Inglês Básico para Mickeyros de Primeira Viagem - Parte II

 
Janeiro 29, 2010 @ 12:00 am
  por Vivian e Cris
 
 
 

No artigo passado vocês certamente se recordam que falamos que os seus dias de The book is on the table tinham acabado.

Ficamos aqui pensando ... porque será que uma das primeiras frases que aprendemos em inglês é essa?

Que utilidade ela tem? Quantas vezes você já se viu numa situação em que tinha que falar essa frase?

Mistérios dos cursos de inglês...

Já pensou? Vamos imaginar que você vai para a Inglaterra fazer um curso e é convidado para um churrasco (barbecue), regado à cerveja amanteigada no Castelo de Hogwarts.

Logo na chegada você é recebido pelo Professor Dumbledore. Ele te diz: Welcome! Nice to meet you! (Bem vindo! Prazer em te conhecer!).

Você responde: Thank you Sir! The book is on the table too! (Obrigado, senhor! O livro está em cima da mesa também!)

Ou, você está no meio de uma aula importantíssima de Defesa Contra as Artes das Trevas com o Professor Alastor Moody, o Olho-Tonto, e percebe que um colega de classe se interessa muito por você.

Depois de muitas trocas de olhares apaixonados ele ou ela chega no seu ouvido e diz: Oh, you are so cute! (Ah...você é uma gracinha!)

E você lança seu olhar 46 e responde baixinho, com a voz rouca e de um modo bem sensual: The book... is on the table...baby...

Falando em baby, será que os bebês americanos e ingleses quando nascem tomam uns tapas no bumbunzinho e gritam: The book is on the tableee.... buááááááá!!!

Isso tudo nos fez lembrar uma cena do "Casseta e Planeta" que foi feita em Londres. Um deles (aquele mais magrinho) vinha andando por uma rua super movimentada da cidade.

Quando ele chega na esquina há uma mesinha com um livro em cima.

Ele para e diz: Puxa! Finalmente poderei falar a frase que aprendi em inglês! The book is on the table!!!

Well, depois desse breve estudo sobre a frase mais aprendida em inglês, vamos dar seguimento às nossas frases que serão muito mais úteis em Orlando.

Na Imigração

Chegando aos Estados Unidos, você terá de passar pelo controle da Imigração (Customs).

Ao chegar num dos tantos guichês, você apresentará o seu passaporte (passport) e os formulários (forms) preenchidos.

O oficial lhe fará algumas perguntas, que pode ser algo como:

- What is the purpose of your trip? (Qual o motivo de sua viagem?)


Você:

- Vacation! (férias!) Uhuuuuuu!!!! Yupiiiii!!!!!!

 

Conselho: Melhor não falar o Uhuuu e nem o Yupiii e muito menos fazer a "Dança do Passarinho" por mais empolgado que você esteja, pois eles não entendem essa demonstração de entusiasmo brasileiro, então, fale com seriedade:
- Vacation. (Que se pronuncia: vaqueichan)


Oficial:

- Is it your first time in USA? (É sua primeira visita aos EUA?)


Você:

- Yes! ou No! (depende, se você já esteve ou não na Terra do Tio Sam, digo, do Tio Walt!)


Oficial:

- How many days do you intend to stay here? ou How long do you plan to stay here? (Quanto tempo você pretende ficar aqui?)


Você:

- One week (uma semana), eight days (8 dias), ten days (10 dias)…


Oficial:

- Where are you going? (Para onde você está indo?)


Você:

- Orlando! Yeeessssss!!!!! (olha a demonstração de entusiasmo aí geeeeente!!!)



Mickeyros, isto é apenas uma amostra do que eles costumam perguntar, e a forma de perguntar depende do oficial, que muitas vezes sapeca um espanhol.

Mas o melhor conselho é: se você não entende nadinha de inglês, não adianta ficar com cara de the book is on the table, peça um intérprete (interpret), pois vai que você se confunde com as perguntas e respostas...

Você poderá ser conduzido para a famosa salinha onde será entrevistado nada mais nada menos do que pelos guardas de Azkaban... os terríveis Dementadores.... Uiiii!!!! Que medo! (scary)

E nem adianta tentar conjurar o feitiço do Expectum Patronum!

Mas quer saber? Nem Dementadores são capazes de sugar nossa alegria de estar indo para Orlando!

Mas falando sério, se você for para a salinha, fique super tranqüilo, responda tudo que o oficial lhe perguntar com calma, que você será liberado rapidinho (fast!)!

Vamos mudar de assunto...

Numa loja:

Você viu uma linda camiseta com a estampa do Harry Potter jogando quadribol, você vai ao funcionário da loja e pergunta:

- How much does it cost? Ou apenas: How much? (Quanto custa?) Isso se a camiseta não tiver etiqueta de preço, claro!)


