Bagagem - Remédios

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Gabriela - remedios na bagagem

 mensagem postada em 12/01/2012 - 10:01:27hs
 
 


Engraçadinho o...
Gabriela, os mais experientes do VPO podem informar melhor, mas vou passar algumas experiencias minhas, acho que não se enquadra a vc, pela pequena quantidade:
-Em uma viagem para orlando em 2006, eu, minha esposa, meu irmão e minha cunhada, tinhamos vários remedios. Minha cunhada principalmente, alergias e coisas assim (lembre-se que comprar remédio prescrito não é fácil, só após consulta com médico americano), no aeroporto fomos a ANVISA, munidos das receitas, eles verificaram, fizeram uma relação, e sugeriram para separar o que não era uso imediato (durante o voo) e colocar em uma caixa, que eles lacraram com o lacre oficial da ANVISA. Ficamos bem tranquilos dai.
-Em 2010, fomos na ANVISA novamente por causa da insulina de minha esposa e das agulhas. Já não era aquele exagero de remédios. rsrsrs. A fiscal da ANVISA olhou e liberou, falou que se houvesse problema no embarque era para pedir para chamar a anvisa. No raio X do embarque aqui no brasil acharam ruim levar a medicação a bordo, tivemos que explicar um pouco sobre diabetes para eles e falar para chamar a anvisa, os atendentes se olharam e liberaram, nos EUA foi tudo sempre mais tranquilo.

Acho que se tiver muito medicamento vale a pena passar na ANVISA com as receitas, todo aeroporto tem uma unidade da ANVISA

 


 
 
O Marrocos foi o primeiro país a reconhecer os Estados Unidos como país independente. No seu pavilhão no Epcot, mais especificamente no restaurante Marrakesh você encontra numa parede (área de espera) uma réplica de uma carta trocada entre o sultão Mohammed III e o presidente George Washington.