Compras - versão para os homens!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Res: Res: Res: Res: Res: Res: Marco Antonio

 mensagem postada em 20/03/2014 - 02:03:01hs
 
 

Cara. Valeu pela dica do relógio. Fui hoje e comprei 2. Já o GShock eu peguei pela Amazon.

Agora, pra eu ir embora satisfeito com compras só falta eu encontrar um sapato e um sapatenis. Alguma indicação de loja?


Nossa...to com uma mala grande e outra média lotadas. To usando o extensor, mas basicamente só tem roupas. Será que pega na volta, na alfandega?

Um abraco (mensagem de MARCIOFSANT)



Márcio, vai na fé que vai dar td certo e nem vao te parar....Vc está no padrão de turista no retorno....Vai dar tudo certo!

Quanto a Sapatênis, tem desde U$ 32 na Ralph Lauren aqui perto da Intern Dr, mas tem uma loja muito boa quase em frente a Aeropostale que tem sapatos bons a um preço muito legal Márcio.

Quanto a sapatos sociais, eu compro somente no Brasil isso, acho aqui sapatos bons bem caros....Mas vale olhar nessa loja tbm e ai vc tem um comparativo com o Brasil.

Bom retorno para o Brasil e fico feliz de poder ter ajudado...


Abraços (mensagem de Marco Antonio Correia)


Marco. Acho que não vou comprar sapatos então. É que os democratas que eu uso estão em torno de 240 reais no Brasil.

Qto aos relógios, comprei um Michael Kors (ta...sei que é marca bem batida no Brasil), mas achei bonito. Comprei um Fóssil com maquina visível pra o padrasto da minha esposa. Só o meu relógio era 225 dólares, o outro 139. Paguei 314, já com impostos. Tb comprei um GShock pela Amazon. Só que ele é branco e já imagino as piadinhas qdo chegar rss

Só to com medo pq comprei muita roupa. Acho que gastei mais ou menos 3.5 k dólares. Comprei tudo que eu queria e também tive de pensar na minha esposa, então comprei algumas coisas pra ela. Acho ate um exagero. Provavelmente, quando eu voltar (se Deus quiser), vou apenas repor algumas pecas e ser mais seletivo. Isso me assusta quanto a alfandega, no entanto eu fiquei 11 dias e vim sem roupas, então usei muitas coisas.

Quero agradecer também quanto a dica do carro. Troquei a Gran Cherokee por um Ford Escape e adorei o carro. Parecia ter sido feito pra mim. Dirigi em tudo quanto é lugar, desde kissimmi, até a Disney e Universal, ate no Florida Mall e Mall at Millenia. Pena que em Sampa não vou ter como comprar um carro desses. No maximo um Kia Soul...rss

Gostei muito daqui. Da vontade de morar. Se meu inglês fosse um pouco melhor eu ia tentar viver no Canadá. Outro lugar que esta na minha lista de desejos é Santiago, no Chile. (mensagem de MARCIOFSANT)


Pois é Márcio, a primeira vez que cheguei aqui pensei a mesma coisa, e vim a trabalho e não a passeio.
Se posso ajudar com minha experiência de Orlando, eu diria: Planeje sua vinda. Não sei sua formação, mas com certeza deve ser bom no que faz. Eu planejei e estudei minha vida em definitivo quase 2 anos, afinal vc tem que analisar muita coisa, ver TODOS os prós e contras.
E como sempre digo, quando se está feliz, o resto meu amigo..é resto! Dinheiro é uma consequência de trabalhos bem feitos e feitos com amor.

Não digo a ninguém que é fácil, que é só pegar as malas e mudar. Não é assim! Existe toda uma adaptação e outra, ficar aqui 15/20 dias a passeio e com dinheiro no bolso é bem diferente do que ter que levantar todo dia para trabalhar e ganhar seu dinheiro suado, mas.......vale muito a pena!

Quanto ao inglês meu amigo, isso se aprende...não se preocupe. No início preocupe-se em se comunicar, fazer com que lhe entendam, depois sem muitos problemas vai lapidando seu inglês, melhorando pronúncia, entendimento e etc.

Bom retorno ao Brasil, e sem querer te desestimular, acho legal ter uma quantia na conta corrente separada para uma multa no caso de lhe pararem, mas eu tenho quase certeza que passara bem e sem problemas.

Pense positivo e dará tudo certo!!


Grande abraço e bom retorno a "Dilma's Land"....rss

(mensagem de Marco Antonio Correia)
.


Obrigado Marco . Na verdade minha formação é em Sistemas de informação e trabalho com segurança da informação. Neste caso, acredito que o mercado norte americano não veja com bons olhos absorver esses profissionais vindos da periferia da America.(talvez só os chilenos sejam visto com bons olhos por eles), então acredito que nos EUA a melhor opção deve ser a abertura de alguma empresa ou comércio, caso co trario caímos no trabalho braçal.


(mensagem de MARCIOFSANT)



Márcio,

Não sei então se oque vou lhe dizer é uma surpresa ou não. Eu sou da mesmíssima área que você. SI..Sou CISSP, CISM, CISA, ISO 27001 Lider Auditor, ISO 27002 Expert, e todas essas letrinhas chatas...rs

Aqui tá muito forte essa área. Hoje tenho minha empresa voltada para isso aqui e no Brasil(além de outro negócio) e não foi fácil, mas como vinha sempre a trabalho o networking ficou mais fácil. ;-)

Empresas como a própria Disney, Walmart, entre várias outras gostam muito de projetos de SI realizados por brasileiros, para minha sorte. rs

No entanto a mão de obra é americana. Um grande ponto e serve como dica, se for seu caso, é que de um ano para cá as empresas americanas tem se rendido a ISO 27001, padrão notoriamente Europeu, mas que tem força no mundo e acabou chegando aqui.

Aqui tem muitos padrões locais, da própria NSA, que acabamos tendo que aprender.

Enfim cara...Tem sim grande oportunidades aqui, acho que tem que ter muito mais coragem do que "arrumar" algo propriamente dito.

Depois se desejar, passa seus contatos que quando estiver no Brasil, tomamos um café.

Tem outro cara aqui do fórum que trabalhou comigo em um projeto ai no Brasil em uma grande empresa de telecomunicação. Cara bom! ;-)

Grande abraço e foco cara!


Marco

(mensagem de Marco Antonio Correia)


Marcão. Tudo certo cara. Graças a Deus o fiscal me deu bom dia e um abraço. Também, fiquei um com tempo no freeshop e ate comprei uma nespresso.
Qto a sua situação, vc tem algumas certificações que te trariam um bom emprego até no Canadá se vc quiser. Mas é isso ai. Foco que tudo da certo.
Agora, bora planejar a próxima viagem, já com a companhia da esposa. Sexta vou a Buenos Aires pra ver se tranquilizo ela pra superar esse trauma.

Abração cara. Em breve te mando meu CV rss

 


 
 
Num único dia aproximadamente 210 pares de óculos são perdidos em Walt Disney World. Estima-se que desde a sua inauguração em 1971 mais de 1.65 milhões de pares de óculos já foram enviados para o departamento de achados e perdidos ("Walt Disney World Lost and Found "). Outros itens que os convidados costumam perder são os seguintes: telefones celulares (+ 6.000/ano), câmeras digitais (+ 3.500/ano), bonés (+ 18.000/ano) e caderninhos de autógrafos (+ 7.500/ano).