Impostos e Taxas

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Res: Limite para compras

 mensagem postada em 29/08/2013 - 11:08:03hs
 
 

O limite para compras é de USD 500,00. Quanto pago em relação ao que ultrapassar este valor? 50%?
(mensagem de GISELESANTANA1)


Sim, 50% do que ultrapassar a quota de 500 dólares. Comprou 600 dólares, vai pagar 50 dólares de impostos (50% de U$100).

Lembrando que:

1) A quota é individual. Não adianta você e seu marido comprarem um iPad de 600 dólares, pois ele terá que ser declarado por apenas um de vocês.

2) Alguns itens entram na quota, outros não. Dê uma procurada em mensagens antigas aqui do fórum, neste ou em sites sobre viagens pro exterior, ou então no site da Receita Federal.

<>s
André

 


 
Res: Taxa Las Vegas

 mensagem postada em 17/04/2013 - 12:04:46hs
 
 

Prezados amigos,

Segundo o site LasVegas.com o imposto é de 8.1% (compras). Com relação a rede hoteleira é de 12% chegando na região da Fremont a 13%.

Um forte abraço,
Luiz Carlos ºoº

 


 
Res: TAX - 6% e 8%

 mensagem postada em 17/04/2013 - 10:04:18hs
 
 

Varia de condado pra condado.

Fort Lauderdale fica no condado de Broward, onde é 6%.

Fonte: link

O imposta na Flórida varia de Cidade à Cidade? Em Orlando é 6% e em Fort Lauderdale é quanto? (mensagem de Ana Carolina Cananéa)

 


 
P/ Flavia e Fabio

 mensagem postada em 12/12/2012 - 04:12:03hs
 
 

Flavia e Fabio

Oi eu não sei tb como é, só li hj no jornal hj e achei bem interessante, mas pelo que entendi em Orlando não é possível, uma pena!!!

Veja o link: http://oglobo.globo.com/economia/viagem-pode-ficar-mais-economica-com-devolucao-de-imposto-para-turista-estrangeiro-6991409#ixzz2Eq80XJve

Abç

 


 
Marcelo L dos Santos Aumento de impostos

 mensagem postada em 05/12/2012 - 10:12:03hs
 
 

Na verdade o abismo fiscal americano é causado por uma serie de coisas, inclusive diversas isenções fiscais que nada têm a ver com a imposto que pagamos incidente nas compras.
O que está impactando nosso bolso é a expressiva alta do dolar aqui no Brasil. Meu extrato do cartão chegou hoje e somada a taxa do dia com o iof o dolar do cartão chegou a extratosfericos 2,40.Vai doer !

 


 
Aumento de impostos

 mensagem postada em 04/12/2012 - 08:12:28hs
 
 

Pessoal, já lí várias reportagens afirmando que a partir de janeiro os EUA terão uma alta expressiva em seus impostos (o tal abismo fiscal), mas em nenhum lugar encontrei detalhamento desses impostos. Será que vai impactar algo pra nós? Acredito que impactaria bastante se aumentasse aquele imposto sobre as compras (que é estadual, se não me engano). Alguem sabe de algo?

 


 
Bernardo Gracioli

 mensagem postada em 02/10/2012 - 09:10:58hs
 
 

O valor do produto que vc compra pela internet já estará com os impostos.
Só lembre que se a compra for em dólar e no cartão de crédito terá tb o iof, que é a bagatela de 6,38% (só no Brasil esse absurdo!!). O iof será cobrado em qualquer compras realizadas no cartão de crédito.

E se mandar entregar no hotel, a maioria deles cobram uma taxa pra receber e as vezes outra pra armazenar. Eles indicam que peça pra entrega ser uma semana antes do seu check-in. Acredito que para n ter problema de vc ir embora e a encomenda ainda n ter chegado.

Espero ter ajudado.

 


 
Não existe tax refund nos EUA

 mensagem postada em 09/05/2012 - 08:05:14hs
 
 

Como bem apontado pelo amigo Roberval não existe tax refund nos Estados Unidos.

No site U.S. Customs & Border Protection - link - consta o seguinte:

How do I obtain a refund of sales tax I paid while visiting the United States?

Como eu faço para obter o reembolso do imposto sobre as vendas que eu pago enquanto visito os Estados Unidos?