Você gostou tanto que quer experimentá-la, você:

- I would like to try it on, please.(Gostaria de experimentá-la, por favor - detalhe: try se pronuncia trai).


Mas você não sabe onde é o provador, então pergunta:

- Where is the fitting room, please? (Por favor, onde é o provador?)


Você experimentou, mas a camiseta ficou pequena (small - S), (é... foram-se os dias daquele corpinho...) então você pergunta:

- Do you have medium - M (média) or large - L (grande)? (Você tem média ou grande?)


Ou, se já estiver no final da viagem, e a pancinha já não estiver mais cabendo dentro das calças, você:

- Do you have a bigger size? (Você tem um tamanho maior?).


Ou se você ficou sequinho de tanto que se acabou nos parques você diz:

- Do you have a smaller size? (Você tem um tamanho menor?)


Lembrando que existem outros tamanhos (size) ainda, como o extra large - XL (também tem XXL e mais caso você seja maior), e o extra small - XS ou petit se você for bem magrinho.
É bom lembrar que nem todas as roupas vêm nesta forma de tamanho (S, M, L), mas também em números 2 (two), 4 (four), 6 (six), 8 (eight), 10 (ten), 12 (twelve)...

Dica: Fique atento quando for comprar calças, pois além da largura dos quadris, elas costumam ter diferentes comprimentos de pernas: short (curta – para quem é mais baixinho), long (longa - para os muito altos) ou regular (médio - este é o comprimento padrão). Em algumas lojas este comprimento também pode ser medido em números, 30 (thirty), 32 (thirty-two), 34 (thirty-four)...


Se você quer saber se há outras cores da camiseta disponíveis, você diz:

- Is there another colour, please? (Há outras cores?)


E aqui vai um vocabulário de cores: black - preto; white - branco, yellow - amarelo, blue - azul, green - verde, pink - rosa, purple - roxo, red - vermelho, brown – marrom (caso você queira uma cor clara ou escura é só colocar antes da cor desejada a palavra light – claro ou dark – escuro, por exemplo, light blue – azul claro ou dark blue - azul escuro).

E aqui um vocabulário básico para roupas e acessórios: T-shirt – camiseta; pants – calças, shorts – shorts; shirt – camisa; skirt – saia; coat – casaco; gloves – luvas; socks – meias; shoes – sapatos; tennis – tênis; underware  - cuecas; panties – calcinhas; bra – sutiã; belt – cinto; boots - bota; dress – vestido; watch – relógio de pulso; glasses – óculos; sunglasses – óculos escuros; bracelet – pulseira; necklace – colar; ring – anel; e, earring - brinco.

Na hora de pagar, a caixa pode perguntar:

- Cash or credit card? (Dinheiro ou cartão?)


E depois de responder, você faz a pergunta mágica (magic question):

- Do you accept coupons? (Você aceita cupons?) Em seguida, saca aqueeeele calhamaço gigaaaante de cupons do bolso! (Ah! A pronúncia para Coupons é algo como kiupons).



OK, mudando de assunto....

No hotel:

Quando você chega em Orlando, e vai para o seu hotel, você tem que fazer o check in.

Exemplo: Você chega no hotel Três Vassouras, e na recepção está o Hagrid, você diz:

- Hi Hagrid! I have a reservation (Oi Hagrid! Eu tenho uma reserva).


Você irá então se registrar (registration), e em seguida, ele lhe entregará suas chaves (key card), e lhe indicará qual o seu quarto (room).

Não se preocupe que você não terá de falar nenhuma senha para nenhuma Gorda do Retrato para poder entrar no seu quarto.

Ao entrar, você nota que o quarto está muito sujo (dirty), pois há vários fios de cabelo preto espalhados pelo chão além de resíduos de poções mágicas.

Isso porque o Professor Snape havia ocupado aquele quarto antes de você. Puxa, ele devia estar com uma queda de cabelo danada... A propósito (by the way), queda de cabelo é hair loss.

Você volta para a recepção para reclamar (complain) e pede para trocar de quarto, você diz:

I would like to change the room, please.


E aproveita e pede um quarto que tenha cofre (safe box).

OK, você mudou de quarto, desta vez um limpo (clean), e quando vai entrar no banheiro toma um baita susto porque lá dentro está a Murta Que Geme!

Ela está em prantos porque no banheiro não tem sabonete (soap), xampu (shampoo), toalhas (towels), papel higiênico (toilet paper)...

E o pior de tudo é que você tinha acabado de tomar um belo copão de suco de ameixa!!!

Ih... o urubu pousou...que azar o seu, hein?

Você então liga para o Serviço de Quarto (room service) e diz:

- Please, I need soap, shampoo, etc… (Eu preciso de sabonete, xampu...)


Muito bem, vamos mudar de rumo.

No artigo passado comentamos algumas frases que você ouviria num parque. Dando continuidade a esse tema...

