Relatos - Minha primeira viagem para Orlando - FL

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
outubro/2007 - parte 3

 mensagem postada em 06/10/2008 - 01:10:19hs
 
 

Este era o dia de ir no Epcot! E lá fomos nós...
O Epcot também fechava as 19hrs. E a atração principal (a bola do Epcot) está em reforma, nem a mão do Mickey segurando uma varinha com Epcot escrito não tinha.
Como no Magic Kingdom passamos batido no Guest Relations, no Epcot resolvemos parar por lá pra pegar nossos ‘pins’. Eu e meu marido pegamos um de “just married” e eu um a mais de “1st visit”, ficamos rodando o parque todo com os pins e recebendo “congratulations” onde passávamos. Pra falar a verdade eu queria ter passeado no parque de orelha de Minnie Branca com véuzinho de noiva e meu marido bem que podia ter aceitado andar de cartolinha de Mickey... mas não rolou! (já bastava eu querer andar de princesa né?! Rs... )
Não fizemos nenhuma reserva de restaurante!
Depois fomos ao tour.
Logo na entrada tinha aquele pessoal batendo lata, que vale a pena perder 10 minutos pra ver, porque eles são muito engraçados! Sem contar que o batuque é muito bom!
Depois o “Ellen’s Energy Adventure” foi aberto quando estávamos passando em frente, e resolvemos entrar. É uma atração demorada, em torno de 45min, mas achamos interessante... é uma viagem e um jogo de telões que é muito legal. Vale a pena! Pra falar a verdade, fora o “Astro Orbiter” do MK, não consegui achar nada que não valesse a visita. Tudo é tão detalhado, que faz a imaginação ir muito além. E aquela música que toca no parque??? Parece uma viagem espacial! Que fizemos inclusive... Fomos ao Mission Space... genial!!!! Que sensação gostosa de viajar pro espaço. Na entrada tinha a opção verde e a laranja... fomos no mais forte, que era o laranja. Fazem vc se sentir um membro da corporação mesmo.... é um barato. Sem contar que aquela pressão toda é muito boa... parece que estamos voando mesmo.
Depois fomos na atração do dragãozinho Figment (Journey Into Imagination with Figment) bonitinho também. Depois “Honey, I Shrunk The Audience, essa atração o que mais me chamou a atenção foi na entrada que antes de começar, todo mundo fica em pé diante de várias telas assistindo uma introdução da Kodak. Fantástica! Uma seqüência de imagens que mexe com a nossa imaginação e lógico, faz com que lembremos de coisas que já vivemos. Mônica... se vc é manteiga derretida como eu, não tem como não se emocionar nessa parte. Depois a atração em si também vale a pena... é engraçada a experiência de ficar pequeno diante da tela. Depois o que mais gostamos... o Test Track da GM.... que coisa genial!!!! O que é aquilo?!?!?!? Todas as vezes que fomos, fomos no Single Rider, porque não valia a pena nem ir na fila normal, muito menos no fast pass, pois eu e o meu marido entrávamos na fila do meio, e passávamos na frente de todo mundo, e detalhe, acho que só 1 vez fomos em carrinho diferente, as outras todas, fomos juntos. Sensacional! Aquela arrancada para a pista que a porta se abre bem em cima do carro é fantástica. As curvas então nem se fala. O contexto da atração inteira é muito bem elaborada. Vale a pena. Nós fomos umas 4 vezes lá.
E o The Seas with Nemo & Friends???? Ai que lindooooooooo! Já na entrada tiramos várias fotos. Aqueles patos (sei lá se eram patos mesmo, igual do desenho) na entrada ficavam “ai, ai, ai, ai, ai”, disparavam, era muito engraçado. Lá dentro era a perfeita viagem pelo filme mesmo... o jogo de água com desenho, o Nemo... o fundo do mar... Indescritível! Nem foto não é a mesma coisa.... só estando lá mesmo. E na saída, tinha um tubarão bem grande, com uma boca bem aberta.... claro... maridão foi lá tirar foto, da criança que estava em disputa de lugar com outras crianças (eu). Tenho registrado!!!
Depois fomos passar brevemente por todos os países. Não fizemos degustação em nenhum. Almoçamos nos Estados Unidos mesmo, lanche mesmo.... bem sem graça mesmo. Rs... Estávamos bem cansados nessa hora já, e não queríamos ficar escolhendo muito, era o que tínhamos de mais rápido. Pra falar a verdade passou pela minha cabeça andar naqueles carrinhos motorizados.... como cansa andar tudo aquilo!!! E olha que faço yoga. Meu preparo físico nem era tão ruim.
