SeaWorld - Aquatica - Opinião dos Usuários

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Aquatica: Minhas Considerações.

 mensagem postada em 21/05/2008 - 05:05:31hs
 
 

Nesta minha última viagem (abril/maio), acabei conhecendo o Aquatica, tendo em vista que havíamos, eu minha mulher e minha filha de 6 anos recém completados, adquirido o ingresso Orlando 6 Flex Ticket, e que nos dava também o direito de conhecer este novo Parque Aquático de Orlando.

Ele fica localizado ao lado do Sea World (dá até para ver a Kraken e a Journey to Atlantis de dentro do Parque), e pelo que eu sei a inspiração dele foi a Austrália. O caminho para a sua entrada no Parque é bem agradável, dando mostras de como é a sua temática.

Ele é não é um Parque grande, podendo ser plenamente desfrutado em curto espaço de tempo, caso você não esteja acompanhado de criança. É um Parque bonito, cujo diferencial é o misto de cores vibrantes e alegres. Não me recordo de agradável música ambiente, como pude constatar claramente no Thyphoon Lagoon, Blizzard Beach, Dicovery Cove e no Wet'n Wild. Vou ver as minhas filmagens sobre o Parque (que memória a minha, hein?), e depois confirmo essa notícia.

Para aqueles que estão com volumes, há armários para locação (no meu caso, aluguei um Large Locker a U$ 10). Só não me recordo se há vários armários espalhados pelo Parque. Penso que não. Só sei que onde loquei, havia muitos armários lá, a entender que os mesmos comportariam a quantidade de pessoas interessadas em alugá-los.

Aqui vai uma dica: quando você devolve a chave ao final de sua estada no Parque, eles te devolvem um recibo contendo crédito de U$ 3.00 que poderão ser gastos em qualquer compra feita em dinheiro no Sea World. Eles não te devolvem em espécie esta quantia. A sorte é que eu ainda não havia ido ao Sea World, e quando fui, acabei usando esse recibo logo de cara, quando paguei o estacionamento do Sea World. Então, para quem vai ao Sea World, vai aí uma dica: deixe para ir depois do Aquatica. Assim poderão economizar essa fortuna, hahaha.

Bem, logo na entrada do Parque, você dá de cara com o Dolphin Plunge. É um tobogã no escuro, não tão alto, muito menos radical, que quando entra no tanque dos golfinhos de Commerson, fica transparente, para seja possível você observar os 3 ou 4 golfinhos (olha a memória aí de novo...) que ficam fazendo a única coisa que deles se espera: nadar.

Moral da estória: eu não consegui ver nada de golfinho(s) nas vezes em que fui! Uma hora você tá no escuro total, depois, tem 0.5 segundo de transparência, e acaba que seu cérebro nem se dá conta que seus olhos devem mirar em qualquer objeto que se mova. Quando você processa a informação, já acabou o brinquedo.

Mas a minha esposa assegurou que conseguiu ver os golfinhos todas as vezes em que ela foi. Bem, ainda acredito na minha mulher (hahaha). Disse-me ela que o segredo é você ir o mais sentado que você puder na atração. Assim, poderá diminuir a velocidade da corrida, podendo ver os danadinhos. Não funcionou comigo...

Ah, depois dá pra você ver bem os golfinhos em dois pontos distintos do Parque: no Commerson's Dolphin Exhibit e no Loggerhead Lane, um rio lento bem agradável que também dá acesso ao Fish Grotto (aquário), mas que tem um grande inconveniente: ele também é entrada de um brinquedo, o Tassie's Twister, que são duas quedas iguais numa bóia de 2 lugares, do tipo privada. Fica maior confusão de pessoas e bóias para entrar no rio lento, cruzá-lo um pouco, para depois entrar no brinquedo, que fica meio que numa ilha...

