Notícias - Gripe Suína - AH1N1

 
Tópico Trancado

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Desabafo!

 mensagem postada em 08/05/2009 - 02:05:33hs
 
 

Caros amigos, assim como vocês, também estive, durante vários dias, aguardando ansioso minha viagem, em família, para a Disney. Tenho uma filha de 6 anos que aguardava com ansiedade tal momento, inclusive com pré-reserva já realizada para um jantar no castelo da cinderela, sem contar o Bibiddi-Bobiddi-Boutique. Pois bem. Primeiro, um médico afirma, num programa de televisão da Rede Globo, que é melhor cancelar viagem para Orlando. Em seguida, hoje pela manhã, vem o Ministro da Saúde e reafirma tal posição, ou seja, para quem puder, que cancele as viagens para locais como México e Estados Unidos. Pedem para que não se crie pânico, apenas tenhamos preocupação. Mas, por outro lado, não vejo a Disney se manifestar, tampouco as companhias aéreas sobre tal situação. E assim, de um lado, vemos o sonho dos nossos filhos virarem, por ora, tristeza e choro, sem ter a capacidade de entender o que está acontecendo. Do outro lado, a racionalidade de nós, pais, que devemos proteger a família. E nesta situação, prevalece a orientação de cancelar as viagens. Se tivéssemos, ao menos, alguma informação mais tranquilizadora,por parte da Disney ou das Companhias Aéreas, poderiamos decidir com mais tranquilidade. É apenas um desabafo. Apenas isso. Não tenho a intenção, com este texto, de convencer ninguém sobre quaisquer posições a serem adotadas. Apenas um desabafo. Poderiamos, sim, ter um respaldo maior daqueles que contratamos os serviços para as nossas viagens. O silêncio é uma resposta enigmática para isso tudo.

 


 
 
O patriotismo de Walt sempre foi evidente em sua obra. Assim, no Magic Kingdom, existem inúmeras bandeiras asteadas nas lojas em Town Square e ao longo da Main Street U.S.A., mas elas foram impressas de maneira a - propositalmente - não terem o número correto de estrelas e listas, com o objetivo de assim não terem que ser retiradas toda noite, como é obrigatório para as bandeiras oficiais.