Contato - Colunistas do VPO

 
Tópico Aberto

 
 
ORDENAR MENSAGENS: da mais antiga para a mais recente
 
Índice  
 
 
Oi Raquel!

 mensagem postada em 15/01/2010 - 08:01:35hs
 
 

O que a gente puder fazer para voce dormir bem, conte com a gente!Nada de ficar com insônia pré-viagem, hein?

O meu marido (Vivian) às vezes leva essa mala dura, com segredo. Já abriram para ver uma bateria de um barbeador que ele comprou. Quando eles (a segurança do aeroporto americano) abrem, eles colocam um papel dentro informando que abriram a mala para verificações. Mas vou checar com ele se ele mandou a mala destrancada ou não.

Se voce não precisar, não leve comida, pois quando a gente passa pela Alfândega (logo depois de fazer a Imigração), o oficial costuma perguntar se agente está levando comida. Se estiver eles podem querer abrir para ver. Para evitar isso, melhor não levar nada, não acha? Tem tanta coisa gostosa por lá...
Quanto à escultura de madeira, não vemos problemas em embalar e levar na mala, e no meio das roupas estará segura.

Se a câmara digital for feita aqui no Brasil, não precisa declarar. Caso contrário não custa nada declarar. Alguém aqui no forum falou que dependendo dos megapixels que a máquina tem, não precisa declarar, não sabemos dizer agora qual é esse número. Mas nos parece que eles não ligam muito para isso, e sim para notebooks.

Formulários: nome de família é o sobrenome, nome próprio é o seu nome (Raquel). Como voces são namorados, voces devem preencher um azul para cada um, e o I-94 também um para cada um.

Quanto ao endereço, coloque onde passará a primeira noite nos EUA.
Quanto aos alimentos, acreditamos que o campo se refere àqueles proibidos, como alimentos frescos frutas, queijos, essas coisas. Mas, como dissemos acima, se não precisa levar, não leve.
O campo 15 a gente entende que se refere a mercadorias que serão comercializadas nos EUA.Como é apenas um presente, nos parece que não precisa declarar.


Chegando em Miami (seu vôo deve ser SP/Miami, certo?), voce certamente irá seguir um caminho (que todos do avião também estarão seguindo) direto para a Imigração (ou Customs). Não tem como errar, é só seguir o fluxo.

Voce já deve receber os dois cartões de embarque aqui no aeroporto de SP, o de Miami e o de Orlando.
Após passar pela Imigração, voce pegará suas malas na esteira, facilmente localizável, porque é perto, e passará pela alfândega, que é ali do lado e obrigatoriamente voce deverá seguir este caminho. É tudo pertinho e visível, não se preocupe.
A Alfândega não é uma sala ou um ambiente fechado, mas sim um balcão com um ou dois oficiais que estão lá recebendo os formulários azuis. Se eles pedirem para ver suas malas, eles te indicarão o local para isso, que é por ali mesmo. Se voce passar sem a necessidade de checarem as malas, voce apenas entregará o formulário e seguirá adiante. Verá logo ali perto também, o local de entregar as malas para Orlando. Apenas as entregue ao funcionário e nada mais. Não espere nenhum tipo de papel ou ticket dele, só entregue as malas (pois já foram devidamente identificadas no aeroporto daqui de SP).

Passou pela Alfândega, entregou as malas, voce vai ver o lugar onde as pessoas estão passando pelo detector de metais e as malas de mão pelo Raio-x. Se não tiver saquinho ziploc, coloque a mala de mão na esteira, e não se esqueça de tirar os sapatos e quaisquer metais que estiver usando (bijus, relógios, etc.coloque tudo na bandeja).

Raquel, tudo é muito intuitivo, a gente é levada a percorrer este caminho desde a Imigração até a Segurança, não se preocupe que voce não vai errar. Além disso há muuuitos oficiais por ali organizando.

Passou pela Segurança, está livre para ir para o seu portão de embarque. Vai ter várias telas por todos os caminhos informando a situação dos vôos. Cheque se o seu vôo está no portão de embarque informado no seu ticket, ou se mudou. É só para garantir, pois às vezes é alterado, e a gente tem que ficar correndo de um portão para outro.

Chegando no aeroporto de Orlando, voce vai pegar suas malas. Temos a impressão que os táxis ficam no mesmo piso do das locadoras, seria o Level 1. Mas não temos certeza. Mas isso é fácil de descobrir por lá, pois perto das esteiras sempre tem os carregadores de mala, é só perguntar. Ou certamente alguém aqui do fórum deve ter essa informação mais segura.

De táxi, com malas, não é muito legal parar em algum restaurante antes de ir para o hotel. O melhor é ou tentar comer no aeroporto mesmo, ou ver se o hotel tem serviço de quarto, aí voces podem pedir uns sandubas. Também é muito comum, haver papéizinhos de propaganda de pizzas delivery que eles colocam por baixo da porta dos quartos. Caso contrário, peça na recepção o telefone de alguma pizzaria.
É possível que tenha pertinho deste hotel alguns restaurantes, dá uma checada no site. Ou alguém aqui do fórum que já ficou lá poderá informar.(Vamos ficar devendo essa )

No vôo para Miami, voces passarão pela segurança sim, antes de embarcar. Ah! Um detalhe, depois dessa última tentativa de terrorismo, soubemos que mesmo após passar pela segurança, eles dão mais uma checada nas pessoas e na mala de mão, logo antes de entrar no avião.
Chegou em Miami, pega as malas e rua!

Na volta, voces vão receber um formulário no avião para preencher (é o da nossa alfândega). Voces estão juntos, aí se um for declarar, ou o outro pode acompanhá-lo até a inspeção, ou então passam separados, cada um com suas malas. Depende de voces.

Quanto ao seu dinheiro e seus documentos jamais os coloque na mala. Never. Leve com voce, ou em porta-dólares (aqueles que vão por baixo da roupa) ou na bolsa. Mas sempre com você.

Quanto ao passaporte, de fato tem gente que prefere levar a cópia e deixar o original no cofre. Tem gente que prefere levar o original na bolsa, e deixar uma cópia no cofre, para o caso de uma perda.
Eu (Vivian) levo os dois passaportes meu e do meu marido comigo direto. Mas quem tem família grande, tem que levar cópia mesmo, pois levar um monte de passaportes na bolsa é complicado.

Olha, quanto aos cartões de crédito vou relatar a minha experiência: os meus tem chip, e em quase todas as ocasiões que os usei nas lojas, só precisei desliza-los na máquina própria, e assinar na telinha com a canetinha. Nada de senhas. Meu marido idem.
Em algumas outras ocasiões, entregava o cartão para a caixa da loja deslizá-lo na própria tela do computador dela, aí sim saia um recibo em papel que tinha que assinar.
Talvez outras pessoas tiveram que digitar suas senhas.

Raquel, ajudamos naquilo que sabíamos, algumas outras coisas os amigos do forum certamente darão uma mão.

Pergunte tudo o que necessitar saber, pois muito provavelmente voce achará suas respostas aqui no forum, dada a quantidade de gente disposta a ajudar, inclusive nós, viu?
Um beijo!
*Vivian* e *Cris*

 


 
 
O Storybook Circus se estabeleceu no Carolwood Park - Este nome faz referência ao trem a vapor que estava no quintal de Walt Disney.