Dezembro 17, 2010 @ 12:00 am
 

Dicas para Mickeyros Portadores de "Orelhinhas Especiais" - Parte 1

 
 

 

 

Alô Mickeyros do Brasil e do além mar!!!

 

Hoje a conversa é com você. É você mesmo... não adianta fazer essa cara de paisagem, olhar para trás...

 

Que história é essa de você achar que não pode ir para Orlando?

 

Afff... já estamos ouvindo você dizer... “é que eu não escuto bem”, ou... “meu filho não enxerga”, ou... “minha prima não se separa do seu cão guia”, ou... “minha irmã não tem os movimentos das pernas”, ou.. “meu marido faz um tratamento permanente com medicações controladas”, ou... “minha sobrinha é autista”, ou... “tenho restrição alimentar”, ou... “minha mãe quebrou o pé”, e sei lá mais o que.

 

Para com isso! Agora! (Nossa ficamos bravas...)

 

Nada disso é motivo para você não ir para Orlando!

 

E quer saber? Esse seu comportamento de tentar inibir o crescimento de orelhas virtuais de Mickey na sua cabeça só vai lhe fazer mal! Podem virar orelhas de morcego, sabia?

 

O Ministério da Mais Magia adverte: ficar tentando esconder que você é um Mickeyro nato é prejudicial à sua saúde. Você pode virar um morcegão.

 

É isso que você quer? Ficar morcegando pendurado de ponta cabeça, enquanto todo mundo se manda para se divertir em Orlando?

 

Pára tudo!

 

Estamos autoritárias hoje, hein Cris? Melhor a gente se acalmar...
Tó Vi, um copinho de água com açúcar...
Água com açúcar? Não tem um chocolatinho?
Tinha...já comi...
Mas tinham tantos! Você comeu todos??
Só tinha 32 Vi...
“Só 32”?? Cris, você parece uma draga desgovernada! Kkkk!!!

 

Mas voltando ao que interessa...

 

Se há um lugar neste mundo perfeitamente preparado para receber e acomodar as pessoas nas suas mais diversas limitações sejam elas permanentes ou temporárias, esse lugar é Orlando, e mais especialmente a nossa querida Disney World!

 

Vi, minha cunhada tá louquinha pra levar minha sobrinha “Pituca” para conhecer a Disney, mas...
Ué? E ela ainda não levou por que Cris?
Sabe, Vi... A “Pituca“ é uma menina super esperta, sensível, divertida...
E... Qual o problema? Os pais dela não querem ir?
É claro que eles querem ir Vi. Você não tá entendendo. A Pituca é uma menina muuuito especial, ela tem qualidades únicas. Você não imagina que memória incrível ela tem, e as “orelhas”então? Parecem radares supersônicos, escutam muito mais do que as minhas, mas...
Mas o que, Cris? O que tá pegando? Fala logo.
É que eles têm receio dela não aproveitar a viagem...
Helloooo, Cris!!! Agora eles enlouqueceram de vez mesmo... fala prá eles que todo mundo se diverte na Disney! Por que só ela não ia gostar?
É que a “Pituca” não enxerga Vi. Quer dizer, na verdade ela enxerga muito melhor do que muita gente por aí, mas de uma maneira muito especial, ela enxerga com os olhos do coração. Eles ficam se perguntando “Será que os parques têm estrutura prá ela poder aproveitar?”
Não acredito Cris, fala pra eles pararem com essa conversinha!! A Disney é feita para todos os Mickeyros do mundo, de todas as raças, cores, religiões e é claro, com todas as suas diferenças e limitações físicas, afinal ninguém é igual a ninguém nesse mundo.
Você tem razão Vi, eles tão marcando bobeira.
Além disso, Cris, a “Pituca” tem o principal, que é a emoção à flor da pele e muita alegria de viver. Na Disney só não se diverte quem não tem fantasia no coração.
Agora animei Vi! Vou intimar minha cunhada agora!!!

 

A Disney tem uma característica muito especial, ela aguça todos os sentidos e provoca as mais diversas e inesquecíveis sensações.

 

Ela te pega de todos os jeitos: pelos olhos, pelos sons, pelos aromas, pelo gosto, pela pele, mas acima de tudo te pega pela emoção. E tudo intensamente. Não há como escapar disso. E quem é que vai querer?

 

Neste artigo, vamos começar contando para os Mickeyros o que o nosso amado Mickey criou para facilitar a viagem dos deficientes visuais e auditivos.


Cris quer parar de ficar brincando com o aparelhinho. Vai acabar quebrando!
Não Vi, eu só tava tentando ligar o joguinho!
Joguinho Cris? Isso não é um Nintendo! Este é o novíssimo “Disney's Handheld Device”. Um aparelho fantástico que vai facilitar muito a viagem da Pituca.
Ôps...

