Walt Disney World - MyMagic+

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais recente para a mais antiga
 
Índice  
 
 
Ajuda

 mensagem postada em 10/10/2014 - 03:10:01hs
 
 

Pessoal, reservei o hotel pop century para abril/2015 no proprio site da disney. E agora, qual o proximo passo pra se conectar com o magic band? eu so vou pegar a pulseira no hotel e entao nao poderei reservar o fast pass+??To confusa. Me ajudem!!!

 


 
ANTIGAS MAGIC BANDS - O QUE FAZER ?

 mensagem postada em 11/10/2014 - 05:10:01hs
 
 

Olá, pessoal !
Andei muito afastada, mas acho que estou de volta !
Queria uma ajudinha, se alguém souber.
Tenho as minhas Magic Bands deste ano e sei que a validade delas é de 3 anos.
Será que consigo habilitá-las aqui no Brasil, antes de viajar ?
Alguém já teve esta experiência ?
Na minha próxima viagem, não ficarei no Complexo Disney, portanto ...
Obrigada.
Um abraço,


Mônica Santoro

 


 
Res: ANTIGAS MAGIC BANDS - O QUE FAZER ? - CLÁUDIO

 mensagem postada em 15/10/2014 - 02:10:37hs
 
 

Oi, Cláudio, sabia que você ia me responder ...
Isso, nós fomos em janeiro deste ano e iremos em janeiro de 2015 e, desta vez, também, não ficaremos no complexo.
Segui seu conselho do email (kkkkk), lembra-se ?
Vamos experimentar e depois te conto.
Você também conta como será a experiência, ok ?
Muito obrigada pela informação, pois tinha esta dúvida.
Vou lá no My Disney Experience ver como faz para habilitá-las, caso tenham sido desabilitadas ... porque não me lembro de ter feito isso.
Qualquer dúvida, peço socorro !


Mônica Santoro (esposa do Marcello)

 


 
My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 23/10/2014 - 06:10:08hs
 
 

Caros Amigos do VPO,

Respeito quem tem opinião diferente mas sinceramente acho esse tal de Fast Pass, agora substituido por My Magic ou Magic Bands ... etc, uma falta de respeito com os demais visitantes dos parques.

Por favor, antes de me jogar pedras, raciocinem comigo:

Já existem leis de prioridades em filas, inclusive no nosso país: Grávidas, Idosos, Portadores de Necessidades especiais (antigamente denominados como Deficientes Físicos ... etc) podem "furar a fila".
Mas a meninada nova, ficar comprando pulseiras e utilizando internet para passar na frente de pessoas normais ???? Acho isso um absurdo !!

É criar dificuldade para vender facilidade !!!

Se tirassem a fila do Fast Pass, logicamente todos iriam enfrentar menos fila, e ficariam MENOS TEMPO NAS FILAS, pois não teriam ninguém passando à sua frente ... CERTO ?? (É o mesmo raciocínio das filas de banco...)

Então, gostaria de propor aqui uma reflexão
: Estimular a todos aqui do VPO a NÃO UTILIZAR O FAST PASS e fazerem o mesmo com relação a amigos e conhecidos que vão para Orlando.

Como atualmente os brasileiros estão em maior numero entre os visitantes de Orlando, quem sabe essa iniciativa dá certo ??


Só relembrando a história:

Teve uma época que o Café do Brasil teve seu preço aumentado substancialmente. O Brasil era o maior fornecedor de café para os EUA. O que as donas de casa de lá fizeram ? Boicotaram a compra de café do Brasil por um bom tempo. Os cafeicultores daqui quase quebraram e tiveram que queimar grande parte da produção e dos pés de café pois não tinham mais para quem vender !! Até hoje é difícil encontrar café do Brasil nos EUA ... Você acha o colombiano, o jamaicano e até o africano, mas do Brasil ??? É raro !!!
Fica a dica para quem concordar com o meu pensamento !
Abraços a todos,
Ayrton.



 


 
Res: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 08:10:06hs
 
 

Amigo,

Me desculpe mas seu raciocínio é completamente sem pé nem cabeça.

Primeiro ponto: Não é preciso comprar a pulseira para ter acesso ao fast pass +, basta apenas você fazer o link entre o ingresso comprado e sua conta na Disney.

Segundo ponto: Todas as pessoas são normais que compram as pulseiras, e as que não compram também são e podem se utilizar do fast pass+.

Terceiro ponto: o fast pass + na verdade é uma forma de você otimizar o funcionamento do parque, ele não visa dar prioridade, ele tenta fazer com que as pessoas fiquem distribuídas de maneira homogenia no parque.

