Alfândega - Relatos

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 

O objetivo do presente tópico é o de servir de espaço para que possamos postar - relatos - sobre as nossas experiências com a alfândega (exclusivamente). Peço que questionamentos sobre a "cota de isenção" sejam reservados para o seu tópico específico - Alfândega - Cota de Isenção.

leia essas informações
 
Índice  
 
 
Res: Viagem de ônibus

 mensagem postada em 01/06/2014 - 09:06:28hs
 
 


É o Brasil!!!silsilsil!!

Já pensou você "podre" de cansaço depois da viagem ficar preso no avião algumas horas e depois entrar no busão!!??

E a bagunça com as malas, etc!

Mais uma prova de que o brasileiro é antes de mais nada um forte,kkkk...!! Aumentam o IOF, cancelam vôos , Alfândega massacrante, mas nós não desistimos de viajar aos EUA!

Abçs a todos,

Alessandra

 


 
Res: Fortaleza

 mensagem postada em 30/05/2014 - 11:05:29hs
 
 

Alguém já voltou nesse novo voo Miami-Fortaleza?

Queria saber como ta a alfandega aqui! (mensagem de Juliana Medina)




Olá, Juliana!


Hoje saiu uma matéria no jornal informando que o primeiro vôo direto Fortaleza-Miami sairá amanhã (31/05), sempre aos sábados, inclusive a volta. Veja no link abaixo: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/negocios/voo-fortaleza-miami-comeca-amanha-1.1025873

Também estamos no aguardo de relatos sobre o voo e a alfândega aqui em Fortaleza. Se a frequência semanal vai ocasionar maior rigor na fiscalização, isso só o tempo dirá...

 


 
Res: GRU NA COPA

 mensagem postada em 30/05/2014 - 08:05:27hs
 
 

PESSOAL, ALGUEM SABE DIZER SE VAI SER COMPLICADO A ALFANDEGA NA COPA?

SERÁ QUE A FISCILIZAÇÃO SERÁ MAIS INTENSA PARA OS ESTRANGEIROS OU PARA OS BRASILEIROS?

ATT
RE (mensagem de Renata C F Parreira)



Sim! A receita junto com a policia federal irá atuar fortemente nos aeroportos,principalmente RJ, BSB e SP.

Não quer dizer que todos pagarão taxas e nem que serão parados, mas....a probabilidade aumenta exponencialmente,


abs e boa viagem

Marco

 


 
Viagem de ônibus

 mensagem postada em 28/05/2014 - 06:05:13hs
 
 

Essa pra mim foi nova rsrs

Passageiros de voo de Miami retido em GO chegam de ônibus a Brasília
Não há alfândega em Goiânia e foi preciso esperar, diz American Airlines. Passageiros foram para Brasília em veículo escoltado pela Polícia Federal.
27/05/2014 22h15 - Atualizado em 28/05/2014 02h29
Do G1 DF

Passageiros que saíram nesta segunda de Miami, nos Estados Unidos, com destino a Brasília, só desembarcaram na capital federal na noite desta terça-feira (27) – e de ônibus. O avião da American Airlines em que viajavam ficou parado no Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, por cerca de quatro horas na manhã desta terça. O avião havia sido direcionado para o aeroporto de Goiânia devido ao mau tempo em Brasília pela manhã.

Passageiros desembarcaram da aeronave da American Airlines que havia decolado de Miami com destino a Brasília (Foto: Vinícius Jardim/acervo pessoal)
Em nota, a American Airlines informou que, como o aeroporto de Goiânia não tem serviços de alfândega e imigração, os passageiros tiveram de esperar a bordo pela permissão para desembarcar. O avião tinha cerca de 200 passageiros.
De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a aeronave ficou aguardando a reabertura do aeroporto de Brasília para realizar a decolagem. Porém, durante os procedimentos de verificação de equipamentos, foram identificados problemas mecânicos, que a impediram de seguir viagem, informou o órgão.
A American Airlines então alugou os ônibus para levar os passageiros para Brasília. O veículo foi escoltado por três carros da Polícia Federal. Na chegada à capital, um helicóptero da corporação também foi acionado.

