Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
6º dia - Islands of Adventure

 mensagem postada em 29/05/2007 - 10:05:50hs
 
 

Seguindo o mesmo caminho que fizemos no dia anterior para Universal Studios, nos dirigimos para o Islands of Adventures. Estacionamos e andando pela Citywalk vimos vários grupos de escolas. Começou um medinho de ter muitas filas. Era por volta de 09:30. Entramos no parque tranquilamente e logo soubemos que várias escolas da Flórida estavam em excursão naquele dia e, consequentemente, muitas delas (para mim pareciam todas) estavam no Islands. Fazer o que?. Fomos direto para a Marvel Super Hero Island enfrentar a Incredible Hulk Coaster. Eu achei demais, muito rápida, com algumas partes até inesperadas. A Tati também gostou, mas achou ela meio bruta, saiu com um pouco de dor de cabeça. De lá, fomos para The amazing adventures of Spiderman. Estava bem cheio (quase 40 minutos de fila) e como não queriamos perder tanto tempo assim, deixamos para ir depois. Corremos para Toon Lagoon e já no caminho começamos a nos preocupar, pois a galera que passava ao lado estava encharcada, dos pés a cabeça. Mesmo assim não desistimos, enfrentamos o Dudley Do-Right´s Ripsaw Falls. Como uma Splash Mountain, com o detalhe de ser um pouco mais radical. A queda se assemelha a um tobogã. Eu gostei bastante. A dica para quem não quer se molhar muito é ir na parte de trás do barquinho. Porém, nada assegura que você não se molhará. Agora se for no primeiro esquece, é banho na certa. Como estávamos um pouco molhados, fomos direto para Popeye & Bluto´s Bilge-Rat Barges. Gente, que negócio insano. Não digo isso por ser um brinquedo muito radical, pois sua concepção segue o mesmo padrão de todas as outras atrações com botes – (Como kali rivers no AK, Congo river no Busch, etc. - Apesar de neste ter algumas quedas um pouco mais divertidas, mas nada que assuste. Pessoas não adeptas ao quesito “radical” não se preocupem, qualquer um encara este, estando disposto a ser molhar, é claro!) – Digo isso pois é impossível sair do bote sem se encharcar, um absurdo o que molha. Não contente em molhar os participantes, os que ainda estão relativamente secos, no final do trajeto temos "apenas" uma cachoeira.......Nota 10. Extremamente divertido, rende boas risadas.

Completamente encharcados, fomos a outra atração em água, O Jurassic Park River adventures. Antes, paramos para várias poses para fotos na entrada da área Jurassic Park. O portão é idêntico ao do filme, inclusive com vários carros iguais aos das filmagens. Rende boas fotos. A atração em si é muito legal, uma queda forte no final, mas não molha não, só um pouquinho. Crianças muito pequenas geralmente se assustam.

Como estávamos completamente molhados, resolvemos almoçar e trocar de roupa (graças as dicas deste site levamos outra muda de roupa na mochila – salvou o dia. Cá entre nós, é muito divertido se molhar e tal, mas passar o dia todo molhado e com frio enche o saco vai?) e fomos almoçar. Comemos no Thunders falls terrace. Espaço legal, comida boa. Um prato (as famosas costeletas com barbecue, batata frita, um pedaço de frango – que parecia um frango inteiro – e ainda um milho cozido) serviu a mim e a Tati com sobras. Indico por ser bom e o preço justo.

Para fazer a digestão, passeamos um pouco mais na parte do Jurassic Park e fomos à infantil Seuss Landing. É uma área muito bonitinha e que a criançada com certeza vai adorar. Para adultos, só uma passadinha é suficiente. Entramos no The cat in the hat. Realmente, muito infantil. Parada para sobremesa. A tati comeu a maior maça do amor do mundo (ou tentou pois o negócio era tão grande que ela só aguentou metade). A danada tinha cobertura de caramelo, em cima do caramelo tinha chocolate e para fechar a fatura, um mundo de MM´s. Aquele treco parecia uma bola de boliche.....
Meia hora depois, terminada a comilança, fomos para The lost continent, uma parte muito legal do parque. Poseidon´s Fury é muito legal e ótimo lugar para fotos, mas o que marca essa área é realmente a Dueling Dragons. Ambas são muito radicais. Particularmente, preferi a do gelo (azul). Não deixe de ir nas duas. São trajetos completamente diferentes. Excelente.

Como tinhamos andado o parque todo, voltamos ao Spiderman. Surpreendentemente sem fila. O Homem-Aranha foi para mim a melhor e mais surpreendente atração de todos os parques de Orlando (fora montanha russa). Não tenho palavras para descrever o quão divertido é esse brinquedo. Não deixe de visitar, nem que tenha de ficar 2 horas na fila. Vale a pena. Andamos 3 vezes seguidas e queríamos a quarta, mas resolvemos ir bater perna em Citywalk.

Passeamos um pouco e voltamos ao hotel para um banho e fomos jantar no Red Lobster. Delicioso. Atendimento excelente e a comida dispensa apresentações. Destaque para o Crabcake de entrada e para as patinhas de caranguejo e lagosta no prato principal. Não deixe de ir. Gastamos quase 50 dolares com taxas e tips. Só de pensar já dá vontade.....De lá fomos dormir. Estávamos exaustos. O cansaço acumulado é o maior inimigo em Orlando.

 


 
 
A atração Space Mountain foi concebida originalmente para a Disneyland durante os anos 60, mas a tecnologia necessária não estava disponível. Inaugurado o parque Magic Kingdom em 1971 os convidados estavam ansiosos por uma atração mais radical, uma montanha-russa e por isso o projeto foi reativado. Do conceito original até a sua criação passaram-se 11 anos.