Dezembro 12, 2014 @ 12:00 am
 

Os DOS & DON´TS de um Guia de Orlando

 
 

Se você já atua como guia de Orlando, sabe que é comum que cada empresa determine as condutas para sua equipe, e nesse aspecto as diferenças podem ser gritantes. Mesmo assim, há uma lista de atitudes que, ao meu ver, deveriam ser padrão para todo e qualquer profissional que atue como guia no mundo mágico. Vamos dar uma olhadinha?

  • Esteja sempre uniformizado, ou pelo menos com sua identificação de guia, pode ser que você precise correr para resolver situações inesperadas, e acredite, isso pode acontecer a qualquer hora do dia ou da noite.
  • Sempre que entrar no avião, apresente-se aos comissários de bordo e coloque-se à disposição para ajudá-los no que precisarem, isso demonstra o quanto você é gentil e educado e com certeza faz com que eles se sintam à vontade para retribuir.
  • Jamais encaminhe o grupo para o ônibus sem saber se o transporte está realmente esperando por vocês ? certifique-se de que está tudo pronto antes de conduzir os passageiros, especialmente em dias de chuva, sol muito forte e temperaturas muito frias.
  • Ao chegar a qualquer parque, shopping ou outro local, estabeleça um ponto de encontro e instrua a todos sobre o que fazer caso alguém esteja perdido. Ter um número de telefone para o qual todos possam ligar, de preferência em chamadas a cobrar ou com baixo custo, é essencial. Não conte apenas com aplicativos de comunicação e mídias sociais, pois pode ser que as redes wi-fi simplesmente não estejam disponíveis.
  • Não se esqueça de fazer a contagem sempre que deslocar o grupo de um local para outro. CONTAR, CONTAR e CONTAR, sempre!
  • Em restaurantes, acomode seus passageiros e ajude-os com os pedidos para só então fazer sua refeição. Por mais que você tenha pressa e precise estar pronto para executar a próxima atividade, é muito desagradável quando seu prato chega primeiro. Da mesma forma, benefícios exclusivos aos guias realizados diante de passageiros podem acabar causando constrangimentos.
  • Nos shoppings, jamais deixe de atender aos passageiros para fazer suas próprias compras ? a viagem foi feita para eles, você esta ali a trabalho. E se comprar for realmente essencial, faça uso das empresas que recebem pacotes pela internet: você compra em casa, com tempo de sobra para escolher o que quiser, e suas compras são entregues em seu hotel, sem que você precise se preocupar com sacolas ao longo do dia de trabalho.
  • Especialmente no verão, não se esqueça das paradas estratégicas para água, banheiro e descanso, o grupo precisa de alguns intervalos para renovar as energias, e você também!
  • NUNCA corte filas ou tente beneficiar a seus passageiros criando situações desagradáveis para outros visitantes, tamanha falta de educação e desrespeito não combinam com você e mancham a reputação da empresa que o contratou. Seja o bom exemplo, sempre.
  • O sol brilha para todos, inclusive para as empresas concorrentes. Evite competir com outras operadoras ou mesmo com outros grupos dentro de sua própria empresa, estamos todos no mesmo barco: somos todos visitantes e queremos nos divertir igualmente.
  • Nunca, jamais, sob hipótese alguma extrapole os limites de relacionamento entre você e seus passageiros. Durante a viagem, você é o segundo pai e segunda mãe de cada um deles e é totalmente inadmissível que qualquer outro vínculo além de amizade seja feito.
  • Jamais seja conivente com preconceitos, atos desrespeitosos ou outros comportamentos inadequados, oriente e se preciso for, aplique as correções necessárias. Preconceito não está com nada, nem aqui e nem lá fora.
  • Por mais inofensivo que um pequeno copo de cerveja lhe pareça, não consuma bebidas alcoólicas durante a viagem, em nenhum momento. Imagine-se do outro lado e pergunte-se: eu gostaria que meu filho estivesse sob os cuidados de um guia que consome álcool enquanto trabalha? As viagens são relativamente curtas... aquele chope gelado vai estar ainda mais saboroso quando você voltar.
  • Seja pontual. O seu atraso é uma falta de respeito com quem chega na hora, assim como uma ?licença para atrasar novamente? dada de presente aos que não respeitam horários.
  • Por fim, Mickey Mouse é único e usa pixie-dust para se deslocar de um lugar para outro. Pode até não ser verdade, mas você não vai querer acabar com a magia, vai?

Teve mais alguma ideia ou acha que faltou alguma coisa aí em cima? Escreve pra gente! Vamos adorar saber das suas considerações.

Até a próxima!

Luciana Ribeiro
Change Treinamento em Turismo

 


TAGS:  Guias de Orlando   DOS & DONTS   Luciana Ribeiro  

Comentários (Facebook)

Voltar