Ainda segundo a Anac, os passageiros foram desembarcados e acomodados em uma sala especial. O órgão informou que os passageiros receberam toda a assistência necessária e foram embarcados às 15h em ônibus especiais com destino ao Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek, em Brasília.

 


 
Res: GRU 12/05

 mensagem postada em 27/05/2014 - 11:05:45hs
 
 

Não importa como eu esteja vestido, quantas malas traga, se estou sozinho ou acompanhado, etc, etc, etc, SEMPRE me mandam pro raio-x.

Na última vez, não foi diferente.

Não trazia nada de mais, nem em grande quantidade. Zero eletrônicos, roupas sujas, 80% delas levadas do Brasil, trouxe 4 pares de tênis para mim, pois os meus se acabaram, trouxe suplementos para academia para minha esposa, etc.

Passei as malas pelo raio-x, e posteriormente pediram pra eu abrir a mala. Abri as 2, olharam tudo e, como não havia o que ser taxado, pois, como eu mesmo havia TENTADO "DIZER", passando na fila NADA À DECLARAR, eu não tinha nada à declarar.

O engraçado é que, à minha frente, vinha um casal com umas 8 malas, em 2 carrinhos, com as malas despencando, e não foram parados. Eu, com 2 malas, mas empurrando pelas próprias rodinhas, fui mandado pro raio-x.

Resumo: perdi minha conexão, com o tempo que fiquei parado na receita, passando em raio-x, abrindo mala, blablabla. Fui chegar em casa quase 12 horas além do previsto, precisei mudar da aeroporto, etc.

Enfim, já cansei de ser parado, já cansei ficar indignado, já cansei de tentar entender como escolhem o pessoal pra passar pelo raio-x, etc.

Agora só penso que o ônus de passar alguns dias em um país legal, onde há segurança, disciplina, etc, é ter que passar pelo aeroporto e pela alfândega na volta. No matter what, conseguem estragar o q estava indo tudo bem.
(mensagem de Rafael Cordeiro)


Que droga!!! Pior é isso: vc não tinha nada a declarar MESMO.


Infelizmente uns pagam pelos outros...

 


 
Res: GRU 12/05

 mensagem postada em 27/05/2014 - 11:05:42hs
 
 

Não importa como eu esteja vestido, quantas malas traga, se estou sozinho ou acompanhado, etc, etc, etc, SEMPRE me mandam pro raio-x.

Na última vez, não foi diferente.

Não trazia nada de mais, nem em grande quantidade. Zero eletrônicos, roupas sujas, 80% delas levadas do Brasil, trouxe 4 pares de tênis para mim, pois os meus se acabaram, trouxe suplementos para academia para minha esposa, etc.

Passei as malas pelo raio-x, e posteriormente pediram pra eu abrir a mala. Abri as 2, olharam tudo e, como não havia o que ser taxado, pois, como eu mesmo havia TENTADO "DIZER", passando na fila NADA À DECLARAR, eu não tinha nada à declarar.

O engraçado é que, à minha frente, vinha um casal com umas 8 malas, em 2 carrinhos, com as malas despencando, e não foram parados. Eu, com 2 malas, mas empurrando pelas próprias rodinhas, fui mandado pro raio-x.

Resumo: perdi minha conexão, com o tempo que fiquei parado na receita, passando em raio-x, abrindo mala, blablabla. Fui chegar em casa quase 12 horas além do previsto, precisei mudar da aeroporto, etc.

Enfim, já cansei de ser parado, já cansei ficar indignado, já cansei de tentar entender como escolhem o pessoal pra passar pelo raio-x, etc.

Agora só penso que o ônus de passar alguns dias em um país legal, onde há segurança, disciplina, etc, é ter que passar pelo aeroporto e pela alfândega na volta. No matter what, conseguem estragar o q estava indo tudo bem.
(mensagem de Rafael Cordeiro)



Isso ai Rafael, indigne-se. Se todo brasileiro fosse assim, isso ai estava bem melhor. Compartilho de sua indignação!

