida ficam fotógrafos do PhotoPass tirando suas fotos e te jogam um cartão para usar no parque aquático. É um tipo de pulseira. Deixamos para repetir mais a tarde. Demos uma paradinha na piscina de ondas, a TYPHOON LAGOON SURF POOL. Aquilo sim é uma piscina de ondas, não aquelas que só tem marola. Claro que os meninos foram lá para o fundo para poder pegar um jacaré, e tome jacaré. Cansados das ondas fomos na HUMUNGA KOWABUNGA, que nada mais é do que um escorregador que não é tão alto, nem tão extenso quanto o Summit Plummet do Blizzard, mas é gostoso, não dá medo, mas o calção vem parar na orelha. Agora é a vez dos tubarões no SHARK REEF . Pegamos nossas máscaras e snorkel e fomos para a fila. Trata-se de um grande piscinão de água salgada com os peixes. O mergulho é em grupo e você atravessa de um lado para o outro observando o fundo. E não é que tem tubarão mesmo!. Eles passam embaixo de vc. Primeiro vc recebe algumas instruções e depois na borda vai entrando devagar e ainda da pé. Amigos, quando a Angela começou a entrar e viu que não dava mais pé, começou a ficar desesperada e voltou. Não fez a atração. Nós seguimos em frente e a encontramos do outro lado da margem. O que aconteceu Angela? Quando vi que não ir dar pé, começou a entrar água salgada na boca e voltei, disse. O snorkel não estava bem encaixado na sua boca. Começou a entrar aquela água salgada e bateu o desespero.
Energias refeitas, fomos em mais duas atrações. O KEELHAUL FALLS E O MAYDAY FALLS. Duas quedas das boas. A segunda é o mais longo slide do parque. Mas tudo bem tranqüilo. Aqui os slides não são tão nervosos quanto no BLIZZARD. Não que lá sejam de tirar o fôlego, mas digamos que sejam mais radicais.
Faltavam apenas mais 3 atrações de interesse. O GANGPLANK FALLS. Um tipo de rafting bem curtinho, mas gostoso de curtir. A bóia é familiar. O ride é suave e tranqüilo. O que não gostamos foi da fila. Terrível. Ficamos uns 40 minutos esperando a bóia. Mas, já que está no inferno, abraça o danado.
A outra foi o STORM SLIDES. Um slide com três opções de circuito. Vc senta e se manda ao sinal verde. Tranquilinho. No final cai numa piscina.
A última para conhecer foi a CASTWAY CREEK. É um rio lento com aproximadamente 600 metros de extensão que circunda o parque. Dá para relaxar bem.
Demos algumas voltinhas e bateu a fome. O tempo mudou, o sol sumiu e começou a garoar.Fomos almoçar pedimos salada de atum, pizzas, chicken wrap. Quando acabamos de comer, começaram a avisar que o parque estava fechando, motivo, tempestade se aproximando. Todo mundo começou a andar em direção aos lockers e a chuva começou a apertar. Não deu nem pra entrar na loja para dar uma olhadinha de tanta gente se protegendo da chuva o jeito foi ir para o hotel tomar um banho quente e ir de novo ao Disney Quest. Dessa vez já tínhamos destino certo e paramos perto do DISNEY QUEST. Chegando lá a danada da chuva já havia ido embora. Voltamos a curtir o DAYTONA e pegamos a sacada do brinquedo. Cheguei em primeiro 3 vêzes seguidas. Os meninos queriam descobrir o segredo. Pé embaixo e sair largado. Só tire o pé um pouco em apenas uma curva. Nas demais pé embaixo. Jogaram basquete, pescaria, skate, jetsky, boliche, etc... Ficamos algumas horas por lá e na saída o Gui passou na Magnetron para comprar uma cobrinha para fazer mágica (ele adora essas coisas). Tinha visto no dia anterior e só falava naquela maldita cobrinha. Comprou e pegou o jeito do brinquedo. Esse muleque tem cada uma! Não sei como descobre essas coisas. Tem dúvida, pergunte ao Gui. Já cansados daquele dia bem corrido, decidimos passar no Wal Mart para umas comprinhas e fazer um lanchinho no hotel mesmo. Caímos na cama exaustos.
Amanhã segundo dia de MAGIC KINGDON

Abraços a todos!
Sabbag's family

 


 
 
No pavilhão da Alemanha (Epcot) você encontra 16 brasões na fachada da Sommerfest e Biergarten representando os 16 estados federados alemães.