Quarto ponto: A lei de prioridades faz parte do assistencialismo, você não melhora as condições dos serviços básicos como banco, hospitais, órgãos públicos e por conta disso você dá um cala boca nas pessoas. Alguém já viu fila especial para grávida em país sério? Ou para gente com criança de colo? Não! Isso iria da educação de cada um ver se uma pessoa que não tem condições de esperar e deixá-la passar.

Quinto ponto: a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa. Não é algo essencial para a vida de ninguém (pra minha é, mas não fico reclamando de fila, mesmo quando estava com meus 2 filhos bem pequenos)

Sexto ponto: Discordo em gênero e número e grau que caso não existisse o fast pass + as filas seriam menores. Na verdade seria uma confusão porque todos iriam para o mesmo lugar ao mesmo tempo. Imagina como seria o Toy Story, todos iriam ao mesmo tempo, agora você pode dividir as pessoas durante o da e assim todos conseguem ir ao brinquedo.

Precisamos ver as coisas com calma e clareza. O serviço fast pass + faz com que possamos nos planejar e é democrático, todos podem ter acesso. Não acessa quem não quer.

Abs

 


 
Reflexiva

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:57hs
 
 

Ainda tentando entender o que diabos o café tem a ver com o Fast Pass.

Fato é que o fast pass SEMPRE existiu no complexo Disney.

Antes era através de papel e agora, eletronico. Mas com um ótimo propósito: priorizar algumas atrações a fim de não enfrentar fila.

Uma boa saída para fugir das filas, é o Single Rider e eu não acho que isso seja uma forma de furar a fila, e sim agilizar as coisas.

Maaaaas, cada um com seu cada um. Eu não vou deixar de utilizar o fast pass em detrimento de evitar filas intermináveis nas atrações. Acho que esse pensamento é surreal.

 


 
Rafael: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:34hs
 
 

Prezado Amigo Rafael,

Respeito sua opinião, mas apenas esclarecendo um ponto:
1) Se não houvesse a fila do Fura-Fila (Fasta Pass+) claro que a outra fila andaria mais rápido, pois a capacidade de admissão de pessoas no brinquedo é limitada e tem que comportar o mesmo numero de pessoas, com a prioridade dos fura-filas./
Imagina vc num banco com fila unica, e todos que tem prioridade vão passando a sua frente: idosos, gestantes, deficientes fisicos, etc.) É claro que sua fila vai andar mais devagar e vc demorará mais tempo para ser atendido !!! É isso que ocorre na fila normal dos parques, de quem não tem fast pass !

Também discordo sobre o acesso universal ao fast pass. Porque ?
Porque vc precisa já ter comprado o ingresso com bastante antecedência para ter o numero do código de barras dele, ter um Smart Phone com câmera e interligado a internet para acessar a sua conta na Disney e LINKAR o ingresso com a conta, para depois poder emitir o tal Fast Pass ....
Ora Rafael, convenhamos... Quantos de nós tem acesso a tudo isso ? Lá ??
Você mesmo comentou aqui, alguns meses atrás, sobre o MICO que pagou por acionar o telefone celular instalado em um carro alugado que é conectado com o serviço de emergência dos EUA !! (adorei aquele Post, desculpe !!!)
Mas nós, tupiniquins latino-americanos não temos o mesmo acesso que os americanos do norte ... e isso acaba privilegiando os habitantes de lá em detrimento dos demais visitantes, incluindo os latinos !!
Por último, quanto a sua colocação: "a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa." Como bom administrador, você sabe da importância da opinião dos clientes sobre o seu negócio ! O número de brasileiros que vão aos EUA em geral disparou 292% desde 2006, chegando a um total de 2,06 milhões de visitantes em 2013, de acordo com o relato do Departamento de Comércio.

Forte abraço e uma excelente viagem para vocês. Quem sabe a gente não se encontra por lá um dia ?
Ayrton.