The United States Government does not refund sales tax to foreign visitors. Sales tax charged in the U.S. is paid to individual states, not the Federal government - the same way that VAT is paid in many countries. If you are making a major purchase, such as a car, and you intend to export the item, you will want to contact the State taxation authority inthe state where you will be making the purchase. They will be able to inform you of their criteria for refunding any sales tax paid.

O Governo dos Estados Unidos não restitui o imposto sobre as vendas para os visitantes estrangeiros. Tal imposto é pago aos Estados, não ao Governo Federal - da mesma forma que o VAT é pago em muitos países. Se você está fazendo uma compra grande, como um carro, e pretende exportá-lo, você terá que contatar a autoridade de tributação no Estado que estiver fazendo a compra. Eles serão capazes de informá-lo sobre os critérios de reembolso de qualquer imposto sobre as vendas pago.


E no site do Aeroporto Internacional de Orlando - MCO - também consta a seguinte informação - link:

Can I get my sales tax refunded at the airport?

Eu posso receber a restituição do impostos sobre vendas no aeroporto?

According to the U.S. Customs and Border Protection web site (www.cbp.gov), foreign visitors to the United States frequently confuse the state sales tax with value-added tax (VAT). The state sales tax is a small tax on purchases or services, calculated at the time of purchase, which the individual states assess and which the U.S. federal government neither determines nor receives. VAT, on the other hand, is a national tax commonly applied in foreign countries that is included in the actual sales price of an item. The United States does not have a VAT, and the federal government cannot refund state sales taxes. Some states do not charge tax on items shipped out of state, therefore please ask about sales-tax policies in the state where you make your purchases.

De acordo com o website U.S. Customs and Border Protection (www.cbp.gov), os estrangeiros que visitam os Estados Unidos freqüentemente confundem o imposto sobre vendas de titularidade dos Estados com o VAT. O imposto sobre vendas é um pequeno imposto sobre as compras ou serviços, calculado no momento da compra, e que compete a cada um dos Estados sendo que o Governo Federal não determina nem recebe. O VAT, por outro lado, é um imposto nacional comumente aplicado em países estrangeiros, que está incluído no preço de venda de um item. Os Estados Unidos não têm o VAT, e o governo federal não pode reembolsar os impostos estaduais de vendas. Alguns estados não cobram imposto sobre artigos enviados para fora do Estado, portanto, por favor, pergunte a respeito de tal política ao departamento competente no Estado em que fez as suas compras.

Um forte abraço a todos,
Luiz Carlos ºoº

 


 
Everson

 mensagem postada em 04/05/2012 - 04:05:13hs
 
 



Não existe tax refund nos EUA.
Este benefício (ou procedimento) só existe em alguns países da Europa e alguns da america do sul (como no Uruguai por exemplo).
Nos EUA, mesmo sendo estrangeiros, temos que pagar o TAX (entre 6 e 8%) do valor da mercadoria comprada, que vai direto para a arrecadação estadual/federal, conforme o caso.
Por favor, veja o Post do Fábio Liporace para a Veruschka, abaixo, que é bem esclarecedor (sobre a diferença entre Sales Tax e VAT (value addedd tax) que é o que se cobra na Europa.
Se tiver alguma noticia em contrário, por favor nos fale. Grato, R. Taylor.

 


 
Moema - Impostos e Taxas

 mensagem postada em 16/11/2011 - 10:11:27hs
 
 

Essa prática é comum na União Europeia e em lojas que participam da promoção... há inclusive informações erradas no artigo, como a necessidade de um cartão de crédito para depósito da devolução: isso não é obrigatório, já que você pode receber em espécie.
Repare que há um link onde está escrito "Estados Unidos"... ele direciona para um site do governo da Louisiana, um dos poucos estados nos EUA que devolvem o imposto (acho que Texas também devolve), mas também válido apenas nas lojas participantes.
Ou seja, a devolução do imposto nos EUA não é regra, é exceção

 


 
 
O Marrocos foi o primeiro país a reconhecer os Estados Unidos como país independente. No seu pavilhão no Epcot, mais especificamente no restaurante Marrakesh você encontra numa parede (área de espera) uma réplica de uma carta trocada entre o sultão Mohammed III e o presidente George Washington.