Mais algumas frases usadas e ouvidas no parque:

É muito comum ao entrar numa atração você ouvir do cast member ou funcionário do parque:

- Please, no smoking, eating, drinking, videotaping, and no flash photography.


Quando você ouvir isso, entenda que é proibido fumar, beber, comer, filmar, ou fotografar dentro da atração, OK?

Nada de tirar foto escondido para mostrar para sua querida Tia Mildred, hein?

Também é muito comum você ouvir em algumas atrações:

- For your safety, remain seated with your hands, arms, legs, and feet inside the vehicle and watch your children.


Você como um Mickeyro prevenido vai entender: para sua segurança permaneçam sentados com suas mãos, braços, pernas e pés dentro do veículo (carrinho/barquinho/trenzinho) e olhe suas crianças.

Na entrada de alguns brinquedos um pouco mais radicais você vai ver placas com os seguintes dizeres:

Restriction - Pregnant women and people with heart, back, neck, motion sickness or other similar problems should not ride attractions marked as having general health restrictions. Note that some attractions use strobe lights as special effects in part of some of these attractions.


Isso significa que aquela atração deve ser evitada por mulheres grávidas, pessoas com problemas cardíacos, nas costas, no pescoço, ou que enjoam ou ficam tontas com facilidade, ou, ainda, que tenham qualquer outro problema de saúde. Algumas atrações usam luzes estroboscópica como efeitos especiais.

->Agora Mickeyros, um momento "ai que nojo..." (disgusting): Você sabe como é que se fala vômito no vocabulário da Disney?

- Protein Spill, que numa tradução livre é algo como derramar/cuspir proteína.


No Monorail (aquele trem de superfície que atende o Magic Kingdom, o Epcot e alguns dos resorts) você ouvirá durante o trajeto uma gravação descrevendo os lugares por onde você está passando, e vai ouvir também esta:

- Please stand clear of the doors, e, logo em seguida, a versão em espanhol: Por favor, mantengase alejado de las puertas.
Clique para ouvir:


Que significa: Por favor, mantenham-se afastados das portas.

Curiosidade: esta frase do monorail acabou virando uma coisa cult entre muitos Mickeyros do mundo, a gente acaba sentido saudade de ouvir isso, e muitos acabam procurando na Internet essa gravação para poder ouvi-la de novo. Já vimos até camiseta com a frase em espanhol! Dá uma nostalgia...


Well, Mickeyros, essa aula terminou, hora do recreio!

Mas, antes, só mais uma diquinha: quando você estiver em Orlando e estiver saindo de um dos parques do Tio Walt, vai passar pelo inesquecível portal da Disney World, e vai ler a famosa frase: "See you real soon" (Te vejo em breve, com certeza!).

E você poderá responder: You bet! (Pode apostar que sim!)

Bye!!!

 


Vivian e Cris
publicado por
 

Vivian e Cris


Outras Matérias

Dá para acreditar que a Disney irá encerrar a atração The Twilight Zone Tower of Terror do parque Disney California Adventure?

 

O Imagineiro Joe Rohde informou no blog oficial da Disney na data de 23 de julho de 2016 uma notícia que por certo agradou a todos os fãs do Universo Marvel, uma nova atração inspirada nos Guardiões da Galáxia ("Guardians of the Galaxy")...

 

A emoção da Família Galhano em visitar a Disney pela primeira vez

 

Orlando é uma cidade que inegavelmente se apresenta muito bem estruturada para receber os turistas. Todavia, ainda assim é necessário um pouco de planejamento, principalmente por aqueles estão viajando pela primeira vez ("marinheiros de primeira viagem") e que não optaram por excursão. A família do amigo Rodrigo Galhano teve a oportunidade de visitar a Terra da Magia pela primeira vez e,...

 

Você conhece o passeio Serengeti Safari do parque Busch Gardens? Gosta de girafas?

 

O Serengeti Safari muito possivelmente é um dos passeios guiados mais conhecidos e procurados por todos que visitam o parque Busch Gardens Tampa Bay. Para participar dessa experiência o visitante despende em média de US$ 29,00 a US$ 39,00 +...

 

Viajando para Orlando no Carnaval

 

O Carnaval é um dos feriados mais aguardados pela grande maioria dos brasileiros. Todavia, muitos ainda preferem visitar da Terra da Magia nessa época do ano ao invés de cair na folia aqui no Brasil. E sempre que começamos a planejar a nossa viagem para Orlando é muito importante considerar alguns fatores fundamentais, dentre eles, o clima e a lotação dos...

 

Burgergasm: uma explosão de prazer quando o assunto é junk food

 

Que a Flórida reúne os melhores parques que existem ninguém tem dúvida. Mas, a diversão também não tem limites quando o assunto é junk food. Com opções para todos os gostos e bolsos, os americanos fazem jus quando o assunto é um sem fim de gordurames. Evitada por uns e aclamada por outros, deixemos de lado a questão da boa...

 

Voltar