Há um brinquedo que contém 4 tobogãs, sendo que 2 deles representam um percurso, e os outros 2 representam outro percurso (ou seja, 2 caminhos diferentes), chamado Whanau Way, e que é bem legal. Nada radical, mas diversão na certa, com uma queda rápida e com curvas, no escuro e no claro.

Cutback Cove e Big Surf Shores nada mais representam do que a piscina de ondas. Ondas estas que se formam a cada 15 minutos (memória, memória), e que duram 3 minutos cada seqüência. Bem legal.

Kata's Kookaburra Cove é meio que um playzinho para as crianças mais pequenas, até uns 5, 6 anos. Tem tobogãs e algumas outras atraçõezinhas.

Roa's Rapids é o rio rápido do Parque. Foi uma grata surpresa, pois é um rio realmente rápido, e que vale gastar alguns bons minutos para curti-lo diversas vezes. Aconselho até aos mais velhos (já que crianças até uma certa altura devem usá-los) o uso de coletes salva-vidas nesta atração. Explico: é porque assim você poderá "flutuar" durante a atração, podendo aproveitá-la muito melhor, sem precisar ficar dando braçadas para conseguir ficar com a cabeça fora d'água. Muito legal.

Taumata Racer é uma corrida daqueles tapetes em que você desce o tobogã deitado pra frente, com a barriga pra baixo, e segurando o tapete de modo a ficar com a cabeça acima do nível do solo. Ele começa com uma grande curva no escuro, e termina com uma grande caída. É meio assustador para as crianças, pois é bem alto, mas é bem legal, pois a sensação de velocidade é bem sentida nesta queda.

Hooroo Run é meio que uma queda livre de um bote de família, a uma boa altura, e com alguns declives durante a descida. É um pouqinho rápido, mas nada que chegue a ser tão radical. Mas as crianças podem se assustar com a queda.

Walhalla Wave fica ao lado desta atração, sendo também uma queda de um bote de família, mas percorrendo caminhos curvilíneos durante a sua descida, no claro e no escuro. Também nada radical. Mas igualmente legal.

Por fim, outra grande surpresa: a área chamada Walkabout Waters, que contém uma série de brinquedos destinados às crianças maiores e seus pais. Uma área em que água é o que não falta. É meio que um Kid Play Aquático, com vários tobobãs, subidas e descidas, além de 2 baldões d'água que enchem até transbordar tudo na cabeça dos outros. Diversão garantida principalmente as crianças.

Gostei bastante do Parque, a ponto de querer nele retonar numa próxima viagem minha. Muito agradável e com diversão na medida certa: nem muito calmo, nem muito radical.

Só que eu achei que, assim como no Wet'n Wild, o chão não possui isolante térmico eficiente, a ponto de você por muitas vezes queimar a sola de seus pés. Achei também que são poucos e caros os locais para comer, mas nada que represente uma facada daquelas. Também senti falta daqueles mapas que ficam afixados em estandartes ao longo dos Parques deste tipo, fazendo com que você advinhe e percorra todo o Parque em busca das atrações.

Achei legal o fato de que temos privacidade e meios para tomarmos banho ao final do dia de Parque, já que eles disponibilizam sabonete líquido, shampooo e condicionador em cada chuveiro, além de duas cortinas (uma para o banho, outra para você se trocar, tudo no mesmo espaço, igual ao Discovery Cove). Agora, toalha tem que ser alugada (leve do hotel), assim como shampooo e etc é meia-boca.

Diria que o Parque correspondeu às minhas expectativas: é bonito, prático e com brinquedos na medida certa. Só acho que é mais um Parque Aquático. Nada de mais, ao contrário do que faz parecer a sua propaganda ("Imagine agora um Parque Aquático do Sea World?"). Vale a visita. Você não irá se arrepender.

Abraços a todos(as).

Rodrigo.

 


 
 
Os trens da Big Thunder Mountain Railroad tem os seguintes nomes: I. M. Brave, U. R. Courageous, I. B. Hearty, U. B. Bold, I. M. Fearless e U. R. Daring.