Quando chegamos no pavilhão do Canadá, encontramos 2 ursos que nós estamos tentando lembrar até agora quem são, mas mesmo assim tiramos fotos... ficou bem legal, ta no porta retrato de casa agora. Fomos visitar brevemente o Canadá, tiramos foto nos jardins, que são muito lindos, numa réplica de uma cachoeira também.
Tiramos foto no Japão, China – as construções são muito perfeitas. Meu marido fuma... paramos pra fumar no pavilhão da França que tinha um lugar reservado, depois no Marrocos tinha uma apresentação de dança do ventre e uma banda tocando... bonito, mas passamos rapidinho. Entramos no pavilhão do México, mas só olhamos o que tinha por lá e já fomos indo. Depois por curiosidade, entramos na Noruega, pois antes da viagem, compramos uma revista do programa do Amaury Jr. que vinha com um DVD, onde ele detalha os principais pontos dos parques da Disney, e um deles no Epcot era o pavilhão da Noruega, devido ao famoso perfume Layla. Mas não me agradou muito, apesar do ótimo perfume, testei em mim pra tirar a dúvida, e na minha pele a fixação foi muito fraca... a versão masculina no meu marido também não foi muito boa. E pra investir $88 num perfume não valeria a pena, não pra gente.
Depois que terminamos de visitar os países, fomos pro pavilhão onde tem o Soarin. Pegamos fast pass pois estava com espera de 40min. Aí aproveitamos pra ir no Living with the Land, que é bem legal também.. tem plantação de tudo. O mais legal foi a abóbora com o formato da cabeça do Mickey, muito engraçado. Tudo muito perfeito também... plantação de Cacau... alface...tomate... pimenta... berinjela.... e o mais legal é que lá fora depois tem um restaurante que serve a comida com tudo que é colhido da “Land”. Muito legal... mas não comemos lá.
Fomos mais vezes no Test Track e depois no Soarin. Que viagem linda. Que sensação gostosa! Passa por mares, montanhas... e depois sobrevoa o Magic Kingdom... Perfeito.
Depois já estávamos quase nos arrastando.... fomos indo em direção a saída... passar da lojinha, onde compramos um álbum de fotos lindo de couro preto com o símbolo do castelo na frente em relevo que imitava bronze. Depois fomos saindo e ainda me encantei com o chão que brilhava... parecia pisar no céu com estrelas.... tirei foto, mas também nada tão perfeito como presenciar o local.
Aí já voltando pro hotel, fomos na lojinha de 1,99 que dá pra fazer um estrago até que mais ou menos. Compra-se de tudo, muito mais em conta. Lápis, caneta, bloquinho de anotação com os personagens, calculadora... aquela tranqueirada toda, mas que o povo vai ficar super feliz na volta, pq vc lembrou deles..... perfeito! Tinha uns moletons bacanas também e pijamas dos personagens por $15.
Aí fomos embora, jantamos, nesse dia não lembro onde, mas estávamos só o pó. E sempre pedíamos pra recepção acordar a gente as 7:30h. Nesse dia, ligamos lá, e pedimos pra acordar no dia seguinte também. Tomamos banho e fomos dormir. Detalhe: não conseguíamos dormir antes de meia noite. O tel toca pra acordar a gente pro dia seguinte. Eu fui tomar banho, me trocar, passei protetor enquanto meu marido se arrumava também... nos vestimos.... quando meu marido tem a brilhante idéia de olhar no relógio e me perguntar se tinha visto claridade embaixo das cortinas (??????), eu respondi que não... e olhei. De fato não tinha. Ele me mostra o relógio e que horas estava marcada????? (que ódio). Eram só 3:30 da matina. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA Queríamos morrer.... rs.... alguém tinha ligado por engano no nosso quarto... e agente nem pra olhar no relógio e reparar na dificuldade de acordar que estávamos... enfim... tiramos os tênis e fomos dormir até as 7:30h, que aí despertaram mesmo... E mais um parque nos aguardava.... MGM!!!! Este será nosso próximo capítulo. Aguarde!!!!
Continua....

 


 
 
A atração Spaceship Earth está para o Epcot, assim como o Cinderella Castle para o Magic Kingdom. A famosa esfera geodésica tem peso superior a três vezes o de uma espaçonave totalmente carregada de combustível para lançamento. Ela é composta por 11.324 peças - triângulos compostos de alumínio e plástico - sendo que a água das chuvas é canalizada ao longo da sua estrutura e conduzida até a World Showcase Lagoon.