 

Desde 27 de junho deste ano, a Disney começou a oferecer aos deficientes visuais e auditivos um aparelho incrível, com uma tecnologia totalmente inovadora e única, chamado “Disney's Handheld Device”.

 

Ele é leve, pouco maior que um celular, e vem com um fone de ouvido, além de ser muito fácil de manipular.

 

Este aparelhinho mágico vai tornar o seu passeio ou de seu ente querido muito mais interativo e agradável.

 

Ele pode ser usado tanto por deficientes visuais quanto por deficientes auditivos.

 

Para você ter acesso a este aparelho é só se dirigir até o Guest Relations, que fica próximo a entrada de cada parque e solicitar o seu “Disney's Handheld Device”, ele é gratuito. Você terá apenas que deixar um depósito, reembolsável de U$100,00. Mas lembre-se para receber o seu dinheiro de volta o aparelho tem que ser devolvido no mesmo dia.

 

Mas o que ele realmente faz?

 

Se você é um Mickeyro com umas orelhinhas não tão potentes, este aparelhinho vai servir como um amplificador de som nas atrações. Agora se suas orelhas forem muito fraquinhas mesmo, não fique triste, você vai poder aproveitar o parque da mesma forma, pois o “Disney's Handheld Device” pode disponibilizar legendas na tela de muitas das atrações e também shows que tem diálogos.

 

Ele também aciona a closed caption (legenda oculta) nas TVs que existem nas áreas de pré-shows de certas atrações.

 

Legal, hein?

 

Fora isso, alguns shows também contam com o serviço de intérpretes que fazem a linguagem dos sinais, porém como isso só acontece em dias e horários determinados, sempre é bom confirmar no Guest Relations quando vai acontecer uma apresentação deste tipo.

 

Normalmente a interpretação pela linguagem dos sinais acontece de forma rotativa nos parques, aos sábados no Animal Kingdom, aos domingos e quartas no Hollywood Studios, as terças e sextas no Epcot e as segundas e quintas no Magic Kingdom.

 

É legal confirmar e agendar a visita com pelo menos uma semana de antecedência através do telefone Walt Disney World Resort International (407) 824-4321 (voz) ou (407) 827-5141 (adaptado para deficientes auditivos - TTY).

Este serviço também é oferecido em outros eventos fora dos parques, como no "Hoop-Dee-Doo Revue", um show que acontece no camping Fort Wilderness, no "Pirates and Pals Fireworks Voyage", um passeio temático de barco pilotado pelo Capitão Gancho, com direito a assistir ao Wishes do lago, e no "Disney's Spirit of Aloha" um show que acontece no hotel Polynesian Resort. Reservas devem ser feitas com no mínimo 14 dias de antecedência.

Nos parques você também vai encontrar cast members que sabem falar a linguagem dos sinais.  E como é que você vai descobrir qual cast member sabe se comunicar assim? É muito simples, é só olhar no crachá deles que você vai ver esta informação.

 

Tanto os resorts como os parques dispõem de telefones públicos com som amplificado e de texto. É só consultar o respectivo mapinha para saber a localização dos aparelhos.

 

Os hotéis também têm quartos adaptados apropriados para esses Mickeyros com necessidades especiais.

 

Além disso, se você precisar de um grupo maior para te ajudar, a Disney oferece quartos para 5 hóspedes ou mais.

 

Vi, e a “Pituca”? A gente só falou dos deficientes auditivos. Precisamos falar que esse aparelho vai servir para ela também! A gente tem que convencer a minha cunhada de leva-la pra Disney, esqueceu?
É mesmo Cris! Acho que o Mickey usou de pura magia para ler os sonhos desses Mickeyros tão amados.
É Vi, e pelo visto ele caprichou!
Aliás, Cris, a Disney contou com a ajuda de vários Mickeyros com ”orelhinhas especiais” para desenvolver essa nova tecnologia.
A Disney é fantástica mesmo, hein Vi...

 

O “Disney's Handheld Device” também atende o Mickeyro com deficiência visual, pois auxilia a pessoa a se localizar e a entender tudinho que se passa nos parques da Disney.

 

Ele funciona assim: existem sensores escondidos espalhados por todo o parque, assim que esses sensores captam o sinal do seu “Disney's Handheld Device”, ele vai vibrar e contar exatamente onde você está, se tem algum banheiro ou restaurante nas redondezas e perto de qual atração você se encontra.

