Voltei - Relato da minha viagem!

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
18/10 - Islands Of Adventure

 mensagem postada em 27/11/2007 - 04:11:04hs
 
 


Well, como não aluguei carro, comprei quatro transfers na agência de viagens, que me buscariam e levariam do hotel para IOA, Universal, SW e BG. Então, neste dia, ficou acertado da van chegar às 08hs no hotel. E não é que deu certo?! Com a “sorte” que nós estávamos fiquei com medo do cara esquecer de buscar a gente, mas 07:50h da matina, o Pedro chegou e fomos para o Island. Combinamos dele nos pegar às 22:30hs naquele dia para aproveitar bem o City Walk depois do parque.
Lá chegando, praticamente tudo às moscas, passamos pela esteirinha que fica gritando a cada um segundo: “watch out”. Tá lembrado?
Olha é muito bonito aqueles lados da Universal, belos jardim, belos hotéis, super demais!
Aí fomos devagarinho, passeando, tirando fotos belíssimas do Hard Rock Café, que é maravilhoso e avistamos a torre do IOA. Ah, e já combinamos que iríamos jantar no Bubba Gump!
O parque abriu às 9hs, nós entramos e fiquei maravilhada! O cenário é belíssimo, muito bem feito, é de abrir a boca. O único problema é que ainda não possui a “magia” que a Disney tem, mas não tem como deixar de visitar. Logo na entrada tem os mapas em português com a bandeira do Brasil para chamar a atenção. Adorei!
Andamos mais um pouco e aí vimos a bichona: Incredible Huck Coaster! Que linda, toda verde, cheia de curvas! Chuchu beleza! Vamos lá, saímos correndo e prontos para entrar a mocinha diz: tem que guardar a mochila (em Inglês, é claro!) nos lockers. Ok, no problems! É fácil viu, parece difícil à primeira vista, mas é fácil. Preste atenção na localização e nas instruções, porque tem vários lockers parecidos e se você se perder, vai ter que ficar tentando abrir em todos.
Não tinha ninguém, fila de cinco minutos e lá vamos nós para a primeira fila do Huck. Gente, muito bom, principalmente o início que parte rápido e já vira, meu, é muito legal. Assim que saímos, entramos de novo e lá vamos nós! Show!
Sem saber muito o que fazer, achamos por bem retirar a mochila do locker e seguimos para o Homem Aranha. Tava bem vazio aquela hora da manhã. É bom chegar cedo, porque você consegue fazer os principais brinquedos sem pegar fila e quando chega o povão, você só vai repetir os que mais gostou.
Eu sei que todo mundo fala que o Homem Aranha é o melhor brinquedo de Orlando, mas deixa eu reclamar um pouquinho? Não gostei tanto assim, acho que falaram tanto que eu fui esperando uma coisa do outro mundo e aí vi que não é bem assim. É muito bom, mas na minha opinião, tem brinquedo melhor (não me batam, não me batam!).
Saindo de lá, foto com a estátua do homem aranha na lojinha (aí o maridão gostou, comprou até uma camiseta!) e vimos o Doctor´s Doom, o elevador, tava marcando cinco minutos, levou quinze, mas tudo bem. A surpresa (devo contar?) não está na descida, então “prestenção” meu filho, senão vai ter torcicolo!
Feito esta parte do parque, resolvemos ir para a próxima, dos cartoons. Aí a -- palavra censurada -- aqui viu a Ripsaw Falls e tava marcando cinco minutos. Legal, entrei correndo, não tinha uma alma na fila, aí comecei a ver o pessoal que estava saindo do brinquedo: literalmente ensopados! O problema é que eu detesto ficar molhada, não sei, não gosto que a roupa fique grudando em mim. Por causa disso, o maridão se empolgou e quis, porque quis ir. Até tirou a meia e guardou lá no s... (é lá mesmo!) para não molhar. Fazer o quê, quem tá na chuva é para se molhar, então lá fomos nós.
O brinquedo é legal, mas não molha muito, na realidade ENSOPA! A minha calcinha ficou ensopada (desculpe, mas é verdade). Se você estiver com os passaportes originais na mochila, como eu, coloque-os dentro de um saquinho plástico (como eu) para não molhar, porque além de tudo que o brinquedo já molha, o povinho sem coragem, fica colocando moedinhas numas pistolas e jogam água em você de fora do brinquedo. É mania isso lá. Pra mim é igual chutar cachorro morto, mas fazer o quê?
Bom depois dessa, querer ir no Popey (tipo Kali River Rapids) pode esquecer! Não fui nem a pau e fingi que não existia este brinquedo e meu marido nem perguntou, afinal ele tava indo pela primeira vez (neste parque eu também), eu tinha o poder do MAPA, então ele fazia o que eu queria! Hehehehe
De lá fomos para o Jurassic Park. Super legal, a criançada vai adorar, porque os cenários são incríveis. Vi o Pteranossauro (sei lá se é isso), mas é aquele que você vai sentado no Pterano.... e voa. Tempo de fila: 60 minutos e assim ficou até o parque fechar. Desisti e não fui. Vá te catar, uma hora de espera por esse brinquedo que não faz nada? Deixa pra próxima. Em compensação no River Adventure fomos quatro vezes. Olha esse brinquedo é muito bom, porque toda a ambientação é legal e a descida então, SUPRA SUMO e o melhor, não molha tanto. Então vá, vá mesmo!
Nossa! Tô cansada, posso parar um pouco? Depois continuo...

 


 
 
A ilumininação do interior do pavilhão do México é propositalmente baixa para simular o anoitecer. Pois, segundo a cultura mexicana, é neste período do dia, que amigos e familiares se reunem na plaza para se divertirem.