Amigo,

Me desculpe mas seu raciocínio é completamente sem pé nem cabeça.
Primeiro ponto: Não é preciso comprar a pulseira para ter acesso ao fast pass +, basta apenas você fazer o link entre o ingresso comprado e sua conta na Disney.
Segundo ponto: Todas as pessoas são normais que compram as pulseiras, e as que não compram também são e podem se utilizar do fast pass+.
Terceiro ponto: o fast pass + na verdade é uma forma de você otimizar o funcionamento do parque, ele não visa dar prioridade, ele tenta fazer com que as pessoas fiquem distribuídas de maneira homogenia no parque.
Quarto ponto: A lei de prioridades faz parte do assistencialismo, você não melhora as condições dos serviços básicos como banco, hospitais, órgãos públicos e por conta disso você dá um cala boca nas pessoas. Alguém já viu fila especial para grávida em país sério? Ou para gente com criança de colo? Não! Isso iria da educação de cada um ver se uma pessoa que não tem condições de esperar e deixá-la passar.
Quinto ponto: a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa. Não é algo essencial para a vida de ninguém (pra minha é, mas não fico reclamando de fila, mesmo quando estava com meus 2 filhos bem pequenos)
Sexto ponto: Discordo em gênero e número e grau que caso não existisse o fast pass + as filas seriam menores. Na verdade seria uma confusão porque todos iriam para o mesmo lugar ao mesmo tempo. Imagina como seria o Toy Story, todos iriam ao mesmo tempo, agora você pode dividir as pessoas durante o da e assim todos conseguem ir ao brinquedo.
Precisamos ver as coisas com calma e clareza. O serviço fast pass + faz com que possamos nos planejar e é democrático, todos podem ter acesso. Não acessa quem não quer.
Abs
(mensagem de Rafael Nunes gonçalves Barbosa)

 


 
Res: Reflexiva

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:52hs
 
 

Ainda tentando entender o que diabos o café tem a ver com o Fast Pass.
Fato é que o fast pass SEMPRE existiu no complexo Disney.
Antes era através de papel e agora, eletronico. Mas com um ótimo propósito: priorizar algumas atrações a fim de não enfrentar fila.
Uma boa saída para fugir das filas, é o Single Rider e eu não acho que isso seja uma forma de furar a fila, e sim agilizar as coisas.
Maaaaas, cada um com seu cada um. Eu não vou deixar de utilizar o fast pass em detrimento de evitar filas intermináveis nas atrações. Acho que esse pensamento é surreal. (mensagem de Patrícia Parra)


Querida Patrícia,

Sempre admirei e respeitei sua opinião e seu Post. E não acho que o meu pensamento é surreal !!!! rsrs
Vou explicar:

Exemplifiquei aqui a História da exportação do Café do Brasil (ocorrida ainda na época que Getúlio Vargas era presidente) para que os fatos históricos nos auxiliem em nossos raciocínios e ações. Se você por favor re-ler o que postei, vai ver o efeito que teve o boicote das donas de casa da América do norte, que MUDOU a política de importação de café dos EUA (uma das bebidas mais consumidas nos EUA, e que proporciona Milhões de dólares na balança comercial dos países que exportam o grão de café para eles, uma vez que lá não produzem café !!!)
Mais informções neste LINK
Apenas quis trazer à reflexão essa dualidade que existe nos parques da Disney, sobre a institucionalização do fura-fila mediante a venda da pulseira, ou seja, fast pass, single rider (onde existem) em detrimento de quem realmente tem o direito de prioridade em uma fila !!
É apenas uma reflexão que quis dividir aqui no Fórum com os viajantes para Orlando. Abraços,
Ayrton.

 


 
Res: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:19hs
 
 

Ayrton,

A banda toca assim! Dancemos com ela!
O que você tem que pensar é que o fast pass+ não tem o objetivo de deixar as pessoas passarem na frente de outras, ele visa fazer com que o deslocamento das pessoas no parque seja coordenado e conjunto. Isso faz com que em nenhum momento todos andem para o mesmo lugar, ou todos entrem na mesma fila.
É uma questão de logística, de mobilidade e de segurança. Imagina se em um dia cheio de MK todos fossem ao mesmo tempo para determinada atração? Como ficaria? Como as pessoas conseguiriam sair? A Disney está séculos a frente! Desenvolveu um sistema de mobilidade que não é preciso fazer obra alguma, apenas coordenou os horários de deslocamento. Como se fosse um sistema de sinais interligados para diminuir o transito.

Quanto ao acesso a um celular com internet. Eu farei uma afirmação: Ninguém com dinheiro para viajar para a Disney está sem acesso a isso. Repito, ninguém!
Quem não tem é porque não quer ter. É uma escolha pessoal, pois então fique com a escolha e arque com ela.

Meu relato da Suburban foi divertidíssimo bebi vários chopp´s depois rindo de mim mesmo. Afinal eu nunca tinha dirigido um carro com 10 botões no espelho retrovisor. Mas hoje em dia não existe quem viaja para lá e não possui acesso a internet. Primeiro porque a maioria dos brasileiros compra os ingressos aqui no Brasil pelo fato de serem mais baratos e por não pagar iof, segundo porque a nossa sociedade não vive sem um celular com internet. Mas para marcar o fast pass não precisa dirigir um carro com 10 botões no retrovisor basta entrar em qualquer computador, tablet ou celular e fazer um simples procedimento. Lembrando que a Disney tem wi-fi free e os cast members ainda ajudam se você precisar. Você na hora não vai conseguir marcar tudo, mas é possível que consiga quase tudo. Pois a Disney sempre libera horários no dia.

