Alfândega - Relatos

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 

O objetivo do presente tópico é o de servir de espaço para que possamos postar - relatos - sobre as nossas experiências com a alfândega (exclusivamente). Peço que questionamentos sobre a "cota de isenção" sejam reservados para o seu tópico específico - Alfândega - Cota de Isenção.

leia essas informações
 
Índice  
 
 
Silvia Mesquita

 mensagem postada em 16/06/2011 - 06:06:40hs
 
 

Prezada Silvia,

Roupas, sapatos, cremes, óculos, relógios, enfim, tudo que compramos pode sim entrar na cota dos 500 dólares. Porém, como muitos tem tido aqui neste fórum, isso depende, E QUASE EXCLUSIVAMENTE, da avaliação subjetiva de cada fiscal da receita federal.

Eu sempre passei na fila do bens a declarar justamente para evitar quaisquer problemas. O grande lance é: tem pessoas que, sozinhas, chegam com 3 ou 4 malas grandes e, sabe-se lá como, ainda tentam passar pelo nada a declarar.

Como já postei antes aqui, acredito que vale muito mais a pena ser honesto e sincero, falar dos eletrônicos logo de cara e dizer sim que comprou roupas, sapatos, etc. Com a questão da sinceridade, nunca tive maiores problemas na alfãndega.

Mas é claro que tudo vai depender do fiscal e o seu critério subjetivo de análise.

Grande abraço.

Luciano Abreu

 


 
 
Num único dia aproximadamente 210 pares de óculos são perdidos em Walt Disney World. Estima-se que desde a sua inauguração em 1971 mais de 1.65 milhões de pares de óculos já foram enviados para o departamento de achados e perdidos ("Walt Disney World Lost and Found "). Outros itens que os convidados costumam perder são os seguintes: telefones celulares (+ 6.000/ano), câmeras digitais (+ 3.500/ano), bonés (+ 18.000/ano) e caderninhos de autógrafos (+ 7.500/ano).