 

Se você esquecer e/ou quiser ouvir novamente a sua localização é só apertar um botão e o seu “Disney's Handheld Device” vai repetir a última informação de novo.

 

Este pequeno aparelhinho mágico que cabe na palma da sua mão também tem outros mistérios escondidos. São seis opções:

  1. uma descrição ainda mais detalhada da área em que você se encontra;
  2. quais atrações estão por perto;
  3. localização dos banheiros próximos;
  4. restaurantes da redondeza;
  5. entretenimento; e
  6. lojas.

É claro que não podia faltar uma lojinha, afinal ninguém é de ferro!

 

E o melhor de tudo, assim que você entrar na atração escolhida, automaticamente o seu “Disney's Handheld Device” começa a fazer uma descrição sincronizada daquela aventura. Você não tem que apertar nenhum botão, é mágica pura!!

 

Os sons da atração foram mantidos, e a descrição acontece simultaneamente e em tempo real da aventura.

 

Esse Ratinho pensa em tudo, não é Mickeyros? Este “Disney's Handheld Device” é a verdadeira “Key to The World” (Chave para o Mundo) para os Mickeyros com orelhinhas especiais.

 

Mas não para por aí, no Guest Relation são disponibilizados mapas em braile, ou se preferir, pode utilizar algum dos grandes mapas fixos também em braile, que ficam perto do Guest Relations nos quatro parques da Disney e em Downtown Disney.

 

Também vai poder pegar um guia em braile, que descreve todo o parque. Para ter acesso a este guia é necessário fazer um depósito reembolsável de U$25,00. E lembre-se para receber os seus U$25,00 de volta o guia tem que ser devolvido no mesmo dia.

 

Você também pode optar, pelos mesmos U$25,00 reembolsáveis, pelo Áudio Guia, nele você vai ouvir um resumo geral sobre o parque e o que ele oferece. Também vai receber uma orientação sobre a rota que deve percorrer para visitar cada parque, incluindo a distância entre as atrações.

 

Se por acaso você tiver um cão guia, não precisa ficar triste pensando que vai se separar do seu amigo, pois ele será muito bem vindo em todo o Complexo Disney, tanto nos parques como nos hotéis. Aliás, os únicos animais que tem permissão para entrar nos parques são os cães guias, pois estão trabalhando. Eles têm até uma área de descanso especial nos parques.

 

Já pensou na farra que será você e ele juntos na Disney? Inclusive há atrações que eles podem entrar!

 

Se você ou alguém do seu grupo tiver qualquer limitação visual ou auditiva, passe no Guest Relation e pegue um mapa chamado Guide for Guests With Disabilities, nele você vai encontrar um monte de informações preciosas e necessárias para que sua estadia seja confortável e muuuuuito feliz!

 

Tudo isso faz com que a Disney seja cada vez mais especial, não é? Eles realmente fazem de tudo para que a mágica esteja presente em todos os corações do planeta!

 

Quer saber mais detalhes? É só clicar neste link que você vai saber todos os serviços oferecidos pela Disney e também vai poder imprimir os mapas de todos os parques com antecedência.

 

Também a Universal, o Seaworld e o Busch Gardens possuem estrutura capaz de tornar encantadora a experiência dos Mickeyros com Orelhinhas Especiais, que poderão usufruir ao máximo de suas atrações e instalações.

 

Neste link, você pode fazer o download do guia da Universal que te dará todas as informações que necessita.

 

Aqui, você faz o download do guia do Seaworld.

 

E aqui o do Busch Gardens.

 

Enfim, o que é importante você saber, é que os parques dispõem de recursos importantes para as pessoas que necessitam de algum tipo de assistência específica.

 

Assim, não se preocupe em ficar guardando o nome deste ou daquele dispositivo, basta se dirigir ao Guest Relations (ou Guest Services) do parque e conversar com um dos funcionários, e ele irá lhe orientar naquilo que for preciso, inclusive indicar quais os equipamentos disponíveis para a sua necessidade.

 

É isso pessoal! Estão esperando o que para começar a planejar sua viagem?

 

Êpa!! O que é isso na sua cabeça? Não acredito!
Finalmente estão surgindo orelhas de Mickey em você!
Mais um Mickeyro nasceu nesse mundo!
Aleluiaaa!!!!
Escapou de virar um morcegão, hein....

 

Péra aí Vi!!
Que foi Cris?
E os Mickeyros que têm ou estão com dificuldade de se locomover? Não vamos dar nem uma diquinha pra eles?
É claro que vamos, Cris. E muuuuitas dicas, mas isso é um outro capítulo, que vai ficar para um próximo artigo.
Até lá Mickeyros!!!!

Comentários (Facebook)

Voltar