Walt Disney World - MyMagic+

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Rafael: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 09:10:34hs
 
 

Prezado Amigo Rafael,

Respeito sua opinião, mas apenas esclarecendo um ponto:
1) Se não houvesse a fila do Fura-Fila (Fasta Pass+) claro que a outra fila andaria mais rápido, pois a capacidade de admissão de pessoas no brinquedo é limitada e tem que comportar o mesmo numero de pessoas, com a prioridade dos fura-filas./
Imagina vc num banco com fila unica, e todos que tem prioridade vão passando a sua frente: idosos, gestantes, deficientes fisicos, etc.) É claro que sua fila vai andar mais devagar e vc demorará mais tempo para ser atendido !!! É isso que ocorre na fila normal dos parques, de quem não tem fast pass !

Também discordo sobre o acesso universal ao fast pass. Porque ?
Porque vc precisa já ter comprado o ingresso com bastante antecedência para ter o numero do código de barras dele, ter um Smart Phone com câmera e interligado a internet para acessar a sua conta na Disney e LINKAR o ingresso com a conta, para depois poder emitir o tal Fast Pass ....
Ora Rafael, convenhamos... Quantos de nós tem acesso a tudo isso ? Lá ??
Você mesmo comentou aqui, alguns meses atrás, sobre o MICO que pagou por acionar o telefone celular instalado em um carro alugado que é conectado com o serviço de emergência dos EUA !! (adorei aquele Post, desculpe !!!)
Mas nós, tupiniquins latino-americanos não temos o mesmo acesso que os americanos do norte ... e isso acaba privilegiando os habitantes de lá em detrimento dos demais visitantes, incluindo os latinos !!
Por último, quanto a sua colocação: "a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa." Como bom administrador, você sabe da importância da opinião dos clientes sobre o seu negócio ! O número de brasileiros que vão aos EUA em geral disparou 292% desde 2006, chegando a um total de 2,06 milhões de visitantes em 2013, de acordo com o relato do Departamento de Comércio.

Forte abraço e uma excelente viagem para vocês. Quem sabe a gente não se encontra por lá um dia ?
Ayrton.





Amigo,

Me desculpe mas seu raciocínio é completamente sem pé nem cabeça.
Primeiro ponto: Não é preciso comprar a pulseira para ter acesso ao fast pass +, basta apenas você fazer o link entre o ingresso comprado e sua conta na Disney.
Segundo ponto: Todas as pessoas são normais que compram as pulseiras, e as que não compram também são e podem se utilizar do fast pass+.
Terceiro ponto: o fast pass + na verdade é uma forma de você otimizar o funcionamento do parque, ele não visa dar prioridade, ele tenta fazer com que as pessoas fiquem distribuídas de maneira homogenia no parque.
Quarto ponto: A lei de prioridades faz parte do assistencialismo, você não melhora as condições dos serviços básicos como banco, hospitais, órgãos públicos e por conta disso você dá um cala boca nas pessoas. Alguém já viu fila especial para grávida em país sério? Ou para gente com criança de colo? Não! Isso iria da educação de cada um ver se uma pessoa que não tem condições de esperar e deixá-la passar.
Quinto ponto: a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa. Não é algo essencial para a vida de ninguém (pra minha é, mas não fico reclamando de fila, mesmo quando estava com meus 2 filhos bem pequenos)
Sexto ponto: Discordo em gênero e número e grau que caso não existisse o fast pass + as filas seriam menores. Na verdade seria uma confusão porque todos iriam para o mesmo lugar ao mesmo tempo. Imagina como seria o Toy Story, todos iriam ao mesmo tempo, agora você pode dividir as pessoas durante o da e assim todos conseguem ir ao brinquedo.
Precisamos ver as coisas com calma e clareza. O serviço fast pass + faz com que possamos nos planejar e é democrático, todos podem ter acesso. Não acessa quem não quer.
Abs
(mensagem de Rafael Nunes gonçalves Barbosa)

 


 
Res: My Magic e Magic Bands - Reflexão ...

 mensagem postada em 24/10/2014 - 08:10:06hs
 
 

Amigo,

Me desculpe mas seu raciocínio é completamente sem pé nem cabeça.

Primeiro ponto: Não é preciso comprar a pulseira para ter acesso ao fast pass +, basta apenas você fazer o link entre o ingresso comprado e sua conta na Disney.

Segundo ponto: Todas as pessoas são normais que compram as pulseiras, e as que não compram também são e podem se utilizar do fast pass+.

Terceiro ponto: o fast pass + na verdade é uma forma de você otimizar o funcionamento do parque, ele não visa dar prioridade, ele tenta fazer com que as pessoas fiquem distribuídas de maneira homogenia no parque.

Quarto ponto: A lei de prioridades faz parte do assistencialismo, você não melhora as condições dos serviços básicos como banco, hospitais, órgãos públicos e por conta disso você dá um cala boca nas pessoas. Alguém já viu fila especial para grávida em país sério? Ou para gente com criança de colo? Não! Isso iria da educação de cada um ver se uma pessoa que não tem condições de esperar e deixá-la passar.

Quinto ponto: a Disney opera como ela quiser os parques dela, quem não tem condições de enfrentar a fila fica em casa. Não é algo essencial para a vida de ninguém (pra minha é, mas não fico reclamando de fila, mesmo quando estava com meus 2 filhos bem pequenos)

Sexto ponto: Discordo em gênero e número e grau que caso não existisse o fast pass + as filas seriam menores. Na verdade seria uma confusão porque todos iriam para o mesmo lugar ao mesmo tempo. Imagina como seria o Toy Story, todos iriam ao mesmo tempo, agora você pode dividir as pessoas durante o da e assim todos conseguem ir ao brinquedo.

Precisamos ver as coisas com calma e clareza. O serviço fast pass + faz com que possamos nos planejar e é democrático, todos podem ter acesso. Não acessa quem não quer.

Abs

 


 
 
Na atração Haunted Mansion - mais especificamente no salão de baile - o órgão lá existente trata-se de uma réplica daquele utilizado no filme 20.000 Léguas Submarinas.