Disney ? A minha primeira visita

 
Julho 7, 2009 @ 12:00 am
  por Antonio Crescenti
 
 
 

Tudo começou em 24 de dezembro de 1993.

Um dia antes, minha filha Celinha, nos pediu para preparar as malas, pois iríamos passar o Natal numa cidade vizinha, mas não quis dizer o nome da dita cidade.

No dia 24 saímos de Deerfield Beach, às quatro horas da madrugada, pegamos a I-95 Norte e logo em seguida a Turnpike, a temperatura estava muito agradável para viajar, e assim lá fomos nós, minha filha, esposa e eu sentado meio apertadinho no banco traseiro, pois ela fazia questão de levar-nos em seu novo carro, esporte ideal para duas pessoas, mas como era uma viagem curta dava para se acomodar até que bem.

Depois de três horas de viagem, já não tinha mais como esconder o nosso destino, pois as placas de sinalização deixavam ver claramente que o Mickey andava rondando por aquelas bandas, foi quando descobrimos que iríamos pela primeira vez visitar o Magic Kingdom, desse momento em diante o coração passou a bater cada vez mais forte e quando vi a entrada da Disneyworld, já nem conseguia enxergar, de tantas lágrimas que caiam. Agora eu tinha certeza que estava prestes a realizar um dos maiores sonhos da minha vida.

Pagamos o pedágio que naquela época ainda era U$ 5.00 e fomos seguindo aquela enorme fila de carros até o estacionamento, aí aconteceu a primeira surpresa que não foi muito agradável, pois ao sair do carro, voltamos quase que automaticamente para dentro, já que a temperatura estava baixíssima, além do vento que piorava ainda mais. Tivemos que vestir todos os agasalhos disponíveis e ainda comprar luvas, mas a expectativa era tão grande que não foi difícil superar aquele primeiro obstáculo. O segundo foi enfrentar aquele trenzinho que nos leva do estacionamento até a entrada do parque, pois estava muito frio.

Ao passar pela entrada do Magic Kingdom, eu já estava quase perdendo o controle e acabei de perdê-lo totalmente quando me deparei com a primeira atração que nada mais era que a parada de Natal com direito a transmissão de televisão e tudo mais. Até hoje não sei como consegui filmar, apenas mantinha a filmadora direcionada para os personagens que desfilavam a minha frente, pois os olhos continuavam deixando cair àquelas lágrimas e por mais que tentasse não conseguia controlar.

Terminada a parada de Natal, iniciamos a nossa visita ao parque e mesmo não conseguindo ver todas as atrações foi uma das melhores visitas que já fiz ao Magic Kingdom, tínhamos que tomar chocolate quente durante todo o dia para aquecer um pouco, pois o frio continuava bravo.

A noite, ainda mais fria, sentamos na calçada para assistir ao espetáculo SpectroMagic, e finalmente os fogos de artifício junto ao Castelo da Cinderela, que na época chama-se Fantasy in the Sky (atualmente substituído por ?Wishes?), mas sem dúvida alguma foi um dos espetáculos mais lindos que tive a oportunidade de ver em minha vida, daí percebi que estava na hora de sairmos já que o parque deveria fechar, mas a minha vontade era de continuar ali namorando aquele Castelo todo iluminado. Creio que fomos uns dos últimos visitante a sair daquele maravilhoso parque.

No dia seguinte foi à vez do Epcot que ainda se chamava Epcot Center, chegamos bem cedinho, para aproveitar ao máximo, também não conseguimos ver todas as atrações, devido à grande quantidade de pessoas, mas procuramos ver as melhores como fizemos no dia anterior no Magic Kingdom, foi mais um dia com frio intenso, mas principalmente com muita emoção, e acabou se tornando meu o parque favorito, mesmo após ter tido a oportunidade de visitar os demais parques, tanto da Disney, como da Universal.

Mesmo com as longas filas, fomos aos poucos conseguindo ver uma a uma, e a cada nova atração ficávamos ainda mais encantados, até que chegou a noite e aquele momento fantástico de assistir o IllumiNations, e para variar as lágrimas continuavam caindo de tanta emoção. Novamente chegou o momento da despedida e como era dia de Natal, os ?cast members? fizeram uma longa fila próximo à saída do parque, e a cada abraço ficava para trás a lembrança de dois dias que serão inesquecíveis.

A distância da minha cidade até Orlando não é muito grande, e isso nos permitiu voltar muitas vezes aos parques, acompanhando o surgimento de novas atrações e novidades, e em todas essas oportunidades senti uma grande emoção, porém nenhuma comparada à primeira visita.

Espero ter conseguido transmitir aos amigos e usuários do VPO um pouco da minha maravilhosa e inesquecível experiência, de entrar pela primeira vez no Magic Kingdom e no Epcot, desejando a todos que estão indo também pela primeira vez que possam sentir a mesma emoção.

 

Comentários

Voltar