Abraços



 


 
Galeao!!

 mensagem postada em 26/05/2014 - 12:05:43hs
 
 

Gente cheguei na terca feira as 6:30, parei um pouco no duty free! logo que cheguei estava bem lotado e vi muita gente passando pelo raio x, chegaram na mesma hora dois voos vindo de Miami, parei no duty e quando sai não tinha mais ninguém passando na alfândega, estava eu com uma mala grande e duas pequenas, e uma amiga com uma grande e uma media, não trouxemos muito eletrônico, apenas uma caixinha de som da bose, e bastante roupa, mais passamos direto, foi super tranquilo!!!

 


 
GRU 12/05

 mensagem postada em 25/05/2014 - 10:05:38hs
 
 

Não importa como eu esteja vestido, quantas malas traga, se estou sozinho ou acompanhado, etc, etc, etc, SEMPRE me mandam pro raio-x.

Na última vez, não foi diferente.

Não trazia nada de mais, nem em grande quantidade. Zero eletrônicos, roupas sujas, 80% delas levadas do Brasil, trouxe 4 pares de tênis para mim, pois os meus se acabaram, trouxe suplementos para academia para minha esposa, etc.

Passei as malas pelo raio-x, e posteriormente pediram pra eu abrir a mala. Abri as 2, olharam tudo e, como não havia o que ser taxado, pois, como eu mesmo havia TENTADO "DIZER", passando na fila NADA À DECLARAR, eu não tinha nada à declarar.

O engraçado é que, à minha frente, vinha um casal com umas 8 malas, em 2 carrinhos, com as malas despencando, e não foram parados. Eu, com 2 malas, mas empurrando pelas próprias rodinhas, fui mandado pro raio-x.

Resumo: perdi minha conexão, com o tempo que fiquei parado na receita, passando em raio-x, abrindo mala, blablabla. Fui chegar em casa quase 12 horas além do previsto, precisei mudar da aeroporto, etc.

Enfim, já cansei de ser parado, já cansei ficar indignado, já cansei de tentar entender como escolhem o pessoal pra passar pelo raio-x, etc.

Agora só penso que o ônus de passar alguns dias em um país legal, onde há segurança, disciplina, etc, é ter que passar pelo aeroporto e pela alfândega na volta. No matter what, conseguem estragar o q estava indo tudo bem.

 


 
Res: Alfândega Manaus

 mensagem postada em 25/05/2014 - 10:05:48hs
 
 

Oi Vanessa, bom dia!

Já tinha ouvido falar de Manaus como um lugar bem rigoroso! Pelos poucos vôos internacionais que passam por lá eles realmente ficam em cima!!

Muito obrigada pelo seu relato serve de aviso para os colegas do VPO!

Abçs,

Alessandra

 


 
Alfândega Manaus

 mensagem postada em 25/05/2014 - 12:05:09hs
 
 

Boa noite pessoal,
Gostaria de relatar minha experiência na alfândega de Manaus este mês. Voltamos, eu e meu marido, de Miami. Após pegarmos as malas(2 médias e uma pequena) dissemos q não tínhamos nada a declarar mas fomos encaminhados ao Rx.
Resultado: entregamos os dois i-Phones 5s q adquirimos e o fiscal da Receita já foi logo dizendo que viu no Rx duas bolsas MK, dois perfumes na caixa, dois relógios e um i-Pad. Não sabia que tínhamos q usar o telefone lá(na função telefone, não vale foto ou internet) para ter direito à isenção. Ele perguntou se tínhamos as notas ou poderíamos dizer os valores e disse q não abriria nossas malas. Mas vistoriou minha bolsa e a mochila do meu marido. O i-Pad ele abriu, viu q era de 32 Gb e pesquisou o valor na net.
Resumindo, pagamos R$3000,00 de imposto e multa! Acho q foi azar, mas poderia ser pior se ele resolvesse ser mais rigoroso e vistoriar as malas...
Foi a primeira vez que fomos parados mas as outras vezes voltamos por São Paulo.
Várias pessoas estavam na fila para vistoria. No momento que chegamos só havia 1 fiscal na triagem e 2 na vistoria. Qdo estávamos saindo, chegaram mais 2.

 


 
 
Todas as vitrines das lojas existentes em Main Street U.S.A. foram construídas - mais baixo que o normal - pois Walt queria que as crianças também pudessem vê-las facilmente.