Não precisamos de câmera ou de muito tempo. Para se cadastrar basta digitar o código no site e marcar. É bem simples. O mundo está se modernizando, e precisamos seguir... Não existe desculpa para não querer o mesmo.

Eu posso dizer que tenho acesso a tudo que os americanos têm, e não sou rico, muito pelo contrário. Apenas leio e me informo. Óbvio que falar o idioma ajuda bastante, mas... tudo tem em português também. E você pode fazer quase tudo pelo computador, apenas o bibbidi bobbodi e o pirates league acho que só podem ser feitos pelo telefone. Então eu uso o aplicativo que liga de graça para os EUA e diariamente ligo tentando arrumar horários melhores.

Obrigado e uma boa viagem para você também!


 


 
Res: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:49hs
 
 

Ayrton,

A banda toca assim! Dancemos com ela!
O que você tem que pensar é que o fast pass+ não tem o objetivo de deixar as pessoas passarem na frente de outras, ele visa fazer com que o deslocamento das pessoas no parque seja coordenado e conjunto. Isso faz com que em nenhum momento todos andem para o mesmo lugar, ou todos entrem na mesma fila.
É uma questão de logística, de mobilidade e de segurança. Imagina se em um dia cheio de MK todos fossem ao mesmo tempo para determinada atração? Como ficaria? Como as pessoas conseguiriam sair? A Disney está séculos a frente! Desenvolveu um sistema de mobilidade que não é preciso fazer obra alguma, apenas coordenou os horários de deslocamento. Como se fosse um sistema de sinais interligados para diminuir o transito.

Quanto ao acesso a um celular com internet. Eu farei uma afirmação: Ninguém com dinheiro para viajar para a Disney está sem acesso a isso. Repito, ninguém!
Quem não tem é porque não quer ter. É uma escolha pessoal, pois então fique com a escolha e arque com ela.

Meu relato da Suburban foi divertidíssimo bebi vários chopp´s depois rindo de mim mesmo. Afinal eu nunca tinha dirigido um carro com 10 botões no espelho retrovisor. Mas hoje em dia não existe quem viaja para lá e não possui acesso a internet. Primeiro porque a maioria dos brasileiros compra os ingressos aqui no Brasil pelo fato de serem mais baratos e por não pagar iof, segundo porque a nossa sociedade não vive sem um celular com internet. Mas para marcar o fast pass não precisa dirigir um carro com 10 botões no retrovisor basta entrar em qualquer computador, tablet ou celular e fazer um simples procedimento. Lembrando que a Disney tem wi-fi free e os cast members ainda ajudam se você precisar. Você na hora não vai conseguir marcar tudo, mas é possível que consiga quase tudo. Pois a Disney sempre libera horários no dia.

Não precisamos de câmera ou de muito tempo. Para se cadastrar basta digitar o código no site e marcar. É bem simples. O mundo está se modernizando, e precisamos seguir... Não existe desculpa para não querer o mesmo.

Eu posso dizer que tenho acesso a tudo que os americanos têm, e não sou rico, muito pelo contrário. Apenas leio e me informo. Óbvio que falar o idioma ajuda bastante, mas... tudo tem em português também. E você pode fazer quase tudo pelo computador, apenas o bibbidi bobbodi e o pirates league acho que só podem ser feitos pelo telefone. Então eu uso o aplicativo que liga de graça para os EUA e diariamente ligo tentando arrumar horários melhores.

Obrigado e uma boa viagem para você também!



(mensagem de Rafael Nunes gonçalves Barbosa)


Rafael, muito obrigado pelos Posts, vc disse tudo que eu queria dizer e estava com preguiça de digitar. rs. Mas é isso mesmo. Não há dificuldades em usar o FastPass+ e tão pouco pra usar o My Disney Experience, foi bom vc lembrar que os cast members estão espalhados por todo o parque para te ajudar a marcar o mais cedo possível as suas atrações, sem necessidade de celular, internet e nem computador, estão todos em frente a maquinas destinadas a isso ou com seus tablets em mãos. Não precisa ter celular com câmera pra ler código de barras de cartão (Ri alto), e tão pouco somente iphone pra rodar o aplicativo. Eu acho que o mais difícil é ir pra Orlando, ir pra Disney, depois que você consegue se organizar em tudo, um agendamento SIMPLES fica bem MAIS SIMPLES.

Abraço.

 


 
 
Main Street U.S.A. foi inspirada na cidade de Marceline, Missouri, EUA, onde Walt Disney passou parte da sua infância.