Notícias - Gripe Suína - AH1N1

 
Tópico Trancado

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Jane - A questão dos boatos em Curitiba

 mensagem postada em 26/08/2009 - 11:08:29hs
 
 

Jane,
Em momento algum o seu desabafo me chateou, muito pelo contrário, lamento muito por você e seus familiares terem tomado a decisão em cima de boatos como aquele das escolas aqui terem instituido quarentena+10 dias de afastamento para alunos que tivessem retornado do exterior. Acredito que este boato teve origem no protocolo de procedimentos do Ministério da Saúde no qual detalha o plano de ação frente a pandemia:http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/influenza_protocolo_versao405062009.pdf lá consta que no caso de confirmação da Gripe A em um passageiro de vôo internacional os passageiros sentados na mesma fileira, fileira laterais e duas fileiras a frente e duas atrás deveram ser contactados para que os mesmos façam o isolamento voluntário domiciliar, mas de maneira voluntária, como o texto especifica.
Mas...como quem conta um conto aumenta um ponto...
A mídia, lógico, faz isto prá ter audiência, agora cabe a nós repassarmos a notícia, aí sim tb doa a quem doer com todos os detalhes, e de preferência analisar antes com o devido dicernimento se a mesma é completa ou apenas manchete sensacionalista, ou, no caso de não ter certeza de nada, ser como a parábola diz, a estação terminal deste tipo de boato, pois coisas deste tipo só causam mais alarde.
Não desistimos de nossa viagem, não por não ter medo de pegar a gripe, ninguem quer pegar doença, muito menos em viagem, mas com esta malha de transportes que hoje liga o globo pegar a gripe aqui ou lá é apenas questão de tempo. E muitos, hoje provavelmente já tiveram contato com o vírus sem saber, estão imunizados e nem sabem.
Como você bem lembrou numa outra mensagem; Curitiba está provavelmente numa situação muito pior que Orlando, dado ao frio e a humidade, ambiente muito mais suceptível do que o verão que hoje lá vigora. Gostaria tb de lembrar que os dados de obito divulgados pelo MS incluem também a região metropolitana e eles representam uma taxa de mortalidade inferior a 0,8% a cada 100 mil habitantes (dados do Ministério da Saúde o qual você pode acessar via internet: http://portal.saude.gov.br/portal/saude/profissional/area.cfm?id_area=1534).
No mais, desejo a vocês tb uma excelente viagem, caso possa de alguma forma contribuir para a mesma, por favor, queira me contatar, deixarei meu e-mail na página de recados.

Abraços

Lília

 


 
 
Num único dia aproximadamente 210 pares de óculos são perdidos em Walt Disney World. Estima-se que desde a sua inauguração em 1971 mais de 1.65 milhões de pares de óculos já foram enviados para o departamento de achados e perdidos ("Walt Disney World Lost and Found "). Outros itens que os convidados costumam perder são os seguintes: telefones celulares (+ 6.000/ano), câmeras digitais (+ 3.500/ano), bonés (+ 18.000/ano) e caderninhos de autógrafos (+ 7.500/ano).