Alfândega - Relatos

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 

O objetivo do presente tópico é o de servir de espaço para que possamos postar - relatos - sobre as nossas experiências com a alfândega (exclusivamente). Peço que questionamentos sobre a "cota de isenção" sejam reservados para o seu tópico específico - Alfândega - Cota de Isenção.

leia essas informações
 
Índice  
 
 
Res: Brasília

 mensagem postada em 12/12/2014 - 09:12:01hs
 
 


Eu vejo o povo falando sempre da alfandega de BSB, que é isso, aquilo, etc.... Já cheguei 3 vezes todas por BSB, todas fiquei na fila normal sem sair correndo então vi a maior parte dos passageiros passando antes de mim e nunca tive problemas... Nunca trouxe nada demais, nem compro eletrônicos la, mas nunca vi ninguém ser mandado para a fiscalização! Pelo contrario, minha mão trouxe uma filmadora de $600 dólares no primeiro ano que fomos e foi declarar e o fiscal liberou ela sem imposto! Perguntou se era só a filmadora e ela disse que sim, ai ele disse que ia abrir só uma mala e se tivesse tudo OK liberava ela, quando abriu a mala que estava cheia de ursinhos de pelúcia ele nem olhou a mala, fechou e mandou ela ir embora!!
Pra não dizer que nunca vi nada, nas 3 vezes só vi uma pessoa sendo parada.. Mandaram passar a mochila no raio X e tinha 3 notebooks... Foi no mesmo ano que minha mão foi declarar a filmadora e ela viu eles abrindo a mala dele e tinha mais uns 10 notebooks dentro, então foi super correto o procedimento e apoio o que fizeram pois é por causa desses que nós sofremos com a alfandega!!
Os 3 anos só perguntaram se estávamos dentro da cota, se tínhamos vídeo game, etc.. e em 2013 passamos no raio X, mas também não acho nada demais passar no raio x porque se eu tiver acima da cota eu vou declarar mesmo e se for pro nada a declarar é porque não ultrapassei a cota, então acho até bom passar pelo raio X pois ai pega só quem tem coisa errada e não é aleatório!
E em todas as 3 vezes estávamos todos com 2 malas da gigante na faixa de 31 kilos, 1 mala de mão com uns 15 e mais mochila e as mulheres com bolsa... Na ultima eu e minha esposa passamos com 7 malas, 1 mochila cada, mais a bolsa da minha esposa e mais uma sacola grande da Calvin Klein e minha esposa nem chegou a passar as dela no raio X, só eu!!
(mensagem de Leandro G. Gomes)



Leandro,

Além do numero e tamanho das malas, tem alguns fatores que podem determinar sua ida ou não para a fiscalização (e consequentemente pagamento de impostos) na alfandega, com bagagem acompanhada:
1) obviamente se vc comprou objetos em valor acima da cota; (RX);
2) Numero de fiscais no turno;
3) Numero de passageiros na fila;
4) Se os balcões de revista já estão cheios, e todos os fiscais ocupados (parece que foi esse o caso quando vc disse que ficou mais para trás na fila ...).

No início do texto vc mesmo deu a razão de não ser taxado, a afirmar:
"nunca tive problemas... Nunca trouxe nada demais, nem compro eletrônicos la ..."

Chama a atenção o procedimento adotado pelo fiscal, quando vc disse que a Sra. sua mãe tentou declarar e pagar pelo excesso de 100 dolares, quando ingressou no país com uma filmadora de 600 e " o fiscal liberou ela sem imposto! "
Ao relatar isso, você acabou por confessar um crime fiscal, pois tanto o viajante é obrigado a declarar como o fiscal é obrigado a emitir a competente Guia de Recolhimento e proceder a autuação e cobrança do imposto ... Isso isentaria vocês de pagar novamente pelo ingresso da filmadora, em futuras viagens ao exterior !

Chama também a atenção quando vc afirmou que "Na ultima eu e minha esposa passamos com 7 malas, 1 mochila cada, mais a bolsa da minha esposa e mais uma sacola grande da Calvin Klein e minha esposa nem chegou a passar as dela no raio X, só eu!!"...
Sabemos que cada passageiro somente pode trazer duas malas com 32 Kg cada, além de uma bagagem de mão ou mochila (até 5 Kg).
Então fica difícil acreditar que um casal que traga 07 malas, 2 mochilas mais uma sacola grande ... estejam dentro da cota de US$ 500 !!!

