Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
17/10 - Ainda Epcot - A Missão

 mensagem postada em 26/11/2007 - 04:11:17hs
 
 


Continuando...

Após ir ao Soarin, fomos para o Pavilhão Living The Seas para ver o Nemo, é claro. Brinquedo fofíssimo! Prá criança então, um dos melhores! Pai, põe no seu roteiro aí, porque é obrigatório. Depois vá dar uma volta nos aquários que tem no Pavilhão e ponha seu filho(a) dentro da boca do tubarão para uma foto ótima. Eles adoram! Tinha um que não saiu de dentro do tubarão, então eu tive que tirar a foto dele mesmo. Não sei quem é, mas não tinha jeito: ou a foto era com ele ou com ele!
De lá, nos encaminhamos para o “Honey, I Shrunk the Audience” e vou te falar, de todos os 3D que eu vi, este é o pior. Chato, chato... Acho que é porque eu já não gostava do filme e não gosto do ator principal, então não vi muita graça não. Depois passamos na Coca-cola para tomar um pouquinho dos refrigerantes que tem no mundo. Um dos melhores é o de Israel (acho que é de lá). Vale à pena conhecer. Mas não se empolga, pô! Vai na manha, pega um pouquinho só e se você gostar, encha o copo! Se for na empolgação, vai travar a língua, porque nem todo refri é bom, sacou?
Feitos os principais brinquedos desta parte e já que a Spaceship estava em “refurbishment”, fomo para o World Showcase e como da outra vez, comecei pelo México. Genten, o México é tudo de bom, né! É o mais lindo, o mais legal, parece que você está numa vila mexicana. Além do que é noite lá dentro. O artesanato é muito dez e você fica perdido sem saber o que comprar, já que não é muito caro (a maioria U$ 7,00). Fomos no Gran Fiesta Tour, que tá fofo. Você tem que ir!
“Dispois” chegamos na Noruega. Não tinha boas recordações deste país, porque quando eu fui em 94, eu e meu irmão (na época eu com 17 e ele com 15 anos) fomos impedidos de ir no Maelstron, nos tiraram da fila na hora de entrar no barquinho. Não sei porque até hoje, na época pedi explicação, mas meu Inglês era péssimo, portanto não tive alternativa senão sair de lá. Desta vez, não tinha escapatória, eu ia nesse Maelstron nem que eu enforcasse uma daquelas loirinhas... e fui!
Feito o passeio de barquinho, que é bonitinho, vc vai pra um auditório assistir um filme da Noruega. Se soubesse que era tão chato, teria feito o que o José Carlos falou, na hora de entrar, aproveitar a porta da saída que estava aberta e fugir de lá! Kákákáká!
Agora a lojinha deles, é um espetáculo. Linda e cara. Umas roupas de inverno super pesadas e bem feitas. Dá vontade de trazer, mas vc fica pensando “não faz tanto frio em São Paulo que justifique ter no armário uns casacos daqueles”. Mas se vc é moça “viajadoira” e está sempre na Europa, recomendo! Para não dizer que não gastei nada, comprei um chaveiro de 0,90 (mais feio que aqueles que vc ganha no final de ano na empresa!), um chocolate de 5,00 (papel azul) e uma mini estátua por 14,00. O chocolate é tudo de bom, comprem que não vão se arrepender. Ah, moças, lá tem o tal do perfume Laila (é isso?) que todo mundo gosta, um pouco caro, mas só tem lá.
O próximo é o pavilhão da China e se você tiver sorte vai encontrar uns chineses muito fofos que ficam fazendo acrobacias na entrada do pavilhão. Uma espécie de mini prévia do Cirque du Soleil! Rsrsrs.
China é lindo, vá ver o cinema 360° deles que é bem legal. Depois você vai dar na lojinha que nada mais é do que uma filial da 25 de março! Tem de tudo, porcelanas, roupas, bolsas, sapatos, perfumes, incensos, etc. Faça a festa, porque o precinho é bom! Aproveita pra comprar o presente da sogra e das cunhadas chatas. Você paga baratinho e fala que é da China mesmo, afinal tudo é feito lá! Elas vão ficar contentíssimas e vc vai gastar uns U$ 15,00 com todas elas!
Isso dá raiva. Pensa só, você dá o presente pra pessoa, aí ela faz questão de ver a etiqueta e tudo da Disney é feito na China. Aí o pessoal tira um sarro: Nossa você foi para os States e os presentes são da 25 de março? Vai te catar!
Bom, continuando, vem a Alemanha e aí meu marido resolveu comprar uma cerveja irlandesa no carrinho da Irlanda. Custou a bagatela de U$ 7,00. É possível? Porém a atendente irlandesa era, praticamente, uma modelo, linda de olhos azuis que só faltava cegar. Aí eu entendi porque meu marido queria tanto tomar a bendita da cerveja de U$ 7,00!
Mas na Alemanha, que não tem nada pra fazer, existe uma mini cidade onde passa um trenzinho. Quando nós chegamos, tinha um rapaz (meio moça) que trabalhava lá, quase tendo um chilique: não era para menos, afinal uma lagartixa “suicidou” nos trilhos do trem, o trenzinho de mentira passou por cima dela e esmagou a coitada! Ela ficou grudada nas rodinhas do trem e o rapazote tava com nojo de tirar! Háháháháhá. Veja a situação, numa cidade em miniatura, o trem passa por cima da lagartixa e esmaga ela. Kákákáká! Num achou graça, beleza então. Te pego na saída...
Saindo de lá, vem a Itália. Lindo para tirar fotos, não tem nada pra fazer, apenas comprar e comer alguma coisa e fotos, muitas fotos. Continua....

 


 
 
Na atração Haunted Mansion - mais especificamente no salão de baile - o órgão lá existente trata-se de uma réplica daquele utilizado no filme 20.000 Léguas Submarinas.