Ou vocês são pessoas de muita sorte, para não serem parados e fiscalizados com uma quantidade enorme de malas como esta (possivelmente pagaram até pelo excesso de bagagem) ou então ... não sei !

De qualquer maneira é sempre bom que cada um cumpra com sua obrigação e declare quando estiver acima da cota, para evitar ser fiscalizado e punido, além da cobrança do respectivo imposto, com a multa sobre o que passar !

Não devemos ficar incentivando ninguém a tentar arriscar a passar na aduana com compras acima do limite, pois nesse caso também estaremos infringindo a lei.

De qualquer maneira, agora com as novas regras (vejo que vc está na contagem regressiva para uma nova viagem ...) é bom não facilitar e nem contar com a sorte. Quem estiver com grande numero de malas, com certeza vai para a fiscalização (RX) e se estiver acima da cota, certamente terá que recolher imposto + multa) caso não tenha declarado espontaneamente !!

Um abraço,
Ayrton.

PS.: O que ocorre em Brasilia é que tem pequeno numero de voos internacionais chegando ao mesmo tempo, quando comparado aos aeroportos de São Paulo e Rio de Janeiro.

 


 
Res: Brasília

 mensagem postada em 12/12/2014 - 09:12:28hs
 
 

Desci por Brasília ontem de madrugada, vinha de orlando, mas o voo fazia parada no Panamá, dai tinha muita gente de outros lugares, somente esse voo chegando no horário, pouca gente no avião.
Achei que iam mandar todo mundo pra fiscalização, quando tava passando o cara falou pra eu seguir a linha verde, que no caso era a linha pra sair.
Dei sorte demais, mas era meio que aleatório pelo que eu vi pra quem ia ou não passar pela fiscalização... (mensagem de Thiasgo)


Thiasgo,

Você deu muita sorte mesmo... Como todos sabem e comentam aqui, Brasilia tem uma das alfândegas mais rigorosas, exatamente por estar com quadro completo de funcionários e pelo reduzido numero de vôos internacionais, em comparação com Rio e SP. Você deve ter vindo pela COPA certo ?
Parabéns ! SDS,
Roberval.
(mensagem de roberval taylor)


Eu vejo o povo falando sempre da alfandega de BSB, que é isso, aquilo, etc.... Já cheguei 3 vezes todas por BSB, todas fiquei na fila normal sem sair correndo então vi a maior parte dos passageiros passando antes de mim e nunca tive problemas... Nunca trouxe nada demais, nem compro eletrônicos la, mas nunca vi ninguém ser mandado para a fiscalização! Pelo contrario, minha mão trouxe uma filmadora de $600 dólares no primeiro ano que fomos e foi declarar e o fiscal liberou ela sem imposto! Perguntou se era só a filmadora e ela disse que sim, ai ele disse que ia abrir só uma mala e se tivesse tudo OK liberava ela, quando abriu a mala que estava cheia de ursinhos de pelúcia ele nem olhou a mala, fechou e mandou ela ir embora!!

Pra não dizer que nunca vi nada, nas 3 vezes só vi uma pessoa sendo parada.. Mandaram passar a mochila no raio X e tinha 3 notebooks... Foi no mesmo ano que minha mão foi declarar a filmadora e ela viu eles abrindo a mala dele e tinha mais uns 10 notebooks dentro, então foi super correto o procedimento e apoio o que fizeram pois é por causa desses que nós sofremos com a alfandega!!

Os 3 anos só perguntaram se estávamos dentro da cota, se tínhamos vídeo game, etc.. e em 2013 passamos no raio X, mas também não acho nada demais passar no raio x porque se eu tiver acima da cota eu vou declarar mesmo e se for pro nada a declarar é porque não ultrapassei a cota, então acho até bom passar pelo raio X pois ai pega só quem tem coisa errada e não é aleatório!

E em todas as 3 vezes estávamos todos com 2 malas da gigante na faixa de 31 kilos, 1 mala de mão com uns 15 e mais mochila e as mulheres com bolsa... Na ultima eu e minha esposa passamos com 7 malas, 1 mochila cada, mais a bolsa da minha esposa e mais uma sacola grande da Calvin Klein e minha esposa nem chegou a passar as dela no raio X, só eu!!

 


 
 
Walt Disney queria ter certeza que os "negócios" do Parque nunca se intrometessem no "show". Então ele construiu aproximadamente 2,4 km (1,5 milha) de túneis de acesso "Utilidors" sob o